28.7 C
New York
julho 22, 2019
Notícias

Programação do Clube Manouche

Leonardo Lichote convida Tom Zé no projeto Cria – 25/06 – Terça, 21h
“Cria” é o nome do encontro mensal no Clube Manouche em que Leonardo Lichote, jornalista de música do jornal O Globo, conversa com um artista sobre o ato de criar e que desta vez recebeTom Zé.

A conversa é costurada, como não podia deixar de ser, pelas crias do artista – suas canções. Ao violão ou ao piano, ele mostrará algumas das suas composições para ilustrar suas falas, para provocá-las, para dar novo sentido a elas. Em alguns casos, vai trazer músicas de outros que marcaram, como influência, sua própria criação.

Vai ser bonito ver Tom Zé brincar na música e na palavra nesta edição. Como o amor que canta, nas conversas mais sábias (sabedoria de quem viveu e de quem tem a curiosidade voluptuosa de quem acabou de chegar), nas molecagens que escondem/revelam a profundidade filosófica de quem subverte a ordenação do mundo como quem brinca e tem a música e a palavra como pátios. Sobretudo por podermos ouvir – num momento em que o pensamento nos lança numa espiral de perplexidade pessimista – alguém que sabe olhar mais longe e que diz que a felicidade vai desabar sobre os homens, não demora e não tem saída – de cima, de banda ou de lado.

Já participaram de Adriana CalcanhottoJards MacaléMoraes MoreiraJoão BoscoMartinho da Vila e Alceu Valença, sempre contando histórias maravilhosas e cantando e comentando as músicas.

Serviço
Show: Cria – Leonardo Lichote recebe Tom Zé
Local: Clube Manouche/Casa Camolese (Rua Jardim Botânico, 983, Jardim Botânico, Tel: 3514-8200)
Data e horário: 25 de junho, terça, 21h
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) e R$ 40,00  (ingresso solidário: com 1 kg de alimento não perecível) e R$ 30,00 (meia) www.eventim.com.br
Classificação: 18 anos
Estacionamento no local (tarifado) 

Antonio Villeroy no show “Luz Acesa” – 26/06 – Quarta, 21h
O gaúcho Antonio Villeroy, que não se apresenta no Rio há três anos, trás o show “Luz Acesa”, em que faz um balanço de seus 38 anos de carreira, dando roupagem intimista às suas composições de maior sucesso.

Sozinho, acompanhando-se aos violões, além de desfiar um repertório de 18 músicas, conta algumas histórias de sua trajetória profissional, em meio a hits gravados por artistas como Ana Carolina e Maria Bethânia, entre elas “Garganta”“Recomeço” e “Entreolhares” (The Way You’re looking at Me),parceria com John Legend e Ana Carolina. Também no repertório “Heroína e Vil㔓Amores Possíveis” (parceria com João Nabuco) e a música título do show, “Luz Acesa”, feita com Ana Carolina.

Villeroy já lançou um DVD, nove CDs e tornou-se um dos compositores brasileiros mais gravados dos últimos tempos. São cerca de 250 canções interpretadas por mais de 110 artistas do Brasil e de outros países das Américas, Europa e África. Entre os principais intérpretes, podemos listar, do Brasil, Ana Carolina, Gal Costa, Ivan Lins, João Donato, Maria Bethânia, Maria Gadú, Mart’nália, Moska, Preta Gil, Seu Jorge e Zizi Possi; da Itália, Chiara Civello e Mario Biondi; dos Estados Unidos, Don Grusin, Jesse Harris e John Legend; da Argentina, Dolores Solá; do continente africano, Lokua Kanza (República Democrática do Congo) e Alune Wade (Senegal), entre outros artistas ao redor do mundo. E algumas de suas canções foram temas de filmes, novelas e minisséries no Brasil e exterior.

Antonio Villeroy também está lançando nas plataformas digitais todos os seus discos, além de um EP com canções que foram temas de novela em sua voz e três singles. Todo esse acervo pode ser encontrado no Spotify, Deezer, I Tunes e Apple Play, além da disponibilização de diversos vídeos clipes em seu canal de Youtube.

Serviço
Show: Antonio Villeroy no show “Luz Acesa”
Local: Clube Manouche/Casa Camolese (Rua Jardim Botânico, 983, Jardim Botânico, Tel: 3514-8200)
Data e horário: 26 de junho, quarta, 21h
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) e R$ 40,00  (ingresso solidário: com 1 kg de alimento não perecível) e R$ 30,00 (meia) www.eventim.com.br
Classificação: 18 anos
Estacionamento no local (tarifado)

Duda Brack e Chico Chico no Projeto Lab Manouche – 27/06 – Quinta, 21h
Nesta edição do Lab Manouche, projeto mensal do Manouche dedicado aos novos nomes da cena musical brasileira –  com curadoria da cantora e atriz Karine Carvalho e Alessandra Debs, programadora da casa – a atração será o Duda Brack e Chico Chico. 

Esse encontro traz no repertório canções dele, canções dela, parcerias inéditas dos dois juntos, canções de amigos e ídolos em comum (como João Mantuano, Posada, Alzira Espíndola e Itamar Assumpção)

Duda Brack  Cantora e compositora, gaúcha, 25 anos. Em 2015, aos 21 anos, lançou seu primeiro (e aclamado) disco, intitulado “É”, e desde então vem sendo apontada como uma das grandes vozes femininas a emergir na cena musical contemporânea. Em 2017, a convite de Charles Gavin (ex-Titãs) e da gravadora Deck, Duda entrou em estúdio novamente para gravar “Primavera nos Dentes” (tributo aos Secos & Molhados). O projeto foi muito bem recebido pelos integrantes da banda original e rendeu elogios públicos à Duda por parte de Ney Matogrosso. Atualmente a artista está em processo de pré-produção do seu próximo projeto solo, com lançamento previsto para o segundo semestre de 2019.

Chico Chico – Tem feito participações especiais em shows e discos de parceiros como Ana Cañas, Posada, Troá, Daíra, Pedro Luís, Orquídeas do Brasil (banda que acompanhou Itamar Assumpção) e a própria Duda Brack. Após o projeto pessoal “2×0 Vargem Alta”, que virou disco e uma série de shows com Júlia Vargas e Rodrigo Garcia durante 2 anos, Chico está rodando os palcos do Brasil desde 2016 com o parceiro João Mantuano e esta finalizando a gravação de CD com a banda 13.7, um trabalho totalmente autoral.

Serviço
Show: Duda Brack e Chico Chico no Projeto Lab Manouche
Local: Clube Manouche/Casa Camolese (Rua Jardim Botânico, 983, Jardim Botânico, Tel: 3514-8200)
Data e horário: 27 de junho, quinta, 21h
Ingressos: R$ 50,00 (inteira) e R$ 30,00  (ingresso solidário: com 1 kg de alimento não perecível) e R$ 25,00 (meia) www.eventim.com.br
Classificação: 18 anos
Estacionamento no local (tarifado) 

Temporada “Segue O Baile” – Zé Ricardo – 28/06- Sexta, 22h
Zé Ricardo segue com a nova temporada do “Segue o Baile”, show que nasceu encerrando todas as noites do Palco Sunset do Rock in Rio de 2017, do qual Zé é diretor artístico, recebendo um convidado por noite.

“O show é uma celebração ao groove e à amizade, com clima de festa e música para dança. É uma grande reunião de amigos, animada por uma espécie de jam session organizada, com arranjos e tudo mais”.  Pelo palco já passaram nomes como Mart’nália, Alcione, Jorge Aragão, Johnny Hooker, Almério, Lucy Alves, Fernanda Abreu, Preta Gil e Lêllezinha. 

Depois de um breve hiato dedicado aos inúmeros projetos em que está envolvido – seja a criação de trilhas sonoras, a produção musical de discos ou a direção artística de espetáculos e festivais – o músico segue empolgado com este show-baile. “É um projeto para dançar, para se divertir”. Além de músicas autorais que tocaram nas rádios como “Dançando com a Vida” (parceria com Sandra de Sá) e “Na Ponta do Pé” (com Gabriel o Pensador), o repertório traz releituras dançantes de canções nacionais e estrangeiras, como “Waiting in Vain” (Bob Marley), “Come Together” (Beatles), “Canto de Ossanha” (Vinicius de Moraes/ Baden Powell), “Dia de festa” (Jorge Ben Jor) e “Eu só quero um Xodó” (Dominguinhos/ Anastácia), em levadas que transitam pelo soul, funk, R&B e rock, muitas delas com batidas eletrônicas.

Zé Ricardo, voz, guitarra e violão, é acompanhado por Gê Fonseca, teclado, Marcelo Linhares, baixo, Wallace Santos, bateria, Claudio Costa, guitarra e violão, Sandro Guimarães, sax, e Vander Nascimento, trompete.  Antes e após o show, a festa é embalada pelo DJ Neguety, do coletivo Eu Amo Baile Charme, sensação das noites na Zona Norte carioca. 

Serviço
Show: Zé Ricardo em temporada do “Segue o Baile”
Local: Clube Manouche/Casa Camolese (Rua Jardim Botânico, 983, Jardim Botânico, Tel: 3514-8200)
Data e horário: 28 de junho, sexta, 22h
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) e R$ 45,00  (ingresso solidário: com 1 kg de alimento não perecível) e R$ 30,00 (meia) www.eventim.com.br
Classificação: 18 anos
Estacionamento no local (tarifado) 

The Jig, banda holandesa de jazz-funk – 29/06 – Sábado, 21h
Atração do Festival de Jazz e Blues de Rio das Ostras 2019, a big band The Jig, formada em Amsterdã e radicada nos últimos anos em Nova Iorque, faz um rasante no RJ para apresentar seu “jazz-funk” instrumental de seu novo álbum “Aargh!”, composto com elementos do soul, afrobeat, rhythm n’ blues e jazz com uma atitude bem rock & roll.

A banda trás o som cativante dos metais e o som pesado do baixo – original, quente e próprio – entoando grooves dançantes, com Joep van Rhijn, trompete, Koen Schouten, sax barítono, Jeroen van Genuchten, sax tenor, Martijn Smit, guitarra, Bas Grijmans, teclados, Arry Niemantverdriet, baixo, e Niels van Groningen, bateria. 

Conhecida por seus shows poderosos e emocionantes – é uma das poucas bandas do jazz-funk genuíno na Europa – inspirado por heróis como Bootsy Collins, Lettuce e James Brown, The Jig cria seu próprio som original: vintage e atual, ao mesmo tempo. Nos últimos dois anos, tem atuado em mais de 100 shows por palcos de renome e festivais na Holanda, Espanha, Inglaterra e Leste Europeu.

Serviço

Show: The Jig – banda holandesa de jazz-funk
Local: Clube Manouche/Casa Camolese (Rua Jardim Botânico, 983, Jardim Botânico, Tel: 3514-8200)
Data e horário: 29 de junho, sábado, 21h
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) e R$ 40,00  (ingresso solidário: com 1 kg de alimento não perecível) e R$ 30,00 (meia) www.eventim.com.br
Classificação: 18 anos
Estacionamento no local (tarifado)

Posts relacionados

Hamlet | Espetáculo da Armazém Companhia de Teatro se apresenta no Teatro Santa de Isabel

Alyson Fonseca

Feijoada do Sambarazzo chega em sua 4ª edição trazendo shows de Jorge Aragão e Diogo Nogueira na Lagoa

Redação

Ocupação Multifoco Companhia de Teatro leva obras do dramaturgo Matéi Visniec ao Teatro Municipal Ziembinski

Redação

Biquini Cavadão em Uberlândia

Redação

Miá Mello estrela a peça “Mãe Fora da Caixa”Miá Mello estrela a peça “Mãe Fora da Caixa”

Redação

Outubro Rosa inspira alimento solidário

Redação

Deixe um comentário