16.7 C
New York
maio 22, 2019
Image default
Notícias

Cachaça Week :: Para celebrar o Dia da Cachaça no Trabuca Bar

Dia 13/09 é comemorado o Dia da Cachaça no Brasil e o Trabuca Bar preparou uma carta especial com drinques em dobro

Destilado nacional por excelência, a cachaça tem um dia só dela (13/09) e, para comemorar o Dia da Cachaça, oTrabuca Bar realiza a Cachaça Week, para curtir e degustar com os amigos que curtem a bebida. Para isso, foi elaborada por Jaqueline Dias e Fernando Spolaor, uma carta de drinques especiais, disponível de 12/09 à 14/09, e emdouble drink, das 18h às 21h.

Instituída por um decreto parlamentar em 2010, a data chegou para homenagear uma passagem de nossa história conhecida como Revolta da Cachaça, em que a coroa portuguesa (em 1659) proibiu a produção do líquido no Brasil e ordenou a destruição de todos os alambiques. Em 13 de setembro 1661, a rebelião levantada pelos senhores de engenho do Rio de Janeiro acabou, retomando a liberação.

Feita de cana-de-açúcar, a cachaça produzida no país ganhou variadas versões obtidas por meio da fermentação e destilação do caldo de cana ou melaço, que pode ser envelhecido em diferentes tipos de toneis, resultando em bebidas com estrutura, aromas e sabores diferentes. Algumas destas variedades foram utilizadas pelos mixologistas na carta com cinco drinques. São eles:

  • Jungle Bird by Fernando Spolaor – Blend de Ypiócas (150 e 160), Campari, limão, suco de abacaxi e xarope de amêndoas (R$ 32,00).
  • Pinicilina by Fernando Spolaor – Cachaça Nega Fulô Carvalho, limão, cumaru, gengibre e JW Double Black (R$ 32,00).
  • Maria Luisa by Jacqueline Dias – Ypióca 5 Chaves, licor Dom Benedictine, Vermute tinto, Vermute da casa, Absinto e Peychauds Bitter. (Releitura do clássico La Louisiane) (R$ 36,00).
  • BenditO by Jacqueline Dias – Cachaça Nega Fulô Jequitibá, creme de cassis, limão, Ginger Beer caramelizado com lúpulo da casa (Releitura do clássico El Diablo) (R$ 32,00).
  • RJ Sour by Jacqueline Dias – Cachaça Nega Fulô Ypê, chá de camomila, limão, açúcar, vinho tinto e clara de ovo. (Releitura do clássico New York Sour) (R$36,00).

Serviço
Local: Av. Juscelino Kubitschek, 1.444 – Itaim Bibi / São Paulo6
Dias e horários de funcionamento:
Segunda-feira a Quinta-feira, das 12h às 15h
Terça-feira a Quarta-feira, das 18h às 01h
Quinta-feira, das 18h às 02h
Sexta-feira, das 12h às 02h (sem intervalo)
Sábado, das 16h às 02h (sem intervalo)
Domingos – fechado
Cartões de crédito: Elo, Visa, MasterCard, Amex e Dinners
Acesso para deficientes, Wi-Fi, Ar condicionado
Valet com manobristas: R$15,00 (dia) e R$25,00 (noite)

Trabuca Bar
Localizado na Avenida Juscelino Kubitschek, se destaca na cena paulistana por ser destino atraente e divertido para um happy hour ou noite badalada. A casa oferece ambiente moderno e agradável. No bar, sua carta de drinques oferece receitas autorais, bem executadas e de apresentação surpreendente, assinados pelo time de criação. Sua gastronomia investe na releitura peculiar da culinária de boteco paulistana. Na badalada programação, Deejays conceituados na cena musical nacional, se dividem no comando das pick-ups.

Posts relacionados

Vigilância Sanitária desinterdita reservatórios da Unirio

Redação

Feijoada vermelha e branca no Berço do Samba com Estácio de Sá e Salgueiro

Redação

Carioquíssima na Roça sobe o Morro da Urca para encerrar temporada junina

Redação

Folia Eletrônica: Nem só de samba vive o carnaval carioca 

Redação

Arena Dicró realiza Intervenção Cultural com 12 horas de atrações gratuitas neste sábado

Redação

Aquaman invade as telas do cinema e chega ao AquaRio

Redação

Deixe um comentário