Estação das Letras oferece cursos variados e abre programação intensiva de férias

Com aumento de 7,09% no faturamento e 6,89% no volume de vendas, o mercado editorial brasileiro fechou o primeiro trimestre do ano com o melhor desempenho dos últimos 18 meses, segundo o Painel de Vendas de Livros que apura o movimento das principais livrarias e supermercados no país. Para continuar alavancado este crescimento, profissionais buscam cursos de formação e aperfeiçoamento e investem em qualificação e profissionalização.

Atenta a esta necessidade, a Estação das Letras traz em sua programação de cursos intensivos para as férias de julho – de 1 a 29/7 – aulas para escritores, editores e empreendedores, e para profissionais de comunicação e marketing, além de designers de livros. Produtores culturais e estudantes também vão encontrar, nos cursos, a experiência de profissionais que estão atuantes no mercado.

Entre as atividades, há o workshop Marketing para o Mercado Editorial, no dia 15/7, das 10h às 17h30, com os gerentes da área na Sextante, Mariana Souza Lima, na HarperCollins, Daniela Kfuri, e na Record, Bruno Zolotar. A Oficina de Revisão e Copidesque (1o e 8/7, das 10h às 17h) será com o jornalista Alvanísio Damasceno; por sua vez, os cursos introdutórios Design do livro para autores (17, 18 e 19/7, das 18h às 21h) e Autopublicação: caminhos reais / caminhos virtuais (22/7, das 10h às 16h) têm como condutores, respectivamente, a designer Títa Nigri, e os jornalistas Valéria Martins e Júlio Silveira, fundador da Imã Editorial.

A grade completa dos cursos, professores e horários está disponível pelo site da Casa (http://zip.net/bptLlr). A Estação das Letras ainda oferece aulas sobre gêneros literários diversos, inclusive com a fundadora e diretora do lugar, Suzana Vargas, bem como aulas de escrita com autores de destaque no cenário nacional, tais como: Carola Saavedra (Alguns aspectos do romance: da teoria à prática); Cláudia Lage (Mergulho no Conto); Ninfa Parreiras (O que escrevem e o que publicam de literatura infantil: ares renovados); Clóvis Bulcão (Como se faz uma Biografia); José Castello (Clarice: ficção e mutação); Marcelino Freire (TOCA – Oficina de Criação Literária); e Francisco Gregório Filho (Usina Ler e Contar, Contar e Ler).

Em, 2017, a novidade fica por conta de Escrita Neurolinguística, curso no qual o professor Luís Cláudio de Oliveira – mestre em Arts of Coaching e em Educação, ambos pela Florida Christian University, nos Estados Unidos – estimula as produções escritas que trabalhem com a percepção humana, maximização sensorial e os diferentes filtros mentais utilizados pelos leitores através de conceitos e ferramentas da Programação Neurolinguística (PNL).

E se o interesse for e a necessidade, desbloquear a espontaneidade e criatividade da escrita, a professora Silvia Carão utiliza jogos verbais, enumeração, escrita automática e mapa de ideias no seu Mergulho na Escrita. 

Para Suzana, as oficinas intensivas são uma excelente oportunidade para quem não tem tempo durante o semestre e deseja ampliar horizontes, ou simplesmente aperfeiçoar conhecimentos técnicos em áreas tão diversas; ou, ainda, para quem não reside na cidade e tem o Rio como destino no mês de julho.

As inscrições estão abertas pelo www.estacaodasletras.com.br e (21) 3237-3947. A Estação fica na Marquês de Abrantes, 177, no Flamengo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.