TV Globo lança caderno sobre gênero e fecha parceria com a Coordenadoria de Diversidade Sexual da Prefeitura do Rio

A TV Globo está lançando uma publicação do Globo Universidade chamada Cadernos Globo com o tema gênero que será apresentada ao público na próxima quarta-feira, dia 28 de Junho, dia Internacional do Orgulho LGBT, no teatro Solar, em Botafogo.  O evento que é gratuito e aberto ao público, contará com debates, oficina de maquiagem, performances artísticas e exibição de curta-metragem, exposição, e distribuição gratuita da publicação.

 A Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual, órgão da prefeitura do Rio, selecionou junto a Globo quatro mulheres transexuais e um homem trans, que participam dos programas sociais de empregabilidade, saúde e educação, do município, para trabalharem no evento. Serão quatro recepcionistas e uma ajudante de produção.

O debate de gênero é importantíssimo para desmistificar o assunto na sociedade, muitas vezes as pessoas trans são invisibilizadas, a vulnerabilidade da população transexual é imensa, a expectativa de vida é de 30 anos e 73% evadem da escola, conta Nélio Georgini, que é  o Coordenador Especial da Diversidade.

“É uma minoria silenciada pelo mercado de trabalho, ao oferecer oportunidades, empregar, criamos uma nova perspectiva para essas pessoas, a preocupação da Globo com a falta de espaços no mercado de trabalho também é nossa barreira diária a ser quebrada, no programa social da coordenadoria “Trans+Respeito” buscamos oferecer oportunidades de emprego formal através da sensibilização de  órgãos públicos e empresas privadas” conta Georgini.

Para colaborar com a curadoria de conteúdo, o Globo Universidade contou com a parceria da ONU Mulheres, do Fundo Elas e da SSEX BBOX, três instituições envolvidas com a pesquisa, as políticas públicas e a militância em questões de Gênero. Participarão dos debates sobre feminismos, masculinidades e universo LGBTQIA os articulistas da publicação, ativistas e o elenco da Globo, com a mediação de profissionais da emissora.

Intercalando as conversas, cinema, teatro e música. A atriz Larissa Bracher interpretará Norrie Way-Welby, primeira pessoa do mundo reconhecida legalmente como “sem gênero específico” em Genderless – Um Corpo Fora da Lei, um monólogo da Ocupação Rio Diversidade

Já o curta “Além da Norma” retrata o dia-a-dia de jovens paulistas não-binários, que buscam a fluidez de gênero. Quem quiser aprender a arte da maquiagem Drag poderá se inscrever em uma oficina gratuita com a Drag Queen Malona. Para celebrar a data haverá um pocket show de encerramento com a Linn da Quebrada.

O evento será exibido por streaming nos canais oficiais: globouniversidade.com.b

 https://www.facebook.com/events/1853450428240078/

Serviço:
Quando? 28 de junho, de 13h às 21h
Onde? Teatro Solar de Botafogo – Rua General Polidoro, 180, Botafogo, Rio de Janeiro
Entrada gratuita
http://redeglobo.globo.com/globouniversidade/novidades/noticia/corpo-artigo-indefinido.ghtml

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.