24 C
Rio de Janeiro
outubro 18, 2018
Exposição

Exposição ‘Nuvem’, de Floriano Romano no Espaço Furnas Cultural

Na sua sexta exposição individual, o artista Floriano Romano, pioneiro da relação entre som e artes visuais apresenta mais um trabalho sobre o ruído da natureza e sua relação com o espectador. 
 
A exposição Nuvem apresenta uma instalação do artista composta por seus objetos sonoros retirados do cotidiano. Desta vez guarda chuvas sonoros, que irradiam o som da chuva formam uma instalação no teto do Espaco Furnas Cultural que pode ser percorrida e fruída pelo público. A instalação possui diferentes sons de chuva na sua composição utilizando o som de forma espacial e criando uma nuvem sonora.
 
Romano é artista visual trabalha desde 2000 no Rio de Janeiro. Ja ganhou diversos prêmios com suas instalações e objetos sonoros, entre eles o Prêmio Marcantonio Vilaca da Funarte em 2012 e o Prêmio CCBB Contemporâneo em 2015. Partcipou da Residência Hobra Brasil – Holanda em 2016 e foi bolsista dos Ateliers da Lada em Portugal no ano 2000.
 
SOBRE A EXPOSICAO NUVEM
 
A exposição trata da possibilidade de uma escuta atenciosa do Ruído, através de uma nuvem de sons simultâneos de chuva que se irradiam de guarda-chuvas sonoros dispostos no teto da galeria do Espaço Furnas Cultural. A nuvem de ruído nos apresenta várias frequências de forma simultânea que passam a coexistir com sua ressonância. A audição da “chuva” nos aproxima da memória e das imagens que ela evoca quando tentamos nos terriotorializar no espaço.
 
MINIBIO

Floriano Romano é pioneiro em obras que mesclam instalações, performance e rádio em espaços urbanos. Criou o programa de rádio “O Inusitado” no Rio de Janeiro, condensando um excelente imaginário sobre o som, tanto nas artes plásticas como na música e na poesia de 2002 a 2004. Trabalha com objetos sonoros, instalacoes e intervenções urbanas. Em 2016 fez duas Exposições individuais, Errância no Centro Cultural Banco do Brasil onde microfonou o corpo de varios acionistas para realizar gravações de campo na noite da cidade do Rio de Janeiro, e Muro de Som, uma casa sonora com objetos criados para o Parque das Ruinas, e participou da Residencia HOBRA- Holanda Brasil, no Rio de Janeiro.
Em 2015 ganhou o Prêmio CCBB Arte Contemporânea e participou da exposição do Prêmio Marcantonio VIlaça do SESI no MAC/USP e da TRIO Bienal de Escultura no Centro Cultural Banco do Brasil. Em 2013 realizou a exposição individual SONAR, na Casa de Cultura Laura Alvim. Em 2012 ganhou o premio Marcantonio Vilaça da Funarte com a obra Chuveiros Sonoros e o Prêmio Projéteis de Arte Contemporânea com a exposição “A Cidade Sonora” uma reuniao de gravacoes de cidades do mundo todo enviadas por artistas e nao-artistas que soava como ruido urbano.
Exposição NUVEM
Artista: Romano
Quando: Abertura para convidados dia 16 de agosto de 2018, às 19h.
Onde – Espaço Furnas Cultural – Rua Real Grandeza, 219, Botafogo – Rio de Janeiro
Visitação: Terça à sexta, das 14h às 18h, e sábado, domingo e feriado, das 14h às 19h. Não há necessidade de ingresso para exposições.
Período: De 16/08 a 14/10

Posts relacionados

Galerias Athena e Athena Contemporânea se juntam e passam a ocupar casarão de 500m2 em Botafogo

Redação

Elephant Parade inaugura ateliê aberto no BarraShopping

Redação

Grafite toma conta de Galeria de Arte em novo espaço no Bangu Shopping

Redação

Deixe um comentário