24.6 C
New York
junho 16, 2019
Notícias

Rodrigo Faour conduz ciclo de palestras sobre música popular brasileira no Sesc Copacabana

Rodrigo Faour - foto: Divulgação-Thiago Antunes

Pesquisador analisará ritmos, gêneros, intérpretes e autores desde o Brasil Colônia até os anos 70 à luz dos contextos político, social e cultural das épocas

 O jornalista, crítico e pesquisador musical Rodrigo Faour conduzirá no Sesc Copacabana um ciclo de palestras sobre a história da música popular brasileira com início nesta quarta-feira (15/05). Os encontros se estendem até 3 de julho, sempre às quartas-feiras, totalizando oito dias de programação, todos com entrada franca.

Nas palestras, Faour apresenta, com apoio de material audiovisual, a evolução dos ritmos, gêneros, intérpretes e autores mais importantes, analisando-os à luz dos contextos político, social e cultural das diferentes épocas. Começa pelo lundu, o maxixe, o choro, as cançonetas de duplo sentido no Brasil Colônia e Império e o início da discografia brasileira em 1902. Passa pela Eras de Ouro e do Rádio, pela Bossa Nova, os festivais, a Tropicália, a MPB, a explosão do samba e da música considerada cafona até chegar à invasão dos temas libertários, do rock e dos arranjos “internacionalizantes” na MPB.

Além de jornalista, crítico e pesquisador musical, Rodrigo Faour também atua como escritor, radialista, professor, apresentador de TV, diretor e roteirista de shows e produtor musical. Entre 2001 e 2015, produziu mais de 600 CDs, entre reedições e compilações. É o autor do best seller “História Sexual da MPB” (Ed. Record), em que realizou um estudo pioneiro unindo música e comportamento. A obra lhe rendeu frutos como programas de rádio e TV. Sua produção literária inclui ainda as biografias de Cauby Peixoto, Claudette Soares, Dolores Duran e Angela Maria, além de um livro sobre a “Revista do Rádio”.

SERVIÇO

Ciclo de palestras “Dos primórdios à explosão dos anos 70” – com Rodrigo Faour
Quartas-feiras, de 15/5 a 3/7 – Das 19h às 21h30
Sesc Copacabana: R. Domingos Ferreira, 160 – Copacabana
Entrada gratuita
Informações: (21) 2548-1088

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO

15/5 – Os primórdios da música brasileira – o lundu, o maxixe, o choro, as cançonetas de duplo sentido no Brasil Colônia e Império, o início da nossa discografia em 1902 e do samba e da marcha nos anos 1910

22/5 – A Era de Ouro – de 1929 a 1945

29/5 – A auge da Era do rádio – de 1946 a 1958

5/6 – A pré-bossa nova, a Bossa, a dor-de-cotovelo, o sambalanço e o início do rock – de 1958 a 1965

12/6 – Música de protesto – de 1965 a 1972

19/6 – A MPB eclética, criativa e engajada e o rock/soul dos anos 1970

26/6 – A explosão do samba e da música cafona, e o forró de duplo sentido nos anos 1970

3/7 – Festivais e a Tropicália até o início da chamada “MPB”.

Posts relacionados

Brunchinho realiza edição especial de Carnaval

Redação

Rio na Rua apresenta ‘Primeiro amor’ no Arpoador

Redação

Geneal no Rio Montreux Jazz Festiva

Redação

Rio Esporte Arte 2018: Rio de Janeiro ganha três murais de arte urbana

Redação

3º Oktoberfest Penedo leva shows, comidas e danças típicas no final de semana em Itatiaia

Redação

8º Baile de Máscaras do Bloco Mulheres de Chico no Teatro Rival Petrobras

Redação

Deixe um comentário