Tapí Tapioca inaugura sua primeira loja de rua, no Leblon

Lançada em 2014, sobre as quatro rodas de um food truck, a Tapí Tapioca está completando seus três anos com novidades. Doze meses depois de abrir dois pontos no aeroporto do Galeão, em agosto a marca inaugura sua primeira loja de rua, no Leblon, com novo cardápio, que contará com 20 recheios originais e clássicos, envoltos por goma artesanal, fininha e crocante. Para cada etapa do dia haverá opções: café da manhã, almoço e happy-hour, com receitas como a Panquequinha de Tapioca servida com mel (duas unidades, R$12), os Danadinhos de Tapioca assados (R$15),  versão da casa para os já clássicos cubinhos com queijo coalho, e a guacamole com chips de aipim (R$15).

Marianna Ferolla
Marianna Ferolla

“Outra novidade da Tapí Leblon é o empório, onde vamos vender produtos artesanais e nacionais para os clientes levarem o gostinho do Brasil para casa, como rapadura, pimentas, beijú, café e, claro, a nossa goma fresca de fabricação própria, sem qualquer aditivo químico”, conta Marianna Ferolla, sócia-fundadora da Tapí. “Hoje, temos dois pontos no Galeão, o Tapí em Casa, para festas e eventos particulares, o food truck e o Tapizinho, nossa versão mini. Esta loja é um novo desafio para a gente, onde vamos poder explorar ainda mais a nossa essência, que vem da comida de rua, e a criatividade com receitas novas”.

Novos sabores de tapioca, petiscos e combos estreiam no cardápio
A Tapí Leblon funciona das 7h às 21h, diariamente. Por isso, a loja sugere menus especiais para cada momento. Para começar o dia,  o café da manhã oferece opções como “o barato da Tapí”, com tapioca na manteiga e café expresso Moccato (R$9,90), e o “combo da matina”, com tapioca com quatro opções de recheios e suco natural (R$19,90). Na hora do almoço, boa pedida é o “rango da Tapí”, com tapioca, salada e bebida (R$29,90). Uma porção de chips de mandioca fininhos e crocantes e uma cerveja Heineken saem por R$13 no “Tapí-hour”. Na parte de belisquetes, os clientes poderão pedir pão de queijo Nuu (oito unidades, R$8), com requeijão ou doce de leite adicional (R$2).

Bolo de tapioca com coco
Bolo de tapioca com coco

Entre as estreias, estão a Cartola (R$14), receita típica de Pernambuco, com queijo minas padrão, banana, açúcar e canela, e a Tapí Larica (R$16), com pedaços de brownie e doce de leite. A casa também prepara opções vegetarianas, como a Leve (R$16), com minas, tomate seco e rúcula na goma com chia, com possibilidade de trocar o queijo por pasta de tofu para uma receita vegana. No capítulo “Tapí tô fit”, a Clara (R$14), com recheio preparado somente com clara de ovos temperada, e a Grão (R$14), com homus tahine caseiro e agrião, são opções proteicas. Para sobremesa,  a Mineirinha (goiabada cremosa e queijo minas padrão – R$14), que é um dos hits nas lojas do Galeão, entra para o cardápio do Leblon.

As receitas que fizeram a fama da Tapí permanecem no menu. A Al Mare (R$20), que leva salmão defumado, cream cheese e cebola roxa marinada, é preparada na goma rosa, hidratada com suco de beterraba. As brasileiríssimas Baião (carne seca, requeijão cremoso e pimenta biquinho – R$18) e Caipira (pasta de frango desfiado com palmito pupunha e requeijão cremoso – R$16) são outras consagradas da casa.

Tapí
Tapí

Cestaria, objetos de coco e copos feitos de mandioca: charme e sustentabilidade
Dos cestos que revestem o teto, passando pelas charmosas cumbucas de coco até as colherzinhas para mexer o café, todos os objetos da Tapí Leblon foram garimpados pela sócia Marianna em viagens à Bahia. Produzidas por artesãos locais, as peças contam um pouco da história da marca, que se inspirou no universo indígena para aproximar a tapioca 100% carioca de sua origem.  O projeto de arquitetura foi desenvolvido pelo escritório Tavares Duayer, que trabalhou com marcas como Melissa, Reserva, Casa Ipanema e Void.

Além dos objetos de decoração e utensílios, até os descartáveis foram escolhidos com cuidado. Os copos são feitos de mandioca e se decompõem em apenas 90 dias, devolvendo à terra o que veio dela.

A Tapí
Os cariocas Marianna Ferolla e Diogo Zaverucha se inspiraram nas tradições indígenas e na culinária brasileira para criar a Tapí. A marca nasceu como um food truck em 2014, com a proposta de reverenciar receitas clássicas de tapioca, mas com toques de criatividade, todas feitas com goma artesanal, sem adição de conservantes. Em 2015, os sócios lançaram a Tapí em Casa, para eventos particulares. No ano seguinte, a marca estacionou no aeroporto Galeão, com loja no embarque doméstico e quiosque no embarque internacional. Em 2017, a Tapí abre sua primeira loja de rua, no Leblon.

Serviço Tapí

Rua Ataulfo de Paiva, 470, loja A – Leblon, Rio de Janeiro

Horário de funcionamento: diariamente, das 7h às 21h

Formas de pagamento: dinheiro, débito, crédito e vale refeição

Capacidade: 12 lugares

Site | Facebook | Instagram @tapitapioca

#tapitapioca #tapiocaisthenewpao #feitacomasmaos

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.