Tudo que é proibido é mais gostoso?

Romance erótico Meu querido meio-irmão, da best-seller norte americana Penelope Ward, retrata um relacionamento cheio de tabus e desencontros

CapaEm uma narrativa sensual e erótica, a autora, best-seller do New York Times, Penelope Ward descreve no livro Meu querido meio-irmão o reprimido e conturbado relacionamento entre dois jovens unidos pelo matrimônio dos pais.

Na obra, Greta perdeu o pai ainda muito nova. Sarah, viúva e mãe da jovem, casa-se com Randy, uma pessoa aparentemente tranquila e normal. Pouco sabia Greta que seu padrasto tinha um filho de outro relacionamento, o punk e rebelde Elec.

Com a vinda do “querido” meio-irmão para Boston, a pacata vida de Greta tem uma reviravolta. Tudo que Elec faz é para perturbar e ofender Greta, não importa o quanto ela tente se relacionar bem com seu meio-irmão. A fim de melhorar as coisas, ela deseja saber mais sobre Elec: o passado sombrio, o segredo que não pode contar, o corpo sarado…Epa! Mas ela precisa se contentar a apenas olhar. Ou não.

“Planejando escovar meus dentes, abri a porta do banheiro e dei um pulo ao ver Elec secando seu corpo molhado depois de sair do banho. Vapor e um cheiro de homem preenchiam o ar. Por alguma razão, ao invés de correr dali, eu congelei. O mais pertubador foi que, ao invés de se cobrir com a toalha, ele a deixou cair no chão, demonstrando indiferença.

Fiquei boquiaberta.”

Em meio a essa paixão escondida dos dois enteados, Greta descobre um perfil de seu padrasto que, até então, não conhecia. Randy se torna muito violento com Elec, agredindo-o verbalmente e, até mesmo, desejando que ele morra. Ao perceber que ela o defende e está a seu lado, Elec se desarma e começa a demonstrar sentimentos que até então lutava para esconder. 

“Ele inclinou a cabeça em direção ao encosto da cama, parecendo quase torturado.

— Era importante para mim que soubesse o quanto eu te desejo e o quanto te acho linda, tanto por fora quanto por dentro, porque sinto que feri sua autoestima, ainda que não fosse minha intenção. Tudo que disse é verdade, mas o beijo não deveria ter acontecido. Eu não deveria estar nesta maldita cama, mas me senti tão bem aqui, deitado com você…

— Por que sou diferente das garotas com quem fica?
Ele passou ambas as mãos no cabelo, bagunçando-o e me olhando com olhos sombrios.

— Na verdade, tem uma grande diferença.
‘Você é a única garota no mundo inteiro que é proibida, e foda-se, mas isso me faz te querer mais ainda’.”

O que poderia Elec ter feito para o próprio pai o odiar tanto? E por que ele gosta tanto da Escócia? Com um romance erótico envolvido em mistério, a autora cria uma avassaladora paixão em Meu querido meio-irmão que fará os leitores amarem o proibido. 
 
Sobre a autora:
Penelope Ward é autora best-seller do New York Times, USA Today e Wall Street Journal, com os livros Stepbrother Dearest, My Skylar, Jake Undone e Gemini. Ela cresceu em Boston com cinco irmãos mais velhos e passou a maior parte de seus 20 anos como âncora de noticiário de TV antes de resolver seguir uma carreira mais “família”. Penelope ama livros do gênero New Adult, café e passeios com sua família e amigos nos fins de semana. Ela é mãe orgulhosa de uma linda garota autista de 10 anos (a inspiração para a personagem Callie, em Gemini) e um garoto de 8 anos. Ambos iluminam seus dias. Penelope, seu marido e filhos vivem em Rhode Island.

Ficha técnica:
Meu querido meio-irmão
Tamanho: 23×16
ISBN: 978-85-8442-071-1
Páginas: 263
Preço: R$34,9

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui