Minas Gerais invade o Armazém do Chico com comida típica e moda de viola

As delícias de Minas Gerais vão invadir um pedacinho de Ipanema neste sábado (2), quando o Armazém do Chico (Rua Vinícius de Moraes, 110 C) abre as portas para os produtos da grife gastronômica Santa Mineirice. Queijos (Canastra, CATUÁ, Parmesão Artesanal da Mantiqueira, Mozzarella de Búfala e Minas Meia Cura) charcutarias artesanais (Copa, Picanha, Pernil e Lombos Suínos), doces, geleias e cafés estão no repertório que a mineira radicada no Rio de Janeiro Danielle Pascoalino, expositora em eventos gastronômicos e feirinhas pela cidade, levará ao local para uma tarde de degustação guiada.

“A missão da Santa Mineirice é aproximar o pequeno produtor e toda sua produção – que não é grande, mas de ótima qualidade – da cidade grande. São produtos 100% artesanais: nossos queijos não têm nada misturado, além de leite, pingo e coalho; a charcutaria é defumada na madeira, não tem conservante e nem fumaça química; os doces são todos da roça”, enumera Danielle, que tem como braço direito no negócio o pai, especialista em suinocultura e laticínio: “O controle de qualidade dos produtos fica por conta dele. Vou estar no Armazém contando as histórias de cada um deles, explicando um pouco a composição e oferecendo provinhas para o pessoal experimentar”. 

Autor de três livros sobre gastronomia (“Roteiros do Sabor Brasileiro”, “Roteiros do Sabor do Estado do Rio” e o novíssimo “Na Boca do Estômago”, lançado em setembro), além de sócio da casa, Chico Junior lembra que o Armazém, desde sua abertura, há pouco mais de um ano, sempre prezou por ser uma “espécie de oásis para quem quisesse encontrar iguarias de pequenos produtores brasileiros”. O que, de certa forma, inspirou a ideia de criar um evento com a Santa Mineirice.

“Já conhecia alguns produtos, principalmente os queijos, e o trabalho da Danielle Pascoalino à frente do Santa Mineirice. Ela é mineira, apaixonada pela produção e gastronomia do seu estado, pesquisa produtos e traz para o Rio. Um belo trabalho. Nos animamos com a possibilidade de apresentar para o público de Ipanema uma gama diferenciada de produtos de várias regiões de Minas”, comenta Chico. 

Para dar um ar ainda mais de “uai, sô” à tarde, o som será de uma tradicional moda de viola mineira, com o Baile de Viola, um trio de música instrumental que faz som com uma pegada dançante. O evento tem início às 11h, e quem quiser poderá almoçar (o prato do dia é a feijoada, ao preço de R$ 33,00), provar os sanduíches e degustar algumas das cervejas artesanais da casa – Praya, Mistura Clássica, Noi e Just Beer.

Serviço

Minas Gerais invade o Armazém do Chico
Local: Armazém do Chico
Data: 02/12
Horário: A partir das 11h
Endereço: Rua Vinícius de Moraes, 110 C, Ipanema
Aceita todos os cartões

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.