“Pressa” em 11 de agosto com os Fodidos Privilegiados

Pressa, Estreia no Sesc Tijuca no dia 11 de agosto e trata-se de uma peça inédita, escrita pelo autor e ator paulistano Octávio Martins, oferecida a nós, (Companhia Os Fodidos Privilegiados) uma das mais conceituadas e consagradas companhias cariocas, a peça tem uma dramaturgia moderna, provocadora, não linear, fragmentada e bastante dinâmica com cenas curtas e entrecortadas, que focam personagens marcados pela brutalidade e achatamento e que determinam suas ações, mantendo-os aprisionados na lógica absurda do imediatismo alienante que encobre a amoralidade, a corrupção e a falta de escrúpulos nas relações e nos discursos da vida cotidiana.

Desde 2011 sem uma montagem inédita, e várias leituras da CIA com vários autores contemporâneos e clássicos, optamos por este texto que aborda relações pessoais afetadas pela urgência. São quatro histórias com onze personagens, que têm suas trajetórias cruzadas por questões que demandam uma solução de curto prazo. Por trás da lógica absurda do imediatismo alienante, está a amoralidade, a corrupção a falta de escrúpulos, a brutalidade e a perversão nas palavras e nos atos.

“Comédia Russa” de Pedro Brício, produção anterior da companhia 2010/2011, também tratava desse universo caótico e em transformação, de como as pessoas são capazes de se alienar e se corromper num mundo cada vez mais “selfie-ish” e “globalizado”, Ambientada numa repartição pública na Rússia, a peça traça um painel corrosivo sobre a mediocridade do nosso sistema público, no vale tudo por um emprego estável, em que todos acabam aniquilados pela falta de ética.

A Cia. Fodidos Privilegiados, que desenvolve desde 1995, mesmo sem um subsídio permanente para suas atividades, a prática de oficinas, seminários, grupos de estudos e pesquisa, leituras dramáticas, tributos e montagens de textos clássicos e contemporâneos de autores nacionais e estrangeiros, vem solicitar o apoio da a fim de dar continuidade ao seu trabalho cênico, de investigação de linguagem e ampliação de plateias no teatro, horizontes que pautam sua linha de atuação no mercado cultural brasileiro.

O Autor, Otavio Martins, paulistano, é também ator, com algumas peças inéditas, escreveu esta peça em 2009 fez leitura dramatizada em SP, sendo aqui com a Cia. A montagem inédita.

Na direção João Fonseca e Nello Marrese, como diria nosso Mestre “ Quero formar diretores” pela primeira vez eles dividem uma direção.

Pressa
O espetáculo estreia no Rio de Janeiro dia 11 de Agosto no Sesc Tijuca, onde ficará em cartaz até o dia 03 de Setembro – Sextas, Sábados e Domingos as 20:00hs.  

Ficha Técnica:

Autor: Otavio Martins
Direção: João Fonseca e Nello Marrese
Cenário: Nello Marrese
Figurino: Victor Guedes
Iluminação: Luiz Paulo Nenen
Trilha Sonora: João Fonseca
Programação Visual: Mauricio Tavares
Produção: Filomena Mancuzo

Elenco: Elenco: Alexandre Pinheiro, André Dias, Daniel Rangel, Diogo Camargos, Filomena Mancuzo, Isley Clare, João Fonseca, Mariah Viamonte, Paula Sandroni, Rafaela Amado, Roberto Lobo, Rose Abdallah, Saulo Segreto e  Thaïs Portinho, como atriz convidada.

SERVIÇO: Teatro – DRAMA
Nome: Pressa
Autor: Otavio Martins
Direção: João Fonseca e Nello Marrese
Elenco: Cia. Fodidos Privilegiados: (elenco acima)
Local: Sesc Tijuca: Rua Barão de Mesquita 539
228 lugares – sexta, sábado e domingo as 20h
Ingressos: R$6,00; R$12,00; R$25,00
Por trás da lógica absurda do imediatismo alienante, está a amoralidade, a corrupção a falta de escrúpulos, a brutalidade e a perversão nas palavras e nos atos.
Temporada 11 de agosto a 03 de setembro.
Classificação: 16 anos