“Terça Aberta no Kasulo” propõe um espaço para partilha de ideias e criações

NO próximo dia 11 de outubro, às 20h, a Cia Fragmento de Dança, dirigida por Vanessa Macedo, lança a “Terça Aberta no Kasulo”. A ideia, fruto do projeto “Atravessamentos”, contemplado pelo Programa de Fomento à Dança, é investir numa ação permanente, que acontecerá sempre em uma terça-feira de cada mês, na sede da companhia, para intersecção, debate, partilha e difusão de trabalhos de dança, teatro e performance.

Esta primeira edição conta com apresentações artísticas de Andréia Nhur, André Medeiros Martins, Mauricio Flórez e Willy Helm e uma conversa sobre o “Contemporâneo nas Artes”, com interlocução da bailarina e professora Angela Nolf, da atriz Janaina Leite (Grupo XIX de Teatro) e de Vanessa Macedo, para discutir modos de fazer, pesquisar e desenvolver linguagens nas artes olhando para a contemporaneidade.

Propostas artísticas

Exercícios para um teatro líquido” parte das experiências híbridas de Andréia Nhur entre teatro, dança e música, em diálogo com o conceito de vida líquida de Zygmund Bauman. A apresentação mostra um recorte da pesquisa da artista, em que forma e sentido agenciam o corpo em estados múltiplos e descontínuos, gerando a busca de uma dramaturgia da transformação.

O ator e escritor André Medeiros Martins, autor do livro “Flexões – um estudo sobre sexualidade plural” (NVersos) e fundador do Coletivo Ele Quer um Nome, exibe “Alfredo não gosta de Despedidas“, longa-metragem criado a partir de programas performativos, exercícios corporais e de improvisações tendo como estímulo o gênero “pornô com história”. 

O bailarino colombiano Mauricio Flórez, que integra a key zetta e cia e participa da residência Em Suspenção, com Eduardo Fukushima, no Sesc Vila Mariana, apresenta “Um”, dança livremente inspirada na qualidade expressiva primitiva, simples, colorida e poética da arte Naif. ‘Um’ designa pessoa, animal ou algo ainda não mencionado ou identificado no texto ou no diálogo – um, algum, certo, qualquer, alguém, algo. Um corpo.

V. Ex.ª O Candidato” é a performance solo interativa de Willy Helm, diretor e intérprete do coletivo Grua (Gentlemen de Rua), ao lado de Jorge Garcia e Osmar Zampieri, onde um personagem, que remete à figura de um político, desenvolve sua dramaturgia de movimento enquanto se esquiva de balas, provocado por um ambiente sonoro que bombardeia opiniões, pensamentos, músicas e informações referentes à política no Brasil.

Depois das apresentações, com uma média de 15 minutos cada, começa a conversa, sem hora marcada para terminar. A “Terça Aberta no Kasulo” tem entrada gratuita.

_____________________________________________________

Serviço: “Terça Aberta no Kasulo”, proposta da Cia Fragmento de Dança.

Quando: Dia 11/10, terça-feira, às 20h.

Onde: Kasulo – Espaço de Cultura e Arte (Rua Souza Lima, 300, Barra Funda, Metrô Marechal Deodoro – Linha Vermelha – Tel 11 3666 7238).

Capacidade: 40 lugares

Ingressos: Grátis (retirada a partir das 19h; reservas pelo e-mail 

ingressociafragmento@gmail.com , com retirada até 19h40)