Bruta Flor faz espetáculo beneficente para o Gapa no Teatro Guarany

Sucesso de Público e Crítica em São Paulo, o espetáculo Bruta Flor dirigido pelo santista Marcio Rosario vem a Santos para a comemoração de 29 anos do GAPA – GRUPO DE APOIO A PREVENÇÃO A AIDS da BAIXADA SANTISTA.

BRUTA FLOR discute bissexualidade, homofobia e homossexualidade por ângulo espiritual inédito no cenário teatral e faz reflexão sobre a liberdade da orientação sexual de cada um e seus direitos.

Nossa ideia inicial seria ter estreado em Santos antes de ir para São Paulo, porém conciliar agendas de elenco junto com datas de viagem de um espetáculo sem patrocínio nenhum acabou dificultando nossos planos, mas estamos felizes de poder vir a Santos e poder ajudar o GAPA, nessa data comemorativa de aniversario, pois sei de como é serio e importante o trabalho realizado pela Nanci Alonso, como muita garra e dificuldades durante todos esses anos aqui na Baixada Santista.

O texto de Vitor de Oliveira (colaborador de sucessos da televisão como O ASTRO e I LOVE PARAISÓPOLIS) e Carlos Fernando de Barros tem a trilha idealizada pela magistral cantora Cida Moreira criando um clima universal dentro do espetáculo.

No elenco temos: Fabio Rhoden, Walkiria Ribeiro, Pedro Lemos e Erika Farias (se reveza com a atriz Walkiria Ribeiro). O diretor, Marcio Rosario escolheu esses talentos da nova geração depois de uma bateria de testes extensa: Fábio Rhoden que em seu ultimo trabalho na TV interpretou Marcelo na novela Alto Astral na TV GLOBO;  Walkiria Ribeiro que interpretou Maria do Socorro em Mascaras na TV Record, Pedro Lemos interpretou Tobias em Chiquititas no SBT e Erika Farias, que além de atriz, desenhista, cantora e compositora.

Na trama, os atores mergulharam sem rede de proteção em um texto denso que trata da homofobia internalizada e sua possível consequência trágica. A dramaturgia aborda o relacionamento de dois homens, Lucas e Miguel que se encontram presos em um lugar desconhecido e começam a relembrar a trajetória deles, desde a adolescência. Miguel vai estudar em Londres e eles se afastam. Mais de 10 anos depois, ele volta para o Brasil e reencontra Lucas no metrô. Um reencontro que traz à tona sentimentos que até então desconhecia. A relação vai ganhando contornos dramáticos envolvendo a aceitação da homossexualidade até o desfecho final inesperado onde alguns críticos chamam de uma versão contemporânea de Pasolini.

“O texto inédito chegou no exato momento em que  eu queria muito falar sobre preconceitos e homofobia. A abordagem é profunda e há uma dose de espiritualidade. Soube de cara que era a peça que eu procurava e pela receptividade do público”, conta o diretor que após emplacar uma série de trabalhos na teledramaturgia como Flor do Caribe, I Love Paraisópolis e mais recentemente Sol Nascente, o também ator Marcio Rosario decidiu voltar ao teatro, sua origem onde começou a carreira aqui mesmo em Santos na Oficina Cultural da Cadeia Velha nos anos 80, porém nesse momento trocando de lado. Assumiu as funções de diretor e produtor geral do espetáculo Bruta Flor.

Além da trilha sonora de Cida Moreira, temos efeitos sonoros de Pedro Lemos,  cenografia de Reinaldo Patrício e Maureen Miranda, que também assina o figurino com Rogério Almeida. Um dos pontos fortes do espetáculo está no desenho de luz feito por Guilherme Orro em conjunto com o diretor.

O espetáculo esta sendo realizado em Santos com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura e parte da renda do espetáculo será revertida para o GAPA no dia 27 de abril ás 20h30min no Teatro Guarany e haverá debate com o elenco, o diretor e os autores após o espetáculo.

Os ingressos custam 80,00 (inteira) e 40 (meia-entrada) no dia do espetáculo e ingressos podem ser comprados no site da Compre Ingressos e na bilheteria do teatro.

Promoção Especial de Venda Antecipada (VALIDO ATÉ UM DIA ANTES) de 25,00 reais em dinheiro com a doação de 1 KILO de  alimento que compõe a cesta básica no GAPA, na rua Colômbia 44, Boqueirão, Santos.

MAIORES INFORMAÇOES:
Telefones: (013) 2138-9679 e (013) 3222- 3109 – GAPA
Site: facebook/brutaflorteatro

E-mail: brutaflorteatro@gmail.com

SERVIÇO: TEATRO LGBT BRUTA FLOR
LOCAL: TEATRO GUARANY, Praça dos Andradas, 100 – Centro Histórico – Santos – SP,
CEP 11010-100 – Telefone: (13) 3219-3828.
Lotação: 350 lugares.
Data e Horário: dia 27/04 ás 20h30min

Ficha Técnica Geral:
Texto: Vitor de Oliveira e Carlos Fernando de Barros.  
Elenco: Fabio Rhoden, Walkiria Ribeiro, Pedro Lemos e Erika Farias.
Cenografia: Maureen Miranda e Reinaldo Patrício.
Figurinos: Maureen Miranda e Rogério Almeida.  
Cenotécnico: Reinaldo Patrício.
Trilha Incidental: Cida Moreira.  
Efeitos Sonoros: Pedro Lemos.
Desenho de Luz: Guilherme Orro e Marcio Rosario.
Operador de Luz: Gabriel Greghi
Operador de Som: Jamile Godoy.
Expressão Corporal: Rodrigo Eloi Leão.
Preparação Vocal: Marcello Boffat.
Fotos: Ronaldo Gutierrez.
Maquiagem e Cabelos: Edi Rodrigues.
Personal Trainer (Elenco): Daniel Silveira.
Produção Executiva: Daniel Chiarelli.  
Coordenação de Produção: Aleks Santos.
Coordenação de Palco: Ivan Gomes.
Assistente de Produção: Roberto Herero.
Mídias Sociais: Angel Jackson.
Direção e Produção Geral: Marcio Rosario.
Realização: Três Tons Visuais.
Classificação: Indicativa para maiores de 16 anos.  
Gênero: LGBT.
Duração: 75 minutos

SITE OFICIAL DO GAPA:
http://www.gapabs.org.br/

SITE OFICIAL BRUTA FLOR
https://www.facebook.com/brutaflorteatro/