0.1 C
New York
dezembro 18, 2018
Notícias

Firjan SESI apresenta a Segunda Semana do Núcleo de Dramaturgia

Quarta Turma (2018) - Por Diogo Liberano
Quarta Turma (2018) - Por Diogo Liberano

A Firjan SESI realiza a Segunda Semana do Núcleo de Dramaturgia, de 02 a 06 de outubro no Oi Futuro Flamengo, com entrada gratuita.

Projeto anual que acontece durante 10 meses através de encontros semanais junto a 14 autoras e autores para estudo e criação em dramaturgia, o Núcleo de Dramaturgia Firjan SESI, coordenado pelo diretor e dramaturgo Diogo Liberano, apresenta em sua Segunda Semana ações artísticas a partir de 14 dramaturgias criadas durante as atividades de sua quarta turma (2018). Tais dramaturgias, inéditas, serão experimentadas e compartilhadas com o público por meio de 02 encenações teatrais, 04 leituras, 04 vídeo-leituras e 04 performances.  Além destas ações, a programação também contará com lançamento e venda de livros, conversas com artistas convidados e oficina de dramaturgia.

Na abertura desta nova edição, serão lançadas 03 dramaturgias criadas por autores da turma 2017 do Núcleo e que foram publicadas recentemente em parceria com a Editora Cobogó: “Rose” de Cecília Ripoll (indicada ao Prêmio Shell de Teatro do Rio de Janeiro na categoria Melhor Autora), “Escuta!” de Francisco Ohana e “O Enigma do Bom Dia” de Olga Almeida. Com a presença das autoras e do autor, será realizada uma conversa com o público presente visando compartilhar os seus processos criativos e também reflexões sobre a experiência de se publicar um texto teatral em livro.

O drama “Parto”, escrito por Isadora S. K. (autora da turma 2018), com direção de Mariah Valeiras e atuação de Laura Nielsen e Paula Furtado, abre a programação com os questionamentos de uma mulher grávida sobre as verdadeiras necessidades de se tornar mãe. Para essa mulher, o aborto se revela uma experiência contraditória: qual vida será interrompida? A sua própria ou a do bebê? Já em “Pedro”, dramaturgia escrita por Felipe Haiut (também autor da turma 2018), com direção de Andrêas Gatto, o ator Teo Pasquini interpreta um homem que reflete sobre a paternidade ao se deparar com a luta pela sobrevivência de seu filho recém-nascido.

Uma das novidades da Segunda Semana é a parceria com o MOSSA – Núcleo de Pesquisa em Performance, que a partir de 04 dramaturgias criadas por autoras e autores da turma 2018 – “Corpo Caloso” de Gabriela Estevão, “Tarja Branca” de Sofia Teixeira, “A explicação” de Sheila Kaplan” e “Amanheceu e aquela árvore continua em brasas” de Thiago Cinqüine –realizará ações performativas junto ao público presente. A proposta dos artistas-integrantes de MOSSA (Elilson, Flávia Naves e Miro Spinelli) é a de realizar tais ações em deslocamento por diversos espaços do Oi Futuro Flamengo até chegar às ruas da cidade.

“O maior investimento da Semana de Dramaturgia está em promover o encontro da dramaturgia contemporânea com outras práticas artísticas. Além da cena teatral e da leitura, que nutrem relações mais conhecidas com o texto teatral, experimentamos também a dramaturgia como estímulo para a prática da arte da performance e para a composição de vídeo-leituras. Tais experiências visam manifestar a enorme elasticidade do texto dramatúrgico, confirmando que dramaturgia, antes de qualquer coisa, é uma composição literária disponível a inúmeros e variados usos”, afirma Diogo Liberano, coordenador do Núcleo de Dramaturgia e também o curador da Semana.

Uma grande importância da realização da Semana de Dramaturgia está no fato de trazer ao conhecimento, do público e também de criadores da cena contemporânea, novas apostas que autores em formação estão investigando com seus textos. Assim, duas companhias teatrais com atuação no cenário carioca, farão a leitura na íntegra de 04 outras dramaturgias inéditas: a Multifoco Companhia de Teatro lê “XG28” de Alexandre Braga e também “O mundo vai acabar em merda” de Clarice Rios; enquanto o Coletivo Errante apresenta leituras de “O eclipse do rosto” de Jonatan Magella e “é um crime dormir tranquilo nessa cidade” de Lane Lopes.

Além das leituras, outras 04 dramaturgias, lidas por atrizes e atores convidados, foram filmadas e estarão em exibição nos dias da Segunda Semana no próprio Oi Futuro e também no site Dramaturgia em Núcleo (www.dramaturgiaemnucleo.com.br). São elas: “Você não consegue imaginar de outra forma”, dramaturgia de Marcéli Torquato lida pela atriz Júlia Marini; “morte lúcida” de Gabriela DiMello lida pelo ator Leandro Santanna; “quando eu era garoto, eu cortava caminho pelo cemitério” de danilo crespo lida pelo ator e diretor Alexandre Mello; e “Fatia de vida” de Karla Muniz lida pela atriz Carolina Virgüez.

Investindo no caráter formativo do Núcleo de Dramaturgia, durante a Semana, também será realizada uma oficina de dramaturgia ministrada por Daniele Avila Small, além de conversas com artistas e pensadores sobre assuntos carentes de mais discussão: “Dramaturgia para teatro musical” com os autores Eduardo Rieche, Gustavo Gasparani e o diretor João Fonseca, e “Dramaturgia para teatro infantojuvenil” com o autor Pedro Henrique Lopes e a autora Renata Mizhari, ambas mediadas por Diogo Liberano.

SERVIÇO
Segunda Semana do Núcleo de Dramaturgia Firjan SESI
Temporada: 02 a 06 de outubro de 2018 (terça a sábado)
Local: Oi Futuro Flamengo
Endereço: Rua Dois de Dezembro, 63 – Flamengo – Rio de Janeiro/RJ
Telefone: (21) 3131-3060
Entrada gratuita, sujeito à lotação (distribuição de senhas uma hora antes)
Classificação indicativa: 14 anos
Informações: nucleodedramaturgia@firjan.com.br

PROGRAMAÇÃO

Terça-feira, 02 de outubro

17h – Lançamento das publicações da turma 2017 e conversa de abertura com   Roberto Guimarães, gestor de cultura OI FUTURO e Antenor Oliveira, gestor cultural Firjan SESI. Convidados: Cecilia Ripoll, autora de “Rose”; Francisco Ohana, autor de “Escuta!”; Fernanda Paraguassu, editora da Cobogó; Olga Almeida, autora de “O enigma do bom dia”. Mediação: Diogo Liberano, coordenador do Núcleo de Dramaturgia Firjan SESI (Teatro Oi Futuro).

20h – Encenação: “Parto”, de Isadora S. K. (autora turma 2018), direção Mariah Valeiras e atuação Laura Nielsen e Paula Furtado (Teatro Oi Futuro).

Quarta-feira, 03 de outubro 

18h – Performance: ação performática itinerante do Mossa – Núcleo de Pesquisa em Performance a partir de quatro dramaturgias compostas por autores e autoras da turma 2018:“Corpo Caloso” de Gabriela Estevão, “Tarja Branca” de Sofia Teixeira, “A explicação” de Sheila Kaplan” e “Amanheceu e aquela árvore continua em brasas” de Thiago Cinqüine  (Oi Futuro Flamengo).

Quinta-feira, 04 de outubro

17h – Conversa: “Dramaturgia para teatro musical” com Eduardo Rieche, Gustavo Gasparani e João Fonseca. Mediação de Diogo Liberano (Teatro Oi Futuro).

20h\22h30 – Leitura: “XG28” de Alexandre Braga e “O mundo vai acabar em merda” de Clarice Rios com a Multifoco Companhia de Teatro (direção de Ricardo Rocha com leitura de Bárbara Abi-Rihan, Camila Zampier, Erick Tuller, Fábio Lacerda, Vinicius Mousinho e Viviane Pereira; e produção executiva de Vitória Studart) (Teatro Oi Futuro).

Sexta-feira, 05 de outubro

17h\19h – Conversa: “Dramaturgia para teatro infantojuvenil” com Pedro Henrique Lopes e Renata Mizhari. Mediação de Diogo Liberano (Teatro Oi Futuro).

20h\22h30 – Leitura: “O eclipse do rosto” de Jonatan Magella e “é um crime dormir tranquilo nessa cidade” de Lane Lopes com o Coletivo Errante (André Locatelli, Davi Palmeira, Livs Ataíde e Luiza Rangel) (Teatro Oi Futuro).

Sábado, 06 de outubro

10h\17h – Oficina: a dramaturga Daniele Avila Small ministra uma oficina a partir de investigações acerca do teatro documentário contemporâneo e suas diversas relações com a criação de uma dramaturgia (Instituto Cultural Cidade Viva).

18h\19h – Conversa: o coordenador do Núcleo de Dramaturgia, Diogo Liberano, junto a autores das turmas anteriores, realiza uma conversa para interessados em participar das futuras turmas do Núcleo (Oi Futuro Flamengo).

20h\22h – Encenação: “Pedro”, de Felipe Haiut (autor da turma 2018), direção de Andrêas Gatto, assistência de direção de Amanda Carrijo e atuação de Teo Pasquini.

Durante toda a Segunda Semana

Vídeo-leituras: no café do teatro do Oi Futuro Flamengo, gravações de 04 dramaturgias de autores da turma 2018 em leituras feitas por atrizes e atores convidados estarão em exibição.

Stand de vendas da Editora Cobogó: também no café do Teatro do Oi Futuro Flamengo, haverá um stand com as publicações da coleção “Dramaturgia” da Editora Cobogó para venda.

FICHA TÉCNICA DA SEGUNDA SEMANA
Curadoria e direção geral: Diogo Liberano
Direção de produção: Breno Motta
Assistência de produção: Bernardo Lorga
Técnico responsável: João Pedro Meirelles
Filmagem e edição “Vídeo-Leituras”: Paula Diniz
Registros fotográficos: Rebeca Dourado
Assessoria de imprensa: Lyvia Rodrigues (Aquela que divulga)
Realização: Firjan SESI
Parceria: Oi Futuro

Posts relacionados

Fernando Medeiros estreia quadro de entrevistas com papais da nova geração e Hugo Moura é o primeiro a participar

Redação

Dia Mundial da Gentileza | “Extraordinário” é o filme perfeito para assistir nesse dia especial

Alyson Fonseca

Cruzeiro dos Diamantes

Redação

Palestra gratuita sobre o clássico “As Mil e Uma Noites” com Mamede Mustafá Jarouche, no Oi Futuro Flamengo

Redação

Paulinho Serra e Robson Nunes apresentam stand-up comedy gratuito no Américas Shopping

Alyson Fonseca

Premier Wine abre sua loja no Centro do Rio

Redação

Deixe um comentário