31.6 C
Rio de Janeiro
dezembro 16, 2018
Teatro & Dança

Flavio Migliaccio reestreia “Confissões de um Senhor de Idade” na Cidade das Artes

Foto: Thyago Andrade
Foto: Thyago Andrade

Indicado a melhor ator e autor no Prêmio FITA de Teatro 2018, ator faz curtíssima temporada ao lado de Luciano Paixão de 13 a 28 de outubro aos sábados e domingos

Depois de uma temporada de sucesso na Zona Sul e uma participação na Festa Internacional de Teatro de Angra (FITA) que lhe rendeu duas indicações na categoria melhor ator e autor, Flavio Migliaccio retorna em cartaz dia 13 de outubro na Cidade das Artes com o espetáculo “Confissões de um Senhor de Idade” , montado ano passado em comemoração aos 60 anos de carreira do ator. Escrita e dirigida por Flávio, a peça ficará em cartaz aos sábados e domingos na Sala Eletroacústica até o dia 28 de outubro.

Flávio divide o palco com o ator Luciano Paixão, que interpreta Deus encarnado no corpo de um simples mortal para propor um estranho pacto: se Flávio ajudar a desvendar um caso estranho que está acontecendo no céu, receberá a recompensa da vida eterna.

Num diálogo bem-humorado com Deus, Flávio conta suas histórias, suas experiências, suas memórias, saudades e até tristezas, tudo com o bom humor que sempre foi a sua marca. Detalhes da vida íntima do artista também serão revelados – uma forma de presentear o público, em agradecimento ao carinho recebido pela comemoração dos 60 anos de carreira.

Flavio Migliaccio
Desde 1972, quando foi convidado pela Globo para atuar na novela “O Primeiro Amor” de Walter Negrão, onde viveu o “Xerife” solidificou seu estilo Chapliniano de representar e seguiu sólido inclusive nas telas de cinema. O longa “Aventuras do Tio Maneco” (1971) foi vendido para 31 países e legou ao ator vários prêmios. Além de sua popularidade televisiva, Flavio é autor de peças com sucesso de crítica e público. -”os ratos do ano 2030”, montado com sua saudosa irmã Dirce Migliaccio com glórias das críticas de Barbara Heliodora “o melhor do velho teatro de arena volta renovado” (segundo caderno o globo, lº de maio de 1999). E Mackesen Luiz “fábulas com parentes de Chaplin” (jornal do Brasil – 21 de maio de 1999). Com esta carreira, Flavio seguramente contribuiu para a história da dramaturgia Brasileira. Em “Confissões de Um Senhor de Idade” Migliaccio cria uma história divertida, sadia junto com uma lição de vida, com certeza um espetáculo de sucesso, aliando o que tem de melhor em diversão e emoção no teatro.

Ficha Técnica: 

Elenco: Flavio Migliaccio e Luciano Paixão.
Texto e Direção: Flavio Migliaccio.
Assistente de Direção: Marcelo Migliaccio.
Produtora executiva: Adriana Ferreira
Projetor de vídeo 1/2: Rodrigo Araújo.
Sonoplastia: Morgana Michele.
Iluminação: Flavio Migliaccio
Assistente de Iluminação: Luciano Paixão
Operador de Luz: Adriana Ferreira
Cenografia: Flavio Migliaccio.
Programação visual e Edição de vídeo: Flavio Migliaccio.
Figurino: Flavio Migliaccio e Luciano Paixão. 

SERVIÇO:

CONFISSÕES DE UM SENHOR DE IDADE

Local: Cidade das Artes – Sala Eletroacústica – Avenida das Américas, 5300 – Barra da Tijuca. Tel: 3325 0102
Estreia: 13 de outubro (Sábado)
Temporada: Sábado às 20 e Domingo às 19h.
Ingressos: R$ 40,00 / R$ 20,00
Duração: 55 minutos
Classificação: 10 anos
Gênero: Comédia.
Capacidade: 120 lugares.
Horário de funcionamento da bilheteria do Teatro: Segunda a domingo das 15h às 22h.
Mais Informações: Whatzapp: 21 988626011

Posts relacionados

14º Campeonato Carioca de Improvisação

Redação

‘Show do Bita  – Viva as Descobertas’ no Teatro Bradesco Rio

Redação

Peça “220 Cartas de Amor” retorna ao Rio de Janeiro

Redação

Deixe um comentário