24.3 C
Rio de Janeiro
setembro 25, 2018
Livros

Lagartas e Borboletas

Lagartas e Borboletas (Franco, 72 p, $37) é o mais recente livro da escritora Ana Rapha Nunes, que se dedica a obras infantojuvenis. A personagem principal dessa história é Lara, uma menina de doze anos que vê o seu mundo se transformar com a entrada na adolescência, precisando aprender a conviver com tantas mudanças repentinas em sua vida.

Lara vivencia a separação dos pais, as transformações no corpo, as dificuldades escolares, a nova casa, e tantas outras mudanças que bagunçam os seus sentimentos, causando inseguranças, medos, dúvidas. Mas uma viagem inesperada para a casa da avó, que a princípio parece mais um problema, pode tornar-se um momento de descobertas e aprendizagem.

O livro aproxima as crianças e os jovens dessa realidade, mostrando o quão naturais são as mudanças ao longo da vida. A entrada na adolescência pode não ser nada fácil, mas é também um período repleto de agradáveis descobertas, que se tornarão doces lembranças na fase adulta.   

Lagartas e Boboletas tem capa e ilustrações assinadas por Amanda Freitas.

A autora: Ana Rapha Nunes nasceu no Rio de Janeiro em 1981 e mudou-se ainda na infância para Curitiba, onde vive até hoje. Desde pequena, alimenta a paixão pelos livros, o que a levou a cursar Letras, atuando como professora do Ensino Básico e Universitário por mais de dez anos. A autora lançou seu primeiro livro em fins de 2015. Pouco depois, começou a se dedicar integralmente à Literatura. O seu livro Mariana – obra que retrata a tragédia ocorrida na cidade mineira pela perspectiva de uma menina de doze anos – está na 7ª edição em dois anos. Ana Rapha visita várias escolas do país, falando sobre a importância da leitura literária para a formação das crianças e dos jovens. (www.anaraphanunes.com.br)

 

Posts relacionados

Virgílio Rigonatti estará na programação parelela da Festa Literária Internacional de Paraty

Redação

Coffee Table Books: Ousadia na literatura (nada) tradicional no Brasil

Redação

Lançamento do 13º livro do escritor e antropólogo Paulo Emílio Azevedo será acompanhado de um poema personalizado para o público

Redação

Deixe um comentário