21.4 C
New York
abril 23, 2019
Notícias

Estante Virtual reúne fatos e curiosidades do Prêmio Jabuti em infográfico

No aniversário de 60 anos do Jabuti, portal apresenta ampla pesquisa sobre a premiação, que já entregou mais de 1.870 prêmios para autores brasileiros

A Estante Virtual mergulhou na história do Prêmio Jabuti e reúne alguns fatos importantes e curiosos dos 60 anos de existência deste que é considerado o mais importante prêmio de literatura do país. A ampla pesquisa realizada pelo site já está disponibilizada num grande especial (https://www.estantevirtual.com.br/conteudo/livros-premio-jabuti), que promete ser um aquecimento para a premiação, marcada para o dia 8 de novembro, no Auditório do Ibirapuera, em São Paulo. 

Criado em 1958, o Prêmio Jabuti já entregou 1.873 prêmios para 1.579 autores brasileiros entre 149 categorias. Este ano, ele se apresenta reformulado: passou de 29 para 18 categorias e promete um prêmio e tanto ao vencedor do Livro do Ano, que levará para casa R$ 100 mil reais. Ao analisar esse rico histórico, percebe-se também, uma concentração de premiados do sexo masculino.

A categoria Não Ficção existe desde 1993 e nela foram entregues 32 prêmios para 28 autores. O paranaense Laurentino Gomes é o grande vencedor: ganhou três vezes em Não Ficção. Ruy Castro e Caco Barcellos estão logo atrás, com duas vitórias cada um.  Milton Hatoum é o que mais venceu na categoria Romance, foram três prêmios para a conta. Atrás dele estão os autores Silviano Santiago e Jorge Amado, que ganharam duas vezes cada um. Ainda em Romance, dos 1.579 autores já premiados, 80% são da região Sudeste.

Entre as curiosidades do Prêmio Jabuti destaca-se o designer Victor Burton, que é o autor que mais ganhou em todas as edições, levando 12 estatuetas para casa. O autor José Paulo Paes está em segundo lugar, com 11 prêmios, e, em terceiro, está Ângela Lago, com nove estatuetas sustentando o título de mulher mais vezes premiada.

Leia também  Gaitista argentina, Xime Monzón, é a atração do projeto "Mo´ Better Blues" nesta quarta no Manouche

Números em vendas

Na Estante Virtual (www.estantevirtual.com.br), os ganhadores do Prêmio Jabuti também são destaque de vendas. Há muitas opções de livros já premiados a partir de R$ 4,00 (quatro reais). O autor Pedro Bandeira é o vencedor mais vendido no site, seguido de Ruth Garcia e Walcyr Carrasco. Dentre os ganhadores da categoria Livro do Ano, os mais vendidos são: “A Hora Da Estrela”, de Clarice Lispector, a partir de R$ 7,20 (sete reais e vinte centavos); “Dois Irmãos”, de Milton Hatoum, a partir de R$ 10,00 (dez reais); e “O Cidadão de Papel”, de Gilberto Dimenstein, a partir de R$ 5,67 (cinco reais e sessenta e sete centavos).

Criada em 2005, a Estante Virtual acabou de ultrapassar a marca de 20 milhões de livros vendidos em todo o país. É o mais democrático e-commerce brasileiro de livros, sendo reconhecida por exaltar a literatura e a arte brasileira. Com mais de cinco milhões de leitores cadastrados e 2.500 livreiros em sua rede, a Estante Virtual comercializa livros novos, seminovos e usados, em um acervo que já soma cerca de 17 milhões de livros.

Posts relacionados

Ingressos para ArtRio já estão à venda

Redação

Desfile de Novos Talentos da moda carioca mostra diversidade e explora novas formas de ver e fazer moda brasileira

Redação

Agosto também tem Copa! Festival Copa dos Criadores 2018 traz atividades para toda a família

Redação

Andrea Dutra homenageia Elton Medeiros no show “Elton e Parceiros” dia 29 de setembro no Teatro Café Pequeno

Redação

Vingadores: Guerra Infinita | Filme ganha lançamentos em home video

Alyson Fonseca

Prefeitura apoia 1° Festival Carioca da Diversidade

Redação

Deixe um comentário