20.5 C
New York
junho 26, 2019
Exposição

Corrupções na Alma

Marcelo Frazão

Marcelo Frazão e Marina Vergara celebram 30 anos de arte, nos Correios

A primeira mostra dos dois artistas remonta ao final dos anos 1980. Agora,  Marcelo Frazão e Marina Vergara se juntam mais uma vez, desta vez na exposição “Corrupções na Alma”, que abre dia 17 de maio, das 14h as 18:30, no Centro Cultural Correios.

Livremente inspiradas nos temas dos, bastante atuais,  “Pecados Capitais”, a mostra reúne 22 obras, entre  gravuras e esculturas.

Marcelo Frazão desenvolveu a temática da Luxúria e na mostra “Corrupções na Alma” apresenta 13 gravuras inspiradas em 13 poemas do renomado poeta Armando Freitas Filho, incluindo um poema inédito, especialmente feito para o Livro “ERÓTICA”, que será lançado a partir das 16h, no mesmo dia da abertura da exposição, com tiragem especial de 100 exemplares.

Enquanto isso,  nas 9 esculturas de Marina Vergara, o aspecto teatralizado e dramático das obras nos leva à uma  reflexão sobre o que estamos fazendo de nossas vidas hoje, num mundo tão fragmentado, tão esvaziado, tão empobrecido do ponto de vista da experiência humana.

Marina explica que teve a intenção de provocar desconforto visual e catarse perturbadora, para isso utilizando o dinamismo dos corpos opulentos e serpenteados, com contorções impróprias para os seres humanos, contextualizando a Violência, a Traição, o Vicio, a Corrupção, a Luxúria, a Omissão (ou os em cima do muro), o arrependimento, a procissão das almas perdidas e a rendição, criados especialmente para esta exposição. 

Dramáticos, os personagens de Marina Vergara se encontram com os pés descalços por estarem em um plano de sofrimento material e carnal. Suas mãos suplicam, rasgam, apontam, escondem

Segundo Marcelo Frazão, a exposição “Corrupções na Alma” é dedicada a todos os corrompidos e aos que não sabem que estão corrompidos: a todos que se deixaram seduzir pelo pecado. Aos que se perderam nos vícios e se deleitam, justificados por uma falsa sensibilidade. Aos omissos e aos que nunca tiveram coragem. Aos indiferentes, preguiçosos, covardes e medrosos. A todos os pais que fogem às responsabilidades, aos indolentes de espírito. Aos apegados à luxúria, pensando que amam. Aos que se abstém de amar ao próximo. Aos que ficam em cima do muro, apontando os outros. Aos que não sabem o que fazer da vida e desprezam a vida alheia. Aos violentos e agressores que semeiam o sofrimento por onde passam. Aos falsários e aos que são a própria personificação da fraude. Aos que se dizem arrependidos, mas se desviam da Luz. Aos que amam trair e se traem. Aos que possuem fraqueza moral e, principalmente, a todas as almas desprezadas por Deus e que o inferno também não quis. Ao Judas que habita em nós”.

Exposição Corrupções na Alma
Local:  Centro Cultural Correios
Período:  17 de maio até 07 de julho
Visitação:  de terça a domingo das 12h até 19h
Entrada Franca
Endereço:  rua Visconde de Itaboraí, 20
Tel: 2253-1580

Posts relacionados

Zé Carlos Garcia na Cassia Bomeny Galeria

Redação

Galpão das Artes Urbanas recebe exposição ‘É Maria, Maria’ 

Redação

Centro de Arte Hélio Oiticica apresenta abertura de mostras, oficina e exibição de filmes de forma gratuita

Redação

Leandro Machado apresenta a exposição de fotos e o livro “Arqueologia do Caminho” em Santa Teresa

Redação

Galeria de Arte Ibeu inaugura exposição da artista Daniela Paoliello

Redação

Galeria Modernistas recebe exposição de Charlotte Lisboa

Redação

Deixe um comentário