24.6 C
New York
junho 16, 2019
Cinema

Diego Miranda, Pelé Milflows, D.A.M.A. e Wao lançam Mala Surte

Nesta sexta-feira (3), a ASIGLA lança o primeiro trabalho internacional do selo independente que chegou ao mercado brasileiro em abril deste ano. Trata-se de “Mala Suerte”, faixa colaborativa entre o DJ Diego Miranda, o rapper Pelé Milflows (1Kilo), a banda portuguesa D.A.M.A e produtor WAO – que também é idealizador da ASIGLA.

Além da potência sonora, “Mala Suerte” apresenta um clipe cinematográfico. Com direção de Vinícius de Barros Gonçalves, o vídeo foi gravado no Rio de Janeiro e destaca a mensagem principal da música. Para que haja o bom, o ruim precisa existir, logo, a má sorte está diretamente relacionada a boa sorte. Ou seja, todos os momentos da vida devem ser valorizados.

“Mala Suerte” terá distribuição internacional. “Acreditamos que a sonoridade no mundo está cada vez mais eclética, e tanto a sonoridade brasileira quanto a latina super em alta no mercado internacional. De forma que Mala Suerte é a combinação perfeita para conversar com os públicos dentro e fora do país”, explica WAO.

Em tempo:
No último dia 25 de abril, Pelé Milflows lançou a música e o clipe de “Hey Mina”, também assinados pela ASIGLA. Além disso, o rapper gravou “Vem Cá” para o Só Toca Top, programa da rede Globo.

Integrante da 1Kilo, o Pelé Milflows tem trabalhado forte em sua carreira solo. Dono de hits como “Vem Cá” e “Relação”, ele já tem outros dois singles previstos até o final de maio, além do primeiro álbum confirmado ainda para este ano, e parceria com a banda Detonautas, que dia divulga “Ilumina o Mundo”.

Assista agora ao clipe de “Hey Mina”.

A ASIGLA
Idealizada por Victor Costa (Wao) e Allan Brum (DJ Long), a ASIGLA chega ao mercado com a proposta de criar um catálogo musical coerente e único. Formada por artistas de sonoridades diversas, o selo traz a ideia de conectar diferentes influências para criar a própria identidade.

Com lançamentos nacionais e internacionais, ASIGLA também posiciona-se como uma editora que aposta na filosofia de trabalho independente, proporcionando mais liberdade aos artistas e a possibilidade de firmar parcerias com outras gravadoras e músicos. Dessa forma, ASIGLA elimina então aquela exclusividade prejudicial a criação e ao produto final, que deixa o processo muito mais burocrático.

O conteúdo produzido pela ASIGLA vai além da música em si. A empresa também se dedica a produção de clipes, material de marketing e redes sociais, assessoria de imprensa, arte gráfica. De fato, uma gestão artística completa.

ASIGLA compromete-se ainda em gerenciar shows, a partir de cada lançamento. Eventos que serão assinados pela ASIGLA como uma forma de chancela de qualidade. Tudo para que o artista, além de ter sua música tocando em diversas plataformas, tenha total suporte e possa falar com seu público da melhor forma possível.

Entre os releases já agendados ainda para o primeiro semestre de 2019 estão envolvidos nomes como Lucas e Orelha, Tom Rezende, MZ (1Kilo), Pelé Milflows (1Kilo), Latino, Detonautas, o português Diego Miranda e uma das principais bandas de Portugal, a DAMA.

Posts relacionados

Terceira edição do Rio Fantastik Festival traz a mostra “O Cinema Fantástico e a Intolerância”

Redação

Roberto Carlos e Erasmo Carlos marcam presença em pré-estreia de ‘Minha Fama de Mau’ no Rio

Redação

Crítica | Verão

Alyson Fonseca

Kardec – A história por trás do nome

Redação

“O Doutrinador” ganha cartaz oficial

Alyson Fonseca

“De Pernas Pro Ar 3” domina as bilheterias brasileiras

Alyson Fonseca

Deixe um comentário