Um único palco e duas nações unidas pela música e pelo esporte!

Do Rio para Tóquio e o mundo

“Olha pro Céu – Look at the Sky”, dias 29 e 30 de julho

Vivo Rio recebe shows de Vanessa da Mata, Tokyo Ska Paradise Orchestra e da cantora nipo-brasileira Marcia

Evento conta ainda com participação especial de Emicida

Nos dias 29 e 30 de julho (sexta e sábado), às 20h30, no Vivo Rio, acontece evento “Olha pro céu – Look at the Sky”, promovido pela união de Brasil e Japão na semana que antecede a abertura das Olimpíadas do Rio de Janeiro. Com o slogan “Um único palco e duas nações unidas pela música e pelo esporte!”, uma mensagem do Rio para Tóquio e o mundo, o evento reúne shows da cantora Vanessa da Mata, da banda de ska japonesa Tokyo Ska Paradise Orchestra (TSPO) e da cantora nipo-brasileira Marcia, contando ainda com participação especial do cantor Emicida.

Com realização da Fundação Japão, produzido pela Sony Music Brasil e com apoio do Consulado Geral do Japão no Rio de Janeiro e da Prefeitura do Rio de Janeiro, “Olha pro Céu – Look at the Sky” pretende promover um grande encontro musical entre essas duas nações irmãs, que têm um ‘Tratado de Amizade’ há mais de 120 anos. No palco do Vivo Rio, artistas japoneses e brasileiros cantarão juntos em japonês, inglês e português, para celebrar a chegada das Olimpíadas ao Brasil e para mostrar um pouco da rica cultura musical japonesa, país que em 2020 receberá os próximos Jogos Olímpicos.

Um dos pontos altos do show é a interpretação da canção “Olha pro Céu”. Interpretada pelo cantor Emicida e pela banda Tokyo Ska Paradise Orchestra, em parceria inédita, a música é uma nova releitura de “Sukiyaki – ue wo muite arukou”, sucesso mundial nas Olimpíadas de Tóquio de 1964, que ultrapassou fronteiras e gerações. A nova versão foi recentemente produzida por Dudu Marote e o single terá lançamento no dia 22 de julho, pela Sony Music, em todas as plataformas digitais.

A música “Sukiyaki”, que em português significa ‘Olha pro Céu’, traz em sua letra uma mensagem sobre os sentimentos universais de superação e esperança, que liga os anos de 1964 (quando foram realizadas no Japão as Olimpíadas de Tóquio) a 2020, quando serão realizados novamente os Jogos Olímpicos no Japão. Na nova versão, orapper paulista colaborou trazendo algumas intervenções, como os versos: “Santo de barro / devagar com o andor / Deus dá o frio conforme o cobertor”.

No palco do Vivo Rio, Vanessa da Mata apresenta o repertório do show do seu último álbum, “Segue o Som”, lançado em 2014. Durante o show, a cantora conta com a participação especial de Emicida. Juntos, eles interpretam com o hit “Passarinhos”, música de Emicida que integra seu álbum “Sobre Crianças, Quadris, Pesadelos e Lições de Casa”, lançado em 2015, que também tem participação especial da cantora. O clipe da canção tem hoje quase 16 milhões de views (https://www.youtube.com/watch?v=IJcmLHjjAJ4).

Quem também sobe ao palco é a cantora nipo-brasileira Marcia. Nascida no Brasil e hoje radicada no Japão, onde é uma celebridade da música, ela interpreta algumas canções acompanhada pelo TSPO, como “Kimi ga suki” e “Ringo Oiwake”.

O Tokyo Ska Paradise Orchestra, com suas apresentações contagiantes e vigorosas, vai apresentar os maiores sucessos de sua carreira. Durante o show do TSPO, o cantor Emicida sobe ao palco para mostrar, em primeira mão no mundo, a nova música “Olha pro Céu”, que foi recentemente gravada pelo cantor em parceria com o grupo japonês.

[justified_image_grid]

Sobre a canção “Sukiyaki – ue wo muite arukou”
A canção japonesa “Sukiyaki – Ue wo muite arukou”, lançada em 1961, com composição de Hachidai Nakamura e letra de Ei Rokusuke, foi interpretada por Kyu Sakamoto aos seus 19 anos de idade. A letra transmite uma mensagem sobre os sentimentos universais de superação e esperança, sugerindo ‘caminhar de cabeça erguida, olhando para o céu, mesmo diante das adversidades da vida’. Transmitida por várias gerações, a canção continua sendo admirada pelo mundo.

Tornou-se um grande sucesso nos anos que antecederam a realização de um evento histórico no Japão, as Olimpíadas de Tóquio em 1964. Os anos de preparativos para os Jogos representaram uma época de transformação na cidade de Tóquio, e esse legado simboliza até hoje o auge da reconstrução do Japão no período pós-guerra, marcado pelo vigoroso crescimento econômico.

Além do grande sucesso no Japão, a música “Sukiyaki – Ue wo muite arukou” conquistou o mundo e também o Brasil. Em 1963, intitulada “Sukiyaki”, tornou-se sucesso nos Estados Unidos mesmo cantada na versão original em japonês, e atingiu a primeira posição no ranking semanal Hot 100 da revista americana Billboard, mantendo-se na posição por três semanas seguidas. E ainda conquistou o décimo lugar no ranking anual do mesmo ano. Desde então, a música se tornou conhecida no mundo e originou diversas reinterpretações no idioma inglês, cantadas por artistas estrangeiros, nas décadas de 1980 e 1990.

Sobre Tokyo Ska Paradise Orchestra
A banda “Tokyo Ska Paradise Orchestra” nasceu no final de 1980, quando um grupo de músicos chamou a atenção nas ruas de Tóquio. Pouco tempo depois, suas performances ao vivo atraíam um imenso público. Em 1989, lançaram um LP intitulado Tokyo Ska Paradise Orchestra, quando a jaqueta amarela, marca registrada do figurino da banda, já havia alcançado a fama. A popularidade do TSPO teve crescimento espontâneo de muitos fãs, que incluia a classe artística, o que levou à credibilidade e reputação pela sua música, a sonoridade única, um “Tokyo Ska”, que dá um toque lúdico e diversificada em músicas de ska tradicionais.

Em 1991, realizaram um show com ingressos esgotados para mais de 10.000 pessoas no lendário Nippon Budokan. Esse foi o pontapé inicial perfeito para o que se tornaria uma viagem musical ilustre, onde passaram a realizar turnês por mais de 30 países. A popularidade da banda cresceu ainda mais com o álbum de 2002, “Stompin na aléia Down Beat”, que vendeu meio milhão de cópias no Japão e suas músicas ficaram no topo das paradas locais. Desde 2000, eles começaram a excursionar internacionalmente e também se se tornaram um ícone em vários festivais mundialmente reconhecidos, como Glastonbury, Eurockeennes, Bonnaroo, além de serem os primeiros músicos japoneses a se apresentarem em palcos principais em festivais como o Coachella e Vive Latino.

Em 2014, a banda comemorou seu 25º aniversário com uma grande turnê nacional e internacional. O show de estreia foi também o lançamento do 19o álbum de estúdio, “Tokyo Ska Forever”, no Pepsi Center, na Cidade do México, com seis mil ingressos vendidos. Em 2015, a Tokyo Ska Paradise Orchestra abriu para a lendária banda argentina Los Fabulosos Cadillacs, no Folo Sol, também na Cidade do México, para uma plateia de 60 mil pessoas.  Tokyo Ska Paradise Orchestra é uma banda icônica, em constante evolução, que continua a desafiar e surpreender o público com a sua música e sua performance. Site oficial: http://tokyoska.net/

Sobre Vanessa da Mata
Vanessa da Mata atualmente apresenta a turnê do álbum “Segue o Som”, que tem produção de Liminha e Kassin. Lançado em 2014, o disco tem, em sua maioria, músicas autorais, que evidenciam o lado compositora de Vanessa da Mata. Site oficial: http://www.vanessadamata.com.br/

Sobre Emicida
O cantor atualmente promove a turnê de seu segundo disco, “Sobre Crianças, Quadris, Pesadelos e Lições de Casa”, lançado em agosto de 2015. Gravado em Cabo Verde e Angola e inspirado na África, o novo álbum conta com instrumentistas locais e participações de Vanessa da Mata (“Passarinhos”) e Caetano Veloso (“Baiana”). Site oficial:http://www.emicida.com.br/

Sobre Marcia
Descendente da terceira geração de japoneses, Marcia nasceu em Mogi das Cruzes, São Paulo, e consagrou no Japão sua carreira como cantora e atriz. Em 1989, estreou no meio musical com a canção ”Furimukeba Yokohama”, conquistando diversos prêmios como artista revelação. Em 2001, conquistou o prêmio de Artista Revelação no Festival de Artes Nacionais, concedido pela Agência de Assuntos Culturais do Japão.

Em 2015, ano em que se comemorou os 120 anos de relação diplomática entre Brasil e Japão, a cantora também foi nomeada como embaixadora cultural.  No show, no qual também será apresentadora, a cantora volta a se apresentar no Rio de Janeiro após 25 anos. Site oficial: www.watanabepro.co.pj/mypage/20000004/

Sobre a Fundação Japão
A Fundação Japão é uma organização vinculada ao Ministério das relações Exteriores do Japão, estabelecida em 1972. Hoje, conta com 24 escritórios localizados em 23 diferentes países, entre eles o Brasil. A Fundação Japão em São Paulo foi inaugurada em 1975 e, desde então, atua como uma porta de comunicação entre a Fundação Japão e o Brasil, desenvolvendo diversas atividades.

O principal objetivo da Fundação Japão é promover o intercâmbio cultural e a compreensão mutua entre o Japão e outros países, por meio de programas e atividades. Também promove cursos para o ensino da língua japonesa e atua na promoção de estudos japoneses no exterior. Site: http://fjsp.org.br/

Brasil e Japão, uma amizade que já dura mais de 120 anos
Em 1803, após serem salvos por um navio de guerra russo, quatro japoneses que estavam à deriva no mar seguiram viagem de repatriação da Rússia ao Japão. O navio, no entanto, fez escala em Florianópolis (SC), trazendo os primeiros japoneses a pisar em solo brasileiro. Porém, somente em 1892 foi autorizada a permanência de imigrantes japoneses no Brasil. Com isso, em 1908, o navio Kasato-Maru, com 718 imigrantes japoneses, partiu do porto de Kobe rumo ao Brasil. Sua chegada no porto de Santos, em 18 de junho, foi um grande marco na história destas duas nações. Mas não foi o primeiro.

Alguns anos antes, em 5 de novembro de 1895, Arasuke Sone, Primeiro Ministro Plenipotenciário do Japão na França, e Gabriel de Toledo Piza e Almeida, Ministro Plenipotenciário do Brasil na França, firmaram o Tratado de Amizade, de Comércio e de Navegação, na cidade de Paris, iniciando oficialmente as relações diplomáticas entre a duas nações.

Assim, o ano de 2015 foi muito especial tanto para o Japão quanto para o Brasil. As comemorações dos 120 anos da assinatura deste Tratado de Amizade são a maior prova disso. Os dois países realizaram ao longo do ano uma série de eventos para relembrar a data.

SERVIÇO:

“Olha pro Céu – Look at the Sky”, com: Vanessa da Mata, Tokyo Ska Paradise Orchestra e Marcia | Participação especial de Emicida

Data: 29 e 30 de julho de 2016 (sexta e sábado)
Local: Vivo Rio
Telefone: (21) 2272-2901
End: Av. Infante Dom Henrique, 85
Horário de abertura da casa: 19h30
Horário de início do show: 20h30
Capacidade: 1.668 lugares sentados/dia
Classificação: menores de 16 anos somente acompanhados de responsável
Ingressos à venda: www.vivorio.com.br / https://www.tudus.com.br/vivo-rio-olha-pro-ceu-look-at-the-skye nas bilheterias do Vivo Rio
Valor (único): 80,00 (plateia)
Classificação: menores de 16 anos somente acompanhados de responsável

DEIXE UM COMENTÁRIO