Coletivo Manguinhos em Cena apresenta a peça mitológica “Fronteira”

Rock, blues, samba e funk estão presentes em “Fronteira”, peça do Coletivo Manguinhos em Cena. Espetáculo conta a história de amor mitológica entre “Flor e Sabiá”, os filhos jovens de “Gênesis e Gaia”. Líderes de territórios distintos que no passado também viveram um grande amor, os personagens ultrapassam as barreiras para viver um amor livre de tempo ou lugar. O espetáculo inova com os atores encenando no meio do público, numa plateia desconstruída, ao som da ópera-funk-rock.  A peça volta aos palcos para uma temporada especial que acontecerá nos dias 15(quarta-feira), 16(quinta-feira), 17(sexta-feira) e 24(sexta-feira), 25(sábado) e 26 (domingo) de novembro de 2017. Serão duas apresentações por dia uma às 16 horas e outra às 19 horas, no Cineteatro Eduardo Coutinho da Biblioteca Parque de Manguinhos.

Com direção dos integrantes Maycon Barbosa e Sirlea Aleixo, e produção de Evaldo de Andrade, o “Fronteira” é uma ópera-funk-rock voltada para o público jovem que mostra a força dramatúrgica e o lado intuitivo musical do grupo. A trajetória do Manguinhos em Cena até esse segundo espetáculo, se traduz na ousadia e na potência de cada um dos atores em cena.

“É uma grande sensação de preenchimento e realização que nos move a estar aqui cada vez mais fortes e preparados para atravessar a Fronteira e virar a luz para quem quiser ver. Ainda há muito o que fazer, a estrada está só começando. Mas não nos resta dúvida: Manguinhos em Cena vai percorrê-la com graça, talento e intensidade. Sem medo algum de atravessar a Fronteira”, orgulha-se o grupo.

SINOPSE: A Fronteira é um não-lugar no espaço, no qual todos os desavisados que atravessam seus limites, desaparecem. É o que diz a lenda. Ela fica entre dois territórios rivais com moradores que seguem seus líderes Gênesis e Gaia, sem questionar, desde tempos esquecidos. Um dia, os filhos jovens de Gênesis e Gaia – Flor e Sabiá, por se sentirem diferentes de todos ao seu redor, fogem e atravessam os limites da Fronteira. Eles se encontram, se conhecem e se apaixonam. O amor dos jovens vai provocar uma grande revolução nos territórios de seus pais e forçará Gênesis e Gaia a se encontrarem e enfrentarem, finalmente, o passado longínquo que os separou e exilou na terra.

Idealizado e coordenado pela Companhia do Gesto e pela Zucca Produções em parceria com a Biblioteca Parque de Manguinhos, o projeto Manguinhos em Cena é um dos laboratórios do PalavraLab das Bibliotecas Parque estaduais e  integra o Programa FAVELA CRIATIVA. Resultado da parceria entre o poder público e a iniciativa privada, contando com recursos de R$ 14 milhões, provenientes da Secretaria de Estado de Cultura, da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro, da Light, do Programa de Eficiência Energética da ANEEL e do Banco Interamericano de Desenvolvimento – BID, o FAVELA CRIATIVA é formado por um conjunto de projetos que oferece a jovens agentes culturais formação artística e especialização em gestão cultural e estabelece canais de diálogo entre estes jovens, possíveis parceiros e patrocinadores potenciais.

Para acompanhar a agenda e as ações do grupo Manguinhos em Cena é só acessar www.facebook.com/manguinhosemcena

Equipe Biblioteca Parque de Manguinhos

Ficha Técnica

Coordenação geral: Haroldo César
Direção artística: Maycon Barbosa e Sirlea Aleixo
Dramaturgia: Renata Mizhari
Adaptação de dramaturgia: Coletivo Manguinhos em Cena
Assistente de direção: Sirlea Aleixo
Assistente de dramaturgia: Haroldo César

Elenco: Breno Montenegro/Bruna Soares/Ellen Greice/Estevão Travassos/Haroldo César/Hektor Breno/Jéssica Azevedo/Jorge Mathias/Larissa Santos /Lidiane Marinho/Laisa Assis/Maycon Barbosa/Sandra Cipriano/Sirlea Aleixo/Tarcinara/Thayane Aleixo/ Thallyssiane Aleixo/Telma Assis

Figurino: Leonardo Santana
Cenografia: Coletivo MC
Iluminação: Luis Oliva
Direção de movimento: Coletivo MC
Direção musical: Hektor Breno
Assistente de direção musical: Thallyssiane Aleixo
Orientação musical: Isabella Rollim
Preparação de voz: Verônica Machado
Concepção e pesquisa de sonoplastia: Luis Cassiano
Musicos: Felipe Temóteo/Bruno Batista/David Sterminiun/Lucas Herminio
Técnico e operador de luz: Luis Oliva
Sonorização: l F Sonorização
Maquiagem: Brayon Mattos
Assistente de maquiagem: Thallyssiane Aleixo
Assistente de coreografia: Coletivo Manguinhos em Cena
Assistente de preparação de voz: Thallyssiane Aleixo
Direção de produção: Evaldo de Andrade
Orientação de produção: Direção Administrativa
Produção executiva: Luis Cassiano

Equipe de Produção Manguinhos em Cena
Assistente de produção: Estevão Travassos

Administração e controladoria
Produção e realização: Favela Criativa 

Coordenação e conteúdo
Registro Audiovisual: Luis Cassiano
Fotos: Rox Pinheiro
Identidade e programação visual: Miguel Carvalho 

SERVIÇO:

Peça “Fronteira”.
Dias: 15 (quarta-feira), 16 (quinta-feira), 17(sexta-feira)
24 (sexta-feira), 25 (sábado), 26 (domingo) de novembro, em duas sessões (16h e 19h)
Local: Cineteatro Eduardo Coutinho, na Biblioteca Parque de Manguinhos
Endereço: Av. Dom Helder Câmara, 1184 – Manguinhos – Tel (21) 2204-1498
Ingresso: R$5
Classificação: 10 anos
Capacidade: 150 lugares (sujeito à lotação)

1 comentário
  1. […] Matéria de Sopa Cultura clique aqui […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.