Turismo Gastronômico: seis destinos para conhecer

Moussaka
Moussaka

A comida faz parte da cultura de um lugar e, claro, da identidade de seu povo. Viajar sem experimentar a comida local pode ser não ser uma viagem completa.

Alguns viajantes elevam esse conceito a outro nível, já buscando viajar para lugares que são conhecidos por esse motivo e fazendo parte de um nicho que só cresce: o turismo gastronômico.

Se você se animou com a ideia, segue uma lista de destinos ideais para quem ama conhecer novos pratos e sabores. Se durante a leitura você ficar salivando e já quiser planejar sua viagem; fica a dica: para encontrar passagens aéreas com preços baixos, clique aqui.

  • Grécia

Não só das paisagens estonteantes vive a Grécia. Quando o papo é gastronomia, os gregos também se destacam.  Tendo a cozinha mediterrânea como base, a culinária grega tem como base azeite, grãos, peixes, carne de carneiro e porco em.

Provavelmente o prato mais típico da Grécia é a Moussaka: uma massa com berinjelas, carne de cordeiro, canela e vinho. Os Keftedes também devem estar no cardápio do turista gastronômico. Eles lembram nossos mini-kibes em seu formato, mas são bolinhas de carne picante.

Impossível não falar do Queijo Feta, um dos produtos mais conhecidos do país. Um dos usos do queijo está nas saladas. O Ouzo, a cachaça grega, também é conhecidíssima por ser uma bebida forte, porém saborosa. Vale a pena experimentar!

  • Uruguai

O Uruguai é um fantástico destino para apreciadores de carnes. O melhor lugar para experimentá-las  é no Mercado del Puerto, em Montevidéu, onde vários restaurantes se concentram.

Além das carnes, o Uruguai é ótimo para apreciar boas bebidas, como o Clericot – uma bebida que vem em uma jarra e que é cheia de frutas e vinho branco. Refrescante e muito saborosa.  

Outra bebida que deve ser degustada em sua ida ao Uruguai é o Medio y Medio – que consiste na mistura de vinho branco com espumante. É comum darem provas dessa bebida no Mercado del Puerto.

Assim como seu vizinho, o Uruguai também é conhecido pelas empanadas, vinhos, doce de leite e alfajores, mas não com tanto destaque quanto a Argentina.

  • Argentina

Um dos destinos favoritos dos brasileiros é também um prato cheio para quem ama fazer turismo gastronômico.

É impossível dar mais de dez passos em Buenos Aires sem ver o anúncio do famoso bife de chorizo con papas fritas. As empanadas argentinas – que se parecem com pastéis de forno, mas com massa fina – se destacam e são vários os recheios disponíveis: carne, milho, queijo, espinafre, e muitos outros.

Os alfajores e o doce de leite são sensação entre moradores e turistas e, assim como o chorizo com papas fritas, tem em todo lugar. Vale a pena ir ao mercado comprar as inúmeras marcas disponíveis.

Para beber, não deixe de experimentar os vinhos de excelente qualidade e com preços baixos. As cervejas argentinas também são ótimas.

Para finalizar, impossível não falar dos sorvetes argentinos. Assim como os vinhos, vale a pena experimentar todos possíveis, mas não deixe de ir ao Freddo e ao Volta.

  • Itália

Como fazer uma lista de destinos convidativos para o turismo gastronômico sem falar da Itália?  

As pizzas italianas são tão famosas, tão gostosas e a um preço tão atrativo que é comum atribuir o país a sua origem.

O risoto também é de lá e pode ser feito de diversas formas: com camarão, frango, bacalhau. A bruschetta também é um exemplo de comida que se transforma. As massas, assim como a pizza, também são pratos muito procurados. Os destaques ficam para o Gnocchi, o Spaghetti e a Lasagna.

  • França

A culinária francesa é referência no mundo inteiro e é conhecida especialmente por sua sofisticação.

O escargot é um dos pratos mais tradicionais do país. Aos que não gostam de nada muito peculiar na hora de se alimentar, vale dizer que o escargot é um tipo de caracol.

Na fila de pratos exóticos, vem o também polêmico foie gras, que nada mais é que o fígado de ganso inchado. O alimento é tido como um dos mais sofisticados e, por isso, guardado para ocasiões especiais pelos franceses.

O ratatouille está entre os pratos mais tradicionais da França e é uma ótima opção para os vegetarianos, visto que os ingredientes básicos são: berinjela, cebola, abobrinha, tomate, pimentão e alho.

Embora leve 5 horas para ser feito, o Boeuf Bourguignon segue na lista de comidas típicas da França. Em sua receita estão músculo cozido em vinho tinto, batata, cenoura e cebolinha.

  • Brasil

O Brasil é cheio de pratos típicos de Norte a Sul.

Em São Paulo concentra-se o maior número de restaurantes renomados, mas é onde a comida de rua (food trucks) ganhou mais espaço no país.

No Nordeste, os pratos feitos com frutos do mar são um verdadeiro deleite para quem ama peixes, ostras e muito mais. Mas a Carne de Sol é um espetáculo à parte.

Também feito com peixe, a Moqueca Capixaba é um prato típico do Espírito Santo, mas que acabou sendo conhecido em todo Brasil.

A culinária mineira é extremamente saborosa, mas a parada obrigatória está no pão de queijo em sua terra natal.

O Pato no Tucupi é um prato típico do Pará, que leva um pato assado com molho feito a base do Tucupi – que é tirado da raiz da mandioca.

O churrasco é um dos nossos patrimônios, mas certamente quem entende mais dele é o Rio Grande do Sul. Impossível ir lá e não visitar uma churrascaria!

Do açaí ao pastel frito, da tainha ao barreado, do brigadeiro ao pudim, o Brasil é uma opção maravilhosa para fazer um grande turismo gastronômico.

Gostou da nossa lista? Qual lugar você quer muito visitar? Conte para gente nos comentários!