24.4 C
New York
julho 22, 2019
Gastronomia

Nam Thai celebra o Songkran – Ano Novo Tailandês – com menu especial

Nam Manao
Nam Manao

Como manda a tradição, o Nam Thai vai festejar o Songkran durante três dias. De 09 a 11 de abril (terça a quinta-feira), o chef David Zisman oferece menu especial (R$ 95) – duas entradas, prato principal e sobremesa. Para iniciar, o Kraton Tong – cestinhas crocantes com frangos milho e cúrcuma – é uma das entradas oferecidas. A degustação segue com uma deliciosa salada picante de filé mignon com folhas – o Yam Nuea.

Na ala principal, os peixes são as estrelas. O Ikan Mole leva lombo de peixe com marcante molho sambal, preparado com capim limão, castanha, pimenta e gengibre. Outra opção é uma das estrelas do menu: o Nam Manao – lombo de peixe com suave molho de limão. A terceira alternativa apresenta um perfeito equilíbrio de ingredientes ao mesclar suculento lombo de peixe com chutney de gengibre e chili no Nam Prik. 

Toda a tropicalidade da Tailândia, com toques de ingredientes também apreciados no Brasil, pode ser saboreada nas duas opções de sobremesas – Creme brûlée de coco com gengibre e Tiramissu de frutas tropicais.

“Na Tailândia, a festa antecede o plantio do arroz, alimento base de todas as culturas do Sudeste Asiático e que cresce nos alagados”, explica o chef David Zisman. “É tempo de desejar paz, felicidade e boa sorte”, acrescenta.

Songkran
Água, reverência ao nascimento do Buda e os melhores sabores à mesa é o tema da tradicional festa tailandesa celebrada no mês de abril. Entre os dias 13 e 15, os tailandeses comemoram o Songkran, nome milenar para Réveillon da Tailândia, que entra no ano 2562. Ele se assemelha à celebração no mundo ocidental, na qual as pessoas desejam renovar as energias e esperanças para o próximo ano.

O nome da festa vem do sânscrito e significa “passar ou mover-se para”. O princípio do Songkran é a tradição e a forma como os tailandeses agradecem à Buda pela graça concebida pela dádiva das chuvas para o plantio do arroz. Milhões de fiéis de todas as idades vão aos templos budistas para colocar água na imagem do deus e lavar as mãos dos monges budistas e dos idosos da comunidade. As ruas são tomadas por uma divertida guerra campal na qual os tailandeses jogam bolinhas de água uns nos outros.

O chef
Após 40 anos dedicados a medicina, David Zisman se encantou pela gastronomia tailandesa e investiu em uma nova carreira. O chef se formou no Kahsma School, em Oakland, na Califórnia, e no restaurante-escola Blue Elephant, em Bancoc. Em 2004, recebeu o selo de qualidade “Thailand’s Brand” do governo tailandês. Em maio de 2006, em cerimônia realizada em Bancoc, recebeu das mãos do Ministro de Comércio Exterior da Tailândia o selo “Thai Select Brand”, como sinônimo de autenticidade em culinária tailandesa – dos 30 mil restaurantes tailandeses que existem no mundo apenas 250 recebem a distinção, no Rio apenas o Nam Thai. Em 2009, ele recebeu o certificado de excelência “Pride of Thailand”. E desde então, não parou de conquistar o paladar dos comensais.

A paixão pela gastronomia exótica motivou este descendente de romenos a aprender o idioma tailandês e a viajar uma vez por ano ao país com o qual se identificou. É com a delicadeza dos locais e o bom humor dos cariocas que ele conta muitas histórias que fazem parte de sua vida. Mais do que um chef, David é um personagem importante no cenário gastronômico carioca.

Serviço:

NAM THAI
Rua Rainha Guilhermina, 95 A/B, Leblon – Rio de Janeiro – RJ
Tel.: 2259-2962.
Segunda das 19h à meia-noite.
Terça e quarta das 12h à meia-noite.
Quinta a sábado das 12h à 1h
Domingo das 12h às 22h30.
Aceita todos os cartões.
Capacidade: 90 pessoas.

Posts relacionados

Festival de Bacalhau no Tasca do Filho d’Mãe

Redação

Novidades no cardápio da Família Paludo 

Redação

Happy hour é novidade na casa argentina Corrientes 348

Redação

Evento gratuito ensina a compor mesa para queijos e vinhos na Barra  

Redação

Doces Natalinos

Redação

Gurumê inaugura quinta filial no Shopping Rio Sul

Redação

Deixe um comentário