24.7 C
Rio de Janeiro
novembro 13, 2018
Notícias

5 músicas sobre nossa relação com o dinheiro para escutar e refletir

A relação de amor e ódio do ser humano com o dinheiro não é segredo algum. Essencial para a vida na sociedade moderna, trabalhamos sempre para que não nos falte o suficiente para nos manter e conquistar nossos sonhos, sejam eles ter uma casa, um casamento, viajar ou simplesmente assegurar uma aposentadoria tranquila.

Outros preferem sonhar mais alto e almejam a riqueza e todos os benefícios que a acompanham. Para isso, estão dispostas até mesmo a seguir as dicas de quem conseguiu chegar lá e recorrem a diversos meios para alcançar a fortuna, seja investir em um bom negócio ou aproveitar os sites de apostas, que inclusive oferecem Bumbet bónus para novos jogadores dispostos a tenta a sorte em suas salas virtuais.

Para você que também sonha em ser milionário ou se contenta em ter o mínimo necessário, separamos cinco músicas que falam sobre nossa relação com o dinheiro para escutar e refletir. Confira:

#1 – “Billionaire”, de Bruno Mars

Um dos principais nomes da música pop da atualidade, o canto havaiano Bruno Mars descreve em “Billionaire” o desejo pela riqueza que muitas pessoas compartilham. Na letra, o artista revela querer comprar todas as coisas que nunca teve, estampar capas de revistas famosas e exclusivas com personalidade como a apresentadora Oprah e a rainha da Inglaterra, “ver seu nomes em luzes brilhantes” e estar em uma cidade diferente a cada noite.

#2 – “Money”, do Pink Floyd

A lendária banda britânica de rock Pink Floyd também conta com uma canção que fala sobre dinheiro em sua elogiada musicografia. Assim como o exemplo anterior, “Money” também destaca o poder aquisitivo que acompanha o dinheiro, como em “acho que comprarei um time de futebol para mim”, mas também destaca a ganância e o desejo de sempre tê-lo em maior quantidade: “eu estou bem, cara, tire as suas mãos do meu monte”.

#3 – “Money, Money, Money”, do ABBA

O grupo sueco de música pop Abba foi outro que fez história na música com suas letras bastantes simples (mas significativas) e ritmo cativante. Em “Money, Money, Money”, uma de suas canções mais famosas, o quarteto destaca não apenas o desejo em ter dinheiro, como as dificuldades do dia a dia de qualquer trabalhador, que se esforça o dia todo para pagar as contas, quase não sobrando nada para gastar consigo mesmo.

#4 – “Gold Coins”, de Charlie XCX

A cantora, compositora e diretora britânica Charli XCX, bastante conhecida pelo hit “Boom Clap”, é autora também da canção “Gold Coins”, que exalta uma vida de luxos com “contas no exterior e palmeiras de diamante azul”, um mundo perfeito imaginado pela artista onde ela pode “gastar como se não se importasse” e seus problemas do dia a dia “afundam em champagne rosa”.

#5 – “Price Tag”, de Jessie J

Ao contrário da maioria das canções desta lista, a música “Price Tag”, da cantora, compositora, dançarina, coreógrafa e atriz britânica Jessie J, uma das vozes mais poderosas de sua geração, critica a relação das pessoas com o dinheiro, como fica bem explícito no trecho inicial “parece que todo mundo tem um preço/ Eu me pergunto como eles dormem à noite/ Quando a venda vem em primeiro/ E a verdade vem em segundo”.

Posts relacionados

Atrações turísticas com descontos durante o mês de outubro para os comerciários

Redação

1º Prêmio Chico Mário de Violão tem inscrições prorrogadas

Shirley M. Cavalcante

Governador eleito Wilson Witzel visita Feira de São Cristóvão

Redação

Deixe um comentário