Uma trama de amor, amizade e amadurecimento, com pitadas de humor e música

David Levithan e Rachel Cohn se juntam novamente para contar a história de Naomi e Ely, casal de amigos inseparável que vai viver um dilema depois que ele beija o namorado dela

Naomi e Ely cresceram juntos, mas tão juntos que não têm a menor ideia do que é a vida sem o outro. Moram no mesmo prédio, compartilham segredos e noitadas, escolheram entrar para a mesma universidade, aprenderam a beijar praticando um com o outro, fazem planos (imaginários) sobre seu futuro casamento. Eles se amam de verdade. Só tem um detalhe: Ely é gay. As medidas desses amores, portanto, são um pouco diferentes em cada ponta.

Naomi é linda e tem todos os homens a seus pés, mas só pensa em Ely. Está apaixonada pelo amigo e tem certeza de que um dia ele vai cair na real, casar e ter filhinhos com ela. Já Ely é do tipo conquistador, que coleciona corações partidos de rapazes. No dia a dia, para evitar conflitos desnecessários, os dois criam a famosa lista do não beijo. Trata-se de um catálogo de todos os meninos que a dupla se compromete a nunca beijar. Garotos que, digamos, interessam tanto a Naomi quanto a Ely. As coisas se complicam quando Ely quebra a regra sagrada e beija Bruce, o namorado de Naomi.

A partir daí, a sólida amizade vai sofrer seu maior abalo, com consequências para quem estiver no entorno do furacão. Naomi e Ely finalmente terão que descobrir quem são sem a companhia um do outro – e enfrentar alguns de seus maiores medos. Juntando a escrita sensível de David Levithan e o humor de Rachel Cohn, a trama acompanha o amadurecimento tanto de Naomi, com sua libertação das fantasias infantis; e o de Ely, que finalmente se abre e se apaixona.

A versão cinematográfica de “Naomy & Ely e a lista do não beijo” é protagonizada por Victoria Justice e Pierson Fode, e estreia nos EUA em julho. Ainda não tem previsão de estreia no Brasil. Esta é a segunda parceria entre Levithan e Cohn. A primeira, “Nick e Nora: Uma noite de amor e música”, também foi lançada pela Galera e chegou às telas num filme estrelado por Kat Dennings e Michael Cera.

O mais recente livro escrito em conjunto pela dupla, “O caderninho de desafios de Dash e Lily” chega às livrarias pela Galera no segundo semestre.

David Levithan é autor de “Will & Will: Um nome, um destino”, escrito em parceria com John Green, o primeiro livro jovem adulto com protagonistas gays a entrar na lista de mais vendidos do New York Times, que vendeu 130 mil exemplares no Brasil. Escreveu ainda “Dois garotos se beijando”, “Todo dia” e “Garoto encontra garoto”, entre outros. Também é editor de livros do gênero jovem adulto.

Rachel Cohn é autora de “Pão de mel”, eleito livro do ano pela Publishers Weekly e pelo School Library Journal, além das sequências “Siri” e “Cupcake”.

NAOMI & ELY E A LISTA DO NÃO BEIJO
David Levithan e Rachel Cohn
Páginas: 256
Preço: R$ 29,00
Editora: Galera/ Grupo Editorial Record

DEIXE UM COMENTÁRIO