“Edward Bond para tempos conturbados”

Espetáculo livremente inspirado na obra de Edward Bond

foto: Kaio Caiazzo 
foto: Kaio Caiazzo 

Até que ponto temos autonomia para mudar as coisas? Até que ponto nossas ideias são realmente nossas?

E se os donos do jogo pudessem manipular até mesmo as nossas emoções? E se em alguns momentos acreditamos estar expressando os nossos sentimentos mais fortes, profundos e pessoais, quando na verdade estamos sendo nada mais que um boneco?  Esta é uma das terríveis consequências da injustiça social. Nossos gritos mais altos e nossos sussurros podem estar sendo ditos por outra pessoa.

Os escravos usavam correntes em seus pés. Eles viam as correntes e eles sabiam que eles eram escravos. Na sociedade moderna, as correntes nem sempre são tão fáceis de ver. Muitas vezes elas ficam dentro da mente.

Essas e outras questões são abordadas no espetáculo “Edward Bond Para Tempos Conturbados” de André Pellegrino, dirigido por Daniel Belmonte, que traz Susanna Kruger no elenco. A estreia é no dia 11 de agosto no Sesc Tijuca.

A linguagem da peça se baseia no cruzamento de manifestações artísticas (teatro, pintura, dança e vídeo) e encenação e dramaturgia surgem a partir um processo criativo coletivo, onde atores e equipe de criação constroem o espetáculo juntos.

Além de Susanna , o elenco é composto por Lívia Feltre (jovem artista plástica com obra calcada na violência dos rostos e performer de Live Painting), Kallanda Caetana (bailarina contemporânea), Leonardo Bianchi (ator e cineasta com pesquisa no campo da videoarte), João Sant’Anna (ator com pesquisa na área do teatro físico) e Fernando Melvin (ator, professor e pesquisador de teatro).

SINOPSE
“Edward Bond para tempos conturbados” é um espetáculo de dramaturgia original livremente inspirada nas peças e nos manifestos, poesias e textos não teatrais do dramaturgo contemporâneo inglês Edward Bond. Com uma narrativa fragmentada composta de cenas interdependentes e núcleos performáticos, a obra pretende refletir sobre as injustiças e processos de desumanização da nossa sociedade. A peça procura trazer o espectador para um diálogo franco sobre a busca por um entendimento de nossos papéis como indivíduos dentro da sociedade.

FICHA TÉCNICA
Elenco: Susanna Kruger, Fernando Melvin, João Sant’Anna, Kallanda Caetana, Leonardo Bianchi e Lívia Feltre
Direção: Daniel Belmonte
Dramaturgia: André Pellegrino
Direção de Arte: Colmar Diniz
Cenografia: Julia Marina e Ana Beatriz Barbiere
Figurino: Anouk Van Der Zee 
Iluminação: Irmãos Mantovani 
Programação Visual: Victoria Sholte
Videografismo: Leonardo Bianchi
Fotos – Kaio Caiazzo 
Assistência de direção: Isis Pessino
Assistência de Figurino: Marianna Pastori
Trilha Sonora: Daniel Belmonte, Antônio Nunes e Pedro Nêgo
Produção: Luana Manuel e Isadora Krummenauer
Realização: Belmonte Produções

SERVIÇO
Espetáculo: Edward Bond – Para Tempos Conturbados
Teatro Sesc Tijuca: Rua Barão de Mesquita, 539 /Telefone: (21) 3238-2100
Temporada: 11 de agosto a 03 setembro 2017 – sextas, sábados e domingos às 19 horas
Ingressos: R$6,00 ( comerciário  com carteirinha), R$12,00 meia (idosos e menores de 21 anos) e R$25,00 (inteira)
Duração: 60min
Não recomendado para menores de: 16 anos
Gênero: Comédia Dramática