26.4 C
New York
junho 25, 2019
Notícias

Últimas apresentações do espetáculo infantil “Pedro e Quim”

A Cia. Paidéia de Teatro acaba de receber o Prêmio APCA na categoria Teatro Infantojuvenil- Grande Prêmio da Crítica.. A Associação Paulista de Críticos de Arte premiou o grupo pela realização de dois espetáculos com temas urgentes e necessários: Vamos para a Escola!, sobre os rumos tomados pela educação no Brasil, e Pedro e Quim, que discute  diversidade étnica, assim como bullying, tolerância e respeito.  A cerimônia de entrega acontece em 2019.

A última chance de conferir Pedro e Quim em 2018 é neste final de semana. As sessões acontecem sábado e domingo, 15 e 16 de dezembro, às 17 horas, na sede da Paideia (Rua Darwin, 153- Santo Amaro). Os preços são populares (R$ 20,00 – inteira e R$ 10,00- meia).

A montagem inédita da Cia. Paideia, com texto e direção de Amauri Falseti, é inspirada na história real de uma família judia alemã que fugiu para o Brasil em 1938.O espetáculo narra a história de amizade e confidência entre dois irmãos, Pedro e Quim, que têm de lidar com a realidade de uma perseguição que, até então,  eles não compreendem.

Última sessões de 2018:
15 de dezembro- Sábado, às 17 horas
16 de dezembro- Domingo, às 17 horas

“A peça conta a história específica de uma família, mas o público vai se identificar com o afeto entre os personagens e a coragem que eles têm para enfrentar juntos as dificuldades”, afirma o fundador da Paideia, autor do texto e diretor do espetáculo, Amauri Falseti.

Em destaque no elenco: Aglaia Pusch, Rogério Modesto e Valdênio José. A assistência de direção é de Ana Luiza Junqueira; a direção musical é de Margot Lohn Kullock; com cenário e figurinos de Aby Cohen e iluminação de Wagner Freire.

A história da peça Pedro e Quim
De forma delicada, a montagem aborda as complexidades específicas de um momento histórico e as questões que influenciam a vida de algumas crianças. Pedro e seu irmão mais novo, Quim, são os personagens centrais que lidam com a violência na escola e a falta que sentem de seus pais, quando estes não podem estar presentes. Os dois têm que se adaptar às mudanças no cotidiano e buscar força e esperança na fantasia dos contos de fadas e no apoio dos familiares.

Durante as noites, os irmãos Pedro e Quim gostam de conversar. Pedro conta histórias fantásticas, mas Quim está mais interessado em entender porque as coisas estão diferentes em casa: “Todos os dias, quando você chega da escola,  a mamãe chora.. Você pensa que sou bobo. Mas não sou”, afirma o caçula numa noite.  Pedro não tem todas as respostas, não sabe porque seu pai teve de viajar. Ele só sabe que sua vida não está fácil com as outras crianças: “No começo, só alguns me agrediam. Mas agora toda a classe me persegue”, explica ao mais novo, antes de ele também ter que partir.

Conheça o grupo
Fundada em 1998 por Amauri Falseti e Aglaia Pusch, a Paideia Associação Cultural é uma instituição regida pela Cia. Paideia de Teatro que se dedica aos jovens e às crianças. Hoje, sua sede é um importante polo cultural da região de Santo Amaro. Jovens e crianças fazem oficinas semanalmente no local, além de professores, educadores e artistas.

A Paideia mantém uma vasta programação cultural e, anualmente, realiza o Festival Internacional Paideia de Teatro para a Infância e Juventude.

Em 2018, a Cia. Paideia está indicada à 31ª edição do Prêmio Shell de Teatro (1º semestre) na categoria Inovação, pela relevância de seu trabalho na formação de plateia com intercâmbios nacionais e internacionais. Em 2017, o grupo recebeu o Prêmio Governador do Estado de São Paulo para a Cultura, na categoria Arte para Crianças, em votação popular, com 71% dos votos.

Em 2010, a Paideia recebeu o Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem na Categoria Especial por sua programação intensa e diversificada, e, desde 2009, foi reconhecida como Ponto de Cultura. O grupo teatral conquistou inúmeras indicações e por quatro vezes recebeu o Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem e também o APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte).

Ao longo da história da Paideia, o grupo contou com o apoio de instituições, consulados, artistas, empresas, amigos e dos jovens.

Saiba mais: www.paideiabrasil.com.br

Ficha Técnica
Texto e Direção: Amauri Falseti
Assistência de direção: Ana Luiza Junqueira
Direção musical: Margot LohnKullock
Cenário e figurinos: Aby Cohen
Iluminação: Wagner Freire
Preparação Corporal e Vocal: Suzana Azevedo
Elenco: AglaiaPusch, Rogério Modesto e Valdênio José
Duração: 60 min.
Indicação etária: 6+

Sessões:
15- Sábado, 17 horas
16- Domingo, 17 horas

Ingressos: R$ 30,00 (ingresso solidário); R$ 20,00 (inteira); R$ 10,00 (meia);
entrada gratuita para professores da rede pública e alunos da EMEF Carlos de Andrade Rizzini

CIA PAIDEIA DE TEATRO
Rua Darwin, 153 – Santo Amaro (próximo ao Mercado Municipal de Santo Amaro)
São Paulo – SP
Informações: Tel. (11) 5522-1283

Posts relacionados

“IV Concurso Nacional FETAERJ de Dramaturgia – PRÊMIO JOÃO SIQUEIRA” abre inscrições de 2 de abril a 5 de maio de 2019

Redação

Feriados de fim de ano no Nam Thai

Redação

Novos episódios de “Pica-Pau” são lançados em canal no YouTube

Alyson Fonseca

Maria Mourão lança a coleção 40 Graus

Redação

Ocupação Multifoco Companhia de Teatro leva obras do dramaturgo Matéi Visniec ao Teatro Municipal Ziembinski

Redação

Nova Friburgo sedia maior evento de moda íntima da América Latina

Redação

Deixe um comentário