27.8 C
Rio de Janeiro
dezembro 16, 2018
Featured Teatro & Dança

Hypocrisis foca nas experiências de atores para criar espetáculo crítico

foto: Bernardo Marques
foto: Bernardo Marques

Para falar de questões que permeiam os debates hoje, como machismo, intolerância, disputa pelo poder, perda da identidade e mecanização de corpos, o diretor Reinaldo Dutra montou o espetáculo “Hypocrisis”, fruto de experiências do próprio elenco. Com dramaturgia, cenografia e figurino frutos de criação coletiva e sem uma história linear, o espetáculo fala dos atores, profetas e loucos que residem em cada um de nós.

A intenção do diretor é fazer do ator também criador de sua própria arte. A apresentação envolve teatro gestual, dança, música, artes plásticas e vídeo, em uma forma de transversalidade da arte, aguçando a própria percepção do ator em relação a seu processo criativo. Há, assim, uma maior valorização do gestual e corporal do ator, buscando tocar o público pelos sentidos.

Para isso, “Hypocrisis” tem pouco texto e mais referências do teatro gestual e físico, sendo estas as peças-chaves para a construção dos atores e da relação com o público. A palavra não é dita, mas ela deve ser buscada, descoberta. O público se conecta com o espetáculo a partir da necessidade de decifrá-lo.

Para Reinaldo, a arte do ator é uma manifestação da necessidade humana de questionar o totalitarismo e conservadorismo e nessa peça isso é feito não representando personagens, mas sim ideias pessoais. Em “Hypocrisis” são discutidos temas como a hipocrisia e a servidão moderna. O pensamento crítico e a denúncia às estruturas de poder que normatizam formas de pensar estão entre os objetivos do grupo.

SERVIÇO:
01 de Agosto (quarta-feira) – 19h30
Classificação etária: 14 anos
Duração: 80 min
Local: Teatro Eduardo Kraichete – Avenida Roberto Silveira, 123 – Icaraí – Niterói/RJ
Ingressos: VENDA SOMENTE NA SEDE DA OST – Rua Saldanha Marinho 14 – Centro/Niterói.
Ingresso: R$ 40 inteira | R$ 20 meia | R$ 15 antecipado na OST e com elenco
Informações: (21) 2721-0468

REALIZAÇÃO:

OFICINA SOCIAL DE TEATRO
www.ofsocialdeteatro.com

Ficha técnica:
Dramaturgia : Criação coletiva
Direção: Reinaldo Dutra
Sonoplastia: Gabriel Pereira
Cenografia: Criação coletiva
Figurino: Criação coletiva

Elenco:
Ana Carla Marinho
Bruno Rosa
Carolina Malaquias
Clara Taranto
Clara Machado Baraldo
Cris Mathias
Cynthia Lima
Douglas Alves
Flávio Lucas
Gabriel Pereira
Gabriela Petraglia
Isabel Correa
Leonardo Machado
Letícia Rocha
Luan Martau
Marcela Almeida
Mell Dri
Vitor Lobato
Wesley Marinho

Posts relacionados

Isadora Ribeiro volta aos palcos comemorando 30 anos de carreira com o espetáculo “Diário de Bordo”.

Redação

‘Camille Claudel – Uma mulher’ estreia sexta na Casa de Cultura Laura Alvim

Redação

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald | A magia estará em livro ilustrado especial

Alyson Fonseca

Deixe um comentário