Espetáculo infantil faz ação solidária para a Sociedade Viva Cazuza

O príncipe Peralta arrecada leite e agasalhos em troca de ingressos a preços populares

Solidariedade, união e respeito ao próximo permeiam o espetáculo ‘O príncipe Peralta’, que está em suas últimas semanas no Teatro Cândido Mendes (Rua Joana Angélica, 63 – Ipanema). E como não poderia deixar de ser, a Cia Muito Franca! decidiu ajudar crianças e adolescentes da Sociedade Viva Cazuza durante o inverno carioca, arrecadando latas de leite em pó e agasalhos para quem for assistir ao espetáculo. Em contrapartida, o ingresso que custa R$40 sai a R$15 para pessoas de qualquer idade. 

A peça, escrita por Bruno Bacelar e dirigida por Angelo Faria Turci, se passa no distante e fantasioso reino de Ventoalém, onde existiam dois povos: Encantados e Concretos. Encantados não podiam se casar com Encantados e nem Concretos podiam se casar com Concretos. Por isso Vaporoz (da família real) e Iluminah, viviam um amor proibido e como castigo foram exilados por Malakai, majestade de Ventoalém e responsável pela criação de Vaporoz. Mas, por ironia do destino, Malakai que os havia expulsado morreu, mas antes gerou outro rebento: Peralta!

Serviço:

O PRÍNCIPE PERALTA

Sinopse: No reino de Ventoalém, Vaporoz e Iluminah, precisam se revestir de coragem e vencer obstáculos e inimigos, para cuidar do Príncipe Peralta, impor uma nova ordem social regida pelo afeto e pelo amor.

Serviço
Temporada: até 30/07, aos sábados e domingos às 16h
Ingressos: R$15 (levando uma lata de leite em pó ou um agasalho)
Local: Teatro Candido Mendes – Rua Joana Angélica, 63 – Ipanema – Tel: 2523-3663
Capacidade: 103 lugares – 1 lugar para cadeirante
Classificação etária: a partir de 6 anos

Ficha Técnica:

Texto: Bruno Bacelar | Elenco: Bruno Bacelar – Mestre Peçonha e Pássaro Real; Anderson Nuud – Ministro Duvido; Caio Lisboa – Vaporoz e Solitude III; Angelo Mayerhofer – Fidelidah; Danie Vaz – Iluminah e Bonga; Felipe Gouvea – Ministro Exatamente | Letras das músicas: Bruno Bacelar | Arranjos: Marco Aurêh | Preparação vocal: Jorge Maya | Preparação corporal: André Masseno | Cenário e figurinos: Marcello Costa | Maquiagem e caracterização: Flávia Pepe | Iluminação: Tiago da Silveira | Produção: Cia. Muito Franca! | Direção Geral: Angelo Faria Turci