Ivo Meirelles leva seu samba pop para o Réveillon no rooftop do Hotel Serramar, no Rio: ‘É para entrar 2018 cheio de animação e energia’

Ivo Meirelles
Ivo Meirelles

A esperada contagem regressiva para a entrada do Ano Novo vai ser animada pelo batuque do samba de Ivo Meirelles no Réveillon Magique, no hotel Serramar, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. O sambista é a atração do evento, que será no rooftop do hotel, que fica aos pés da Pedra da Gávea.

– Vai ser um show com um repertório para dançar! Vai ter muita música de sucesso, sempre na levada do samba, e também marchinhas de carnaval. É para entrar 2018 cheio de animação e energia!  – adianta Ivo Meirelles.

O show será cercado por uma atmosfera de energias positivas no recém inaugurado rooftop do hotel,  com serviço all inclusive.

O evento terá início às 21h30min, com término previsto para às 05h30min. O valor do quarto lote é de R$420,00 para não hóspedes. Classificação 18 anos. O Hotel Serramar fica na Estrada da Barra da Tijuca, 1020. Telefone: (21) 96559-8761, atendimento das 13h às 19h. WhatsApp: (21) 96832-5915.  E-mail: reveillonmagique@gmail.com

Informações referentes a demais opções de valores, atrações, bebidas e cardápio de buffet:www.reveillonmagique.com.br

Parcerias de peso em novo álbum em homenagem ao Funk’n lata
Ivo Meirelles lançou no dia 10 de novembro, a música “Mangueira”, parceria com Seu Jorge. A canção faz parte de uma série de duetos que Ivo realizou para festejar e relembrar o Funk’n Lata, grupo que lançou moda ao misturar elementos tradicionais de samba com outros ritmos que também agitavam os morros do Rio, como o funk, o rap e o soul.

Além da música com Seu Jorge, Ivo gravou com Gilberto Gil, Samuel Rosa, Sandra de Sá, Elba Ramalho, Molejo, entre outros, e pretende disponibilizar os hits separadamente na web, os reunindo depois em um álbum – chamado #21 –  com 14 faixas que revivem o Funk N Lata. O próximo lançamento é dia 22 de dezembro, com “O Funk’n Lata vai tocar”, faixa que resgata gravação de 2004 com músicos da banda holandesa Bernie’s Lounge e tem vocais do Grupo Bom Gosto. 

– Quando resolvi parar de fazer shows com o Funk’n Lata vi surgirem bandas com o mesmo formato e repertório, e crescer um segmento (formato) que eu inventei. Na época a rapaziada da banda me questionava sobre o término do grupo justamente naquele momento de ascensão do formato. Eu estava tão envolvido com outras coisas que deixei o tempo passar. Esse CD estou fazendo para eles e por eles. É meio que um pedido de desculpas”, conta Ivo Meirelles.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.