Gruta de Sto. Antônio chega aos 40 anos tendo à frente uma leoa portuguesa

Na cozinha “UM LEÃO” como a própria se define… Tudo tem que sair do seu jeito. Na vida uma vencedora

Henriqueta Henriques, 78 anos, a matriarca da família Henriques que está há frente da tradicional Gruta de Santo Antônio. Uma mulher de fibra e cheia de talentos

Henriqueta Henriques
Henriqueta Henriques
Booking.com

Para quem pensa que as delícias lusitanas do restaurante da Ponta da Areia vieram de berço, engana-se, a história da moçoila iniciou na costura lá em Portugal. Ainda jovem aprendeu o ofício e fez vários cursos na “terrinha”.  Já no Brasil passou a cortar tecidos e fazer modelos para as madames para ajudar ao marido Agostinho. Naquela época, por mais que tivesse aprendido desde pequena os truques e as receitas da culinária portuguesa com a mãe e a irmã, era Agostinho quem tinha a fama de bom cozinheiro, comandando a Pensão Europa, um pequeno restaurante no Centro de Niterói, que lembrava as típicas pensões portuguesas. O cardápio era simples, para o gosto dos trabalhadores: tinha sempre carne assada, dobradinha, jardineira e, de vez em quando, o bacalhau à Gomes Sá.

O negócio prosperou e eles decidiram abrir a Gruta de Santo Antônio – o nome veio em homenagem ao santo de devoção. Mas, dois anos depois, Agostinho faleceu. Dona Henriqueta teve de trocar a máquina de costura pelo fogão, às agulhas pelas panelas. E precisou de muita coragem para assumir o negócio da família. Ao longo de quase 40 anos, que a casa completa em outubro de 2017, ela transformou a Gruta de Santo Antônio em referência de boa comida portuguesa. Com muita dedicação, atenção e carinho, ela comanda, diariamente, a cozinha do restaurante, localizado no bairro Ponta d’Areia, em Niterói.

O cuidado com a culinária e o prazer em servir pratos da sua terra fizeram com que a portuguesa se enveredasse pela literatura e não demorou a surgir nas livrarias “Cozinhar é preciso”, que não é simplesmente um livro de receitas que descreve os sabores e aromas da tradicional gastronomia de Portugal. É a história de vida de uma imigrante portuguesa que chegou ao Brasil depois de uma desilusão amorosa, mas que acabou encontrando novamente a felicidade. Aqui, ela se casou, teve dois filhos, abriu um restaurante com o marido e, de uma hora para outra, precisou assumir o comando da cozinha. Com prefácio do jornalista Fábio Codeço da revista Veja e fotos de Alexander Landau, “Cozinhar é preciso: a história e as receitas portuguesas de Henriqueta Henriques e da Gruta de Santo Antônio” chega a sua 4ª edição, pela Editora SENAC Rio com lançamento dia 04 de abril de 2017 às 19 horas na livraria Blooks do Espaço Reserva Cultural.

Ao longo destes 40 anos em Niterói muitos amigos e clientes foram conquistados. Pela sua doçura, pela sua gastronomia e por ter abraçado a cidade de Niterói como sua, levando o nome da cidade sorriso aos quatro cantos do mundo. O prazer em servir bem, acolher e oferecer o que há de melhor é reconhecido em todos os meios. Em 2016 a gastronomia da casa portuguesa, foi vencedora pela 5ª vez consecutiva do prêmio de melhor restaurante português da revista Época. Além disso, já foi eleito pelo Trip Advisor em 2º lugar no Brasil e 4º lugar da América Latina como a melhor cozinha portuguesa.  Em 2013 recebeu pelo 5º ano consecutivo a premiação Água na Boca – Jornal O Globo de melhor restaurante Português de Niterói e pela 1ª vez como o melhor restaurante da cidade. A Dona Henriqueta Henriques e sua Gruta de Santo Antônio só têm a comemorar e convidar para que você prove a aprove as delícias desta CASA PORTUGUESA COM CERTEZA.

Serviço:

Restaurante Gruta de Santo Antônio
Endereço: Rua Silva Jardim, 148 – Ponta da Areia – Niterói.
Reservas: (21) 2621-5701/ 98889-1926
Funcionamento: Domingo a quarta e feriados de 11h30 as 16h30 | Quinta a sábado de 11h30 as 22h30
Delivery: terça a domingo, entre 11h e 15h e de quinta a sábado, entre 18h e 22h.
Aceita todos os cartões
www.grutadesantoantonio.com.br

Booking.com