20.6 C
Rio de Janeiro
novembro 20, 2018
Image default
Gastronomia

Cervejaria mineira Antuérpia participa pela primeira vez do SBB

Criada na região de Juiz de Fora em 2009, a Cervejaria Antuérpia está presente em quatro estados (Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo), ela marca presença pela primeira vez no Slow Brew Brasil, que acontece no próximo dia 3 de novembro e leva na bagagem seis rótulos, com destaque para os dois inéditos em São Paulo: a Perdição, uma NE IPA com adição de lactose e goiaba; e a Quintal de morango com hibisco, uma Catharina Sour. Todos os rótulos podem ser degustados à vontade, já que o evento é Open Bar.

“O primeiro rótulo é uma tradução do intenso romance de Shakespeare, Romeu e Julieta. A receita é como um ‘amor de perdição’. Na boca, é possível sentir o sabor da fruta, passando para um amargor limpo e imponente, finalizando com leve dulçor. A adição de lactose permite estender a cremosidade do gole, fazendo com que o álcool fique equilibrado. Já o segundo, é uma tendência cervejeira, já que o Catharina Sour foi mundialmente reconhecido há pouco tempo como o único estilo brasileiro. A ideia é trazer uma carga de memória afetiva e relembrar a infância, quando era comum comer frutas das árvores no quintal.”, conta Marco Antonio Frederico, diretor de marketing da Antuérpia. A frase “Malte, Lúpulo e Liberdade” representa nossa essência, está no nosso DNA. Somos livres, independentes, e valorizamos a qualidade e a criatividade acima de tudo.”, complementa.

Ainda será possível experimentar a Kremlin, uma Russian Imperial Stout elaborada com seis maltes especiais, que lhe conferem notas de chocolate, caramelo e café, além de um toque de carvalho; a Tabla, uma India Pale Ale que possui uma seleção de oito variedades de lúpulos americanos que traz à cerveja um amargor intenso, porém equilibrado, com notas de cítrico, floral e frutado; além das tradicionais Belgian Tripel e da Irish Red Ale da marca.

Sobre a Antuérpia:

Instalada em Matias Barbosa, ao lado de Juiz de Fora, e com capacidade de produção maior que 200 mil litros por mês, a fábrica, que antes tinha apenas 30% da sua produtividade destinada para rótulos próprios, hoje inverteu esse número e chega a fazer mais de 140 mil litros/mês das suas cervejas, com o restante da capacidade utilizado pelas principais marcas ciganas do Rio.

Com duas linhas bem definidas, tanto para os que preferem os estilos mais tradicionais como Lager e Weiss, quanto os que optam por explorar sabores criativos e diversificados, a Antuérpia possui um portfólio bastante abrangente, que contempla: Premium Lager, Weissbier, Munich Dunkel, Irish Red Ale, Belgian Tripel e American IPA, além dos estilos Berliner Weisse, Vienna Lager, Russian Imperial Stout, Witbier, Barley Wine, NE IPA, NE APA, e Wood Aged Beers e Catharina Sour.

“Estamos nos posicionando muito além da nossa casa. Chegamos bem ao Rio e à Vitória e começamos a levar a marca Antuérpia também para os apreciadores de cervejas criativas e bem elaboradas em Belo Horizonte e São Paulo. Continuamos crescendo bem acima da média do mercado e acreditamos que uma nova expansão acontecerá entre 2019 e 2020.”, afirma Saulo Oliveira, diretor executivo da Antuérpia.

Serviço

Slow Brew Brasil com Antuérpia

Data: 03 de novembro de 2018 – Horário: 12h às 20h
Duração: 8 horas para experimentar livremente os melhores 362 rótulos.
Local: Centro de Eventos Pro-Magno | Casa Verde | São Paulo – SP

Estande Antuérpia – 26

https://www.slowbrewbrasil.com.br/

Posts relacionados

Camelo lança três pizzas veganas que agrada a todos paladares

Redação

Restaurantes apresentam para o Dia Nacional da Cachaça sugestões com a branquinha

Redação

burger joint New York promove cheeseburger a R$ 5

Redação

Deixe um comentário