35.7 C
New York
julho 21, 2019
Uncategorized

Édipo e o Rei, um Acidente Mitológico – bem-humorada paródia da clássica tragédia grega no Teatro dos Quatro

Verônica Reis e Rodrigo Candelot - Foto: Junior Fritto
Verônica Reis e Rodrigo Candelot - Foto: Junior Fritto

A peça Édipo e o Rei, um Acidente Mitológico, está em cartaz no Teatro dos Quatro, na Gávea, até dia 15 de julho. A direção é de Adriano Coelho e o  texto, da roteirista Laura Rissin, é uma bem-humorada paródia da clássica tragédia de Sófocles, Édipo Rei, representada pela primeira vez em 430 a.c.

O elenco inclui sete atores que se destacam na dramaturgia nacional. Os protagonistas são interpretados por Francisco Vitti (Édipo), Gabriela Rosas/Verônica Reis (Jocasta), José Karini/Rodrigo Candelot (Laio) e Beto Bruno (Creonte). O coro é formado por Breno Motta, Cadu Libonati/Hugo Lobo e Ranther Melo.

Com um tom cômico, a peça subverte a trama original de Sófocles, incluindo a paixão de Édipo por Laio. Representada em três atos costurados pelo coro, a montagem propõe um desfecho menos sofrido para Laio, Édipo e Jocasta.

“A proposta é fazer um espetáculo divertido, satirizando uma tragédia tão definitiva. O humor ajuda a lidar com as questões tratadas na peça, que nessa versão inclusiva, cita diferentes formas de amor ” – comenta a autora Laura Rissin.

“Sem pretensão alguma e com forte influência do teatro “besteirol” carioca, procuramos o humor no trágico. E, descobrimos que esta mistura funciona,” complementa o diretor Adriano Coelho.

Sinopse:
O oráculo de Delphos prevê que Édipo será o assassino do próprio pai. A fim de evitar a profecia, ele foge do Corinto, e vai para Tebas, cidade governada pelo rei Laio e pela rainha Jocasta. Mas a cidade é dominada por uma terrível esfinge e, num ato heroico, Édipo derrota o monstro e liberta a cidade. Os tebanos passam a adorá-lo, inclusive Laio e Jocasta, despertando a ira dos Deuses. Tebas é então castigada. Em busca da cura para a cidade, os reis descobrem que são os pais de Édipo. Tocados pela descoberta, Laio, Jocasta e Édipo traçam um rumo diferente da tragédia de Sófocles.

FICHA TÉCNICA

DireçãoAdriano Coelho
TextoLaura Rissin
Direção de ProduçãoBeto Bruno e Carla Nascimento

ElencoFrancisco Vitti (Édipo), Gabriela Rosas/Verônica Reis (Jocasta), José Karini/Rodrigo Candelot (Laio), Beto Bruno (Creonte), Breno Motta (Coro), Cadu Libonati (Coro), Hugo Lobo (coro) e Ranther Melo (Coro)

Assistente de direção: Carol Santaroni
Diretor de Movimento: Thiago Williams
Figurino: Lessa de Lacerda
CenografiaJoão Irênio
IluminaçãoWilliam Andrade
Trilha SonoraMatheus Von Krüger
Coordenação de comunicação: Cristiana Lobo
DesignDani Cabral e João Galhardo
FotografiaAdalberto Junior Fritto
RealizaçãoEvoé Produções Artísticas

Serviço: 

 “Édipo e o Rei, um acidente mitológico”

Temporada: 18 de maio a 15 de julho
Local: Teatro dos Quatro
EndereçoRua Marquês de S. Vicente, 52, Gávea (Shopping da Gávea)
Horário Nobre: 6ª e Sábado, às 21h. Domingo, às 20h
Capacidade402 lugares
Telefone: (21) 2239-1095          
Duração: 60 minutos
Classificação14 anos

Posts relacionados

Cantor Bello na Santa Farra

Redação

Pioneiro da Lipoaspiração no Brasil, Dr. Luiz Haroldo Pereira participa de Congresso Internacional de Cirurgia Estética na Colômbia

Redação

“Sabores do Mercado” – Edição Especial Semana Santa

Redação

Churrasqueira, em Ipanema, comemora Dia do Churrasco com ação especial

Redação

Casa de Arte e Cultura Julieta de Serpa apresenta o espetáculo Amor de Carnaval

Redação

Rock Horror in Rio vai aterrorizar São Paulo no Reserva Cultural da Av. Paulista

Redação

Deixe um comentário