Sirha Lyon reúne grandes nomes da gastronomia nesta quinta-feira em hotel do Rio

Marie-Odile Founder, diretora mundial do Sirha, maior evento de gastronomia, hotelaria e food service do mundo, apresentou as novidades do evento na França, nesta manhã

Luiz Guilherme Cyrino, Paulo Araújo, Marie Odile Fondeur, David Mansaud e Alain Uzan
Luiz Guilherme Cyrino, Paulo Araújo, Marie Odile Fondeur, David Mansaud e Alain Uzan

Na manhã desta quinta-feira, a francesa Marie-Odile Fondeur, diretora mundial do Sirha, recebeu imprensa e importantes chefs no Hotel Grand Mercure Rio de Janeiro, para anunciar as novidades do Sirha Lyon 2017, que acontece de 21 a 25 de janeiro, na França.

O evento contou com alguns dos participantes brasileiros na edição francesa, entre eles a alagoana Giovanna Grossi, que concorrerá ao lado de outros 23 chefs do mundo inteiro ao Bocuse d’Or, maior concurso de alta gastronomia do mundo. Será a primeira vez que Lyon recebe uma mulher brasileira entre os finalistas.

Outra novidade anunciada foi o time nacional que participará da Catering Cup. Luiz Guilherme Cyrino, chef de banquete do Belmond Copacabana Palace, e Paulo Araujo, chef do Grupo Nori, seguem para o evento francês sob o comando do coachDavid Mansaud, atual chef executivo do Belmond Copacabana Palace.

A final da Coupe du Monde de la Pâtisserie também contará com a participação de dois brasileiros: a dupla Marcone Calazans, chef pâtissier do Clube Athletico Paulistano, e Abner Ivan, diretor executivo do Clube dos Padeiros e Confeiteiros do Brasil.

Importantes nomes da gastronomia nacional e mundial também marcaram presença no evento desta manhã: Alain Uzan, chef que comanda a cozinha do restaurante francês AVEK, Laurent Suaudeau, técnico de Giovanna Grossi e, atualmente, à frente da Escola Laurent Suaudeau, e Philippe Brye, chef executivo do hotel Sofitel Copacabana. 

DEIXE UM COMENTÁRIO