Livro responde as “origens do crime organizado”

O que é crime organizado? Qual a origem e quais as atividades dessa prática ilícita? Perguntas como essas nunca fizeram tanto parte dos questionamentos dos brasileiros como agora, em meio a um mar de denúncias  e descobertas de corrupção generalizada nos governos do país. De norte a sul, no nordeste, sudeste e principalmente no centro-oeste, o envolvimento de políticos no crime organizado assustam e abrem os olhos da população, que começa a se posicionar e clamar por moralização e justiça.

O que hoje causa indignação nos brasileiros já chamava a atenção  do advogado, professor universitário, JHaroldo dos Anjos. Em 1997, ele desenvolveu sua dissertação de mestrado que se transformou no livro “As raízes do crime organizado”. A pesquisa foi realizada junto aos presos  em duas cadeias do Rio de Janeiro (Polinter e Ponto Zero) e os resultados dos questionários foram comparados com as respostas dos estagiários de duas universidades: UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) e UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), onde ele estudava e lecionava na época. 

Booking.com

A obra teve dificuldade para ser publicada, por se tratar de um tema polêmico, que envolve pesquisas sobre os fenômenos criminológicos da corrupção e do crime organizado. Foram cinco anos de lutas e muitas tentativas sem sucesso, até a sua publicação com muita censura porque ninguém queira falar do assunto. Ele explica: 

O advogado Agripino de Castro Junior contemporâneo e  pós-doutor em Regulação de Transportes nos Portos e Navios, pela Harvard University,  conta que na época em que J.Haroldo desenvolveu essa tese a dimensão do crime organizado era bem menor se comparada aos dias atuais. Ele lembra que a pesquisa causou polêmica por sair de dentro de uma universidade pública.

O também contemporâneo, José Carlos Buzanello, hoje professor da UNIRIO e autor do livro Direito de  Resistência Constitucional, ed. América Jurídica, 2002, diz que J Haroldo foi o precursor da tese do crime organizado dentro do próprio Estado. E que sua iniciativa foi questionada por muitas pessoas, inclusive por ele próprio:

O livro também fala dos obstáculos ao desenvolvimento econômico e a consolidação do Estado Democrático de Direito. A obra trata de temas como Estado, Ética e corrupção; as origens, o conceito e as atividades do crime organizado; as origens e o poder do crime organizado e propostas  de combate à corrupção e ao crime organizado em suas conclusões.

“As raízes do crime organizado”, aponta o caminho para um combate eficaz dessa corrupção, que segundo J Haroldo dos Anjos, está em todo lugar e em todos os setores..

Uma leitura esclarecedora que em breve será atualizada a partir das experiência do Mensalão e da Lava Jato! Mais informações: www.jharoldoadvogados.com.br    

Booking.com