Trio Pé de Mamoeiro no Restaurante Sobrenatural

Trio Pé de Mamoeiro no Restaurante Sobrenatural

Pé de Mamoeiro - foto: Rodrigo Ricordi
Pé de Mamoeiro - foto: Rodrigo Ricordi

Paula Dürks (voz), Andrei Holanda e Eric Amanthea (violão), unidos pela boemia carioca e saraus de amigos, formam o PÉ DE MAMOEIRO. O trio apresenta um repertório de músicas brasileiras diferenciado, que vai de Guinga a Tom Jobim, passando por Juliano Holanda, Zé Paulo Becker, Mauro Aguiar, Chico Buarque e Vinícius de Moraes, por exemplo. Apresentam-se pela segunda vez no Restaurante Sobrenatural, em Santa Teresa, no sábado 21 de julho, a partir das 19h30, e fazem do evento especial, em comemoração ao aniversário do violonista Eric Amanthea.

O Trio
Paula Dürks é gaúcha e começou a cantar com cinco anos de idade. Entre aulas de canto e festivais, cresceu ao som dos vinis de Elis Regina e Rita Lee, de sua mãe. Conheceu Andrei cantando num café e veio morar no Rio de Janeiro para pesquisar sobre arte e direitos humanos. Hoje ela é a voz do Pé de Mamoeiro.

Eric Amanthea, natural de Londrina, no Paraná, teve contato muito cedo com a música e aprendeu a tocar violão e guitarra com seu pai aos 12 anos de idade. Tocou por muitos anos em diversas bandas de rock no Paraná, mas sua identificação com o choro e a escola brasileira do violão de seis e sete cordas foram decisivas para sua mudança para o Rio de Janeiro. Há nove anos no Rio e se dedicando ao violão de 7 cordas, Eric tem se apresentado com diversos grupos e rodas de choro em concertos e bares pela cidade, incluindo o quinteto de choro “Julio Rabello Quinteto”. Em 2015, esteve também em Portugal para uma temporada de apresentações e hoje, além do Pé de Mamoeiro, acompanha algumas cantoras pelos palcos da cidade.

Andrei Holanda é natural do Recife, Pernambuco, mas cresceu no Rio Grande do Sul. Aprendeu a tocar violão ainda guri e cresceu tocando em bandas de rock, em festivais e casas noturnas. A paixão pela música brasileira só surgiu mesmo quando veio morar no Rio de Janeiro. Aqui, onde a boemia se faz presente em cada esquina, passou a frequentar rodas de choro e bares de samba-jazz, onde fez amizade com pessoas do meio. Começou, então, a estudar o violão de seis e sete com mais afinco, e foi quem uniu o trio Pé de Mamoeiro.

SERVIÇO

Música ao vivo com o trio “Pé de Mamoreiro”.
Local: Restaurante Sobrenatural Sta.Teresa (Rua Almirante Alexandrino, 432, Santa Teresa – Rio de Janeiro, RJ)
Data: sábado, 21/julho
Horário: 19h30
Couvert Artístico: R$10 (Somente em dinheiro)
Reserva de mesas: (021) 2224-1003
Classificação: livre.
Cardápio promocional: aperitivos selecionados da cozinha e bebidas a R$10, cada.
O restaurante aceita cartões de débito e crédito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here