2.1 C
New York
fevereiro 23, 2019
Featured Música

Com dois primeiros lotes esgotados, festival reúne a nata do metal carioca

Lyria - foto: Roberta Guido
Lyria - foto: Roberta Guido

Representando a verdadeira união do rock carioca, acontece no dia 22 de julho (domingo), no Teatro Odisseia, o Reckoning Fest. O festival foi criado pela banda Reckoning Hour e conta com a parceria das bandas Lyria, Hatefulmurder, No Trauma e Kore. Independentemente do gênero do metal, o evento é feito para todos aqueles que apoiam a cena independente de música e conta com ingressos esgotados nos dois primeiros lotes.  A classificação etária é de 18 anos ou de menores acompanhados de responsáveis.

Idealizadora do evento, a Reckoning Hour é uma das bandas mais ativas no cenário nacional. O disco de estreia, “Between Death and Courage”, levou a banda para uma turnê que passou por mais de 25 cidades, em 30 dias. Desde 2012 nos palcos, o grupo já tocou com nomes como Sepultura e Pain of Salvation. O Reckoning Hour é formado por JP (voz), Philip Leander (guitarra e voz), Lucas Brum (guitarra), Johnny Kings (bateria) e Cavi Montenegro (baixo).

Mais um dos grandes nomes do metal nacional, o Lyria leva para o palco do Odisseia as canções do recém-lançado “Immersion” (2018) e do álbum de estreia, “Catharsis” (2014). Com fãs na Europa, Estados Unidos e Brasil, o Lyria é formado por Aline Happ (voz), Rod Wolf (guitarra), Thiago Zig (baixo) e Thiago Mateu (bateria). Com refrãos marcantes, arranjos bem trabalhados e letras com temas de superação, a banda une peso e erudição em shows que lotaram espaços no Rio e em São Paulo. O evento contará também com stand de merchandise do grupo, além de Meet & Greet disponível para todo o público.

Metal extremo e sangue nos olhos, assim pode ser definido o som do Hatefulmurder. Com passagens pela América Latina e diversas capitais brasileiras, a banda carioca é formada por Angelica Burns (voz), Renan Campos (guitarra e backing vocals), Felipe Modesto (baixo e backing vocals) e Thomás Martin (bateria). No repertório do show, canções dos principais discos, incluindo os singles “My Battle”, “Red Eyes” e “Creature of Sorrow”.

Quem também se apresenta no Reckoning Fest é a banda No Trauma, que já tocou com nomes  como Brujeria e Project46. Formada por Marvin Freitas (bateria), Hosmany Bandeira (voz), Tuninho Silva (guitarra) e João de Paula (baixo), no repertório do show as canções do disco “Viva Forte Até Seu Leito De Morte”, além de outros singles da carreira.

Finalizando a lista de atrações, o Kore foi escolhida pelo público para participar do evento. De Petrópolis, na Região Serrana do estado, a banda traz influências que vão de Rage Against The Machine a Of Mice and Men, a banda apresenta no repertório as canções dos EPs “Epifania” e “Que Mal Tem?” (2014). Formada em 2013 por Igor Campos (voz), Armando Rocha (guitarra), Alex Melo (bateria) e Gabriel Respeita (baixo), as apresentações do grupo são repletas de energia, com duetos de guitarra e riffs marcantes.

Serviço

Reckoning Fest
Data: 22/07/2018 (domingo)
Horário: 16h às 23h
Local: Teatro Odisseia
Endereço: Avenida Mem de Sá, nº 66 – Centro – Rio de Janeiro/RJ
Ingressos: R$30 (3º lote/meia ou solidário*) l R$60 (3º lote/inteira)
Compra online: https://bit.ly/2keVqOQ
Classificação etária: 18 anos (menores acompanhados de responsáveis)
Evento: https://www.facebook.com/events/750538411816154/

*Mediante doação de 1kg de alimento não-perecível

 

Posts relacionados

Encanto de Natal acontece dia 16 de dezembro na Catedral Metropolitana, no Centro

Redação

Casa do Choro recebe Choro Carioca, parte da programação do Festival de Inverno

Redação

Show de Paulinho da Viola, Velha Guarda da Portela e Criolo ainda tem ingressos disponíveis

Redação

Pela primeira vez no Rio, californianos do Thrice fazem show no Teatro Odisseia

Redação

Dupla Maiara & Maraisa preparam lançamentos

Alyson Fonseca

Mano Walter e os Menotti apresentam a turnê ‘Os Manos’ no KM de Vantagens Hall

Redação

Deixe um comentário