24.7 C
Rio de Janeiro
outubro 20, 2018
Música

O Terno faz último show no Rio de Janeiro do álbum Melhor do Que Parece

Apresentação com trio de metais ocorre no Circo Voador, conta com participação da cantora Letrux e abertura de Ana Frango Elétrico

A oportunidade de os cariocas se despedirem do terceiro disco de estúdio do trio paulista O Terno já tem data, hora e local: 20 de outubro, sábado, 22h. O palco do show derradeiro de Melhor do Que Parece será o Circo Voador, casa das últimas duas idas da banda à cidade. Para a festa, os músicos convidam a cantora Letrux, que fará uma participação, e contam com o apoio mais que especial de um trio de metais. O Terno ainda recebe Ana Frango Elétrico na abertura da noite.

Após dois anos de estrada, apresentando as canções pelos quatro cantos do Brasil (e fora dele em Portugal e nos festivais Primavera Sound, Week-end Festival e Brasil Summerfest), a turnê do mais recente lançamento d’O Terno está se encerrando – com direito a um show no Lollapalooza Brasil no meio do caminho. Melhor do Que Parece (2016) foi eleito Melhor Disco do Ano pelo jornal O Estado de S.Paulo e figurou nas principais listas especializadas. Desde dezembro de 2016, Tim Bernardes (vocais, guitarra e teclado), Guilherme d’Almeida (baixo) e Biel Basile (bateria) resolveram incluir trompete, trombone e saxofone aos arranjos, o que deu ainda mais cor para as músicas.

Uma das integrantes do repertório é “Não Espero Mais”, atualmente na trilha sonora da novela vespertina Malhação. Seu videoclipe permaneceu por dois dias entre os mais vistos do YouTube Brasil quando foi lançado, em 2017, e o Prêmio Multishow o escolheu como “Melhor Direção”. Além desta, destacam-se “Ai, Ai,  Como Eu Me Iludo”, “Volta” e “Culpa”, premiado como “Melhor Videoclipe” no Prêmio da Música deste ano.

Ana Frango Elétrico fará o show de abertura no Circo Voador. Cantora, compositora, multi-instrumentista e artista visual, lançou esse ano seu álbum de estreia, Mormaço Queima. O trabalho é uma reunião de sete composições autorais “saturadas, com um universo poético surrealista miúdo, permeado por gostos, texturas e cores”, explica. Suas referências vão de Teletubbies a Nickelodeon dos anos 2000, fazendo das músicas desenhos animados. “Uma bossa-pop-rock decadente”, completa. A carioca que, além de cantar, toca guitarra, sobe ao palco acompanhada de baixo e bateria.

No dia 20, O Terno também vai contar com Letícia Novaes, a Letrux, para uma participação. “Eu sempre admirei muito a banda. A gente tocou juntos na festa do Cultura Livre, em 2012, e vi o quão geniozinhos e criativos os meninos são. Participar desta noite, pra mim, é pura diversão. Temos vibes cômicas parecidas, gosto muito, eles são talentosos pra dedéu. Vai ser um showzão no Circo, sem dúvida!”, disse a artista. No ano passado ela lançou o bem-aclamado Letrux em Noite de Climão, vencedor do Superjuri do Prêmio Multishow como “Melhor Disco”. O trabalho é posterior aos três CDs que já tem lançados sob a alcunha de Letuce.

Serviço

O Terno com metais @ Circo Voador – RJ
Data: 20 de outubro, sábado
Horário: 22h (abertura da casa)
Local: Circo Voador – Rua dos Arcos, s/n, Lapa, Rio de Janeiro – RJ

Ingressos: de R$ 40 (meia-entrada, primeiro lote) a R$ 100 (inteira, segundo lote), na bilheteria do Circo (terça a quinta-feira, das 12h às 19h; sexta-feira, das 12h às 24h; sábado, das 14h às 24h) ou pelo site Tudus

Classificação etária: 18 anos (maiores de 16 anos entram acompanhados de representante legal).

Posts relacionados

Gilberto Gil, Ney Matogrosso e dezenas de artistas homenageiam Erasmo Carlos no Prêmio UBC

Redação

Todo mundo é passarinho com o sho do grupo musical Casa de Curió – ‘Fora da Gaiola’

Redação

Arte para todos na hora do almoço

Redação

Deixe um comentário