Reinaldo – Agora viu que perdeu e chora (Reinaldo e seus convidados ao vivo)

A feijoada Nota 10 que é comandada pelo diretor de bateria da Unidos da Tijuca, Casagrande, recebe no domingo 20 de Março , a partir das 13h, na quadra da azul e amarelo do morro do Borel, o cantor Reinaldo e o Grupo Soul +Samba ao vivo. A Quadra de ensaios fica na Avenida Francisco Bicalho, 47 – Leopoldina- Rio de Janeiro. Mais informações:96925-7600

Um pouco mais sobre Reinaldo
Nascido na zona Norte do Rio de Janeiro, Reinaldo Gonçalves Zacarias cresceu na escola de samba Em cima da Hora. Sua história artística começa com a criação do grupo O Samba Nosso de Cada Dia, conjunto formado para alegrar festinhas familiares. Depois, Reinaldo passou a acompanhar artistas do mundo do samba como Dona Ivone Lara, João Nogueira e Roberto Ribeiro.
Em 1982, com uma carreira promissora em um banco estrangeiro no Rio de Janeiro, Reinaldo jogou o emprego de bancário para o alto e se mudou para São Paulo, para se tornar o precursor das rodas de samba paulistas. “Retrato Cantado de um Amor” (1986), pela Continental, título do primeiro álbum, levou-o ao reconhecimento nacional. Segundo ele, lançar o primeiro CD foi a maior emoção de sua vida.

Em seguida lançou os LPs “Aquela Imagem”, “Pra Ser Minha Musa”, com o qual recebeu o primeiro disco de ouro, e “Coisa Sentimental”, considerado pela crítica como o melhor trabalho de sua carreira, que lhe valeu a indicação para receber o Prêmio Sharp, na categoria de Melhor Cantor. Em 1992, lançou o disco “Soneto de Prazer” e, em 1995, “Samba Meu Brasil”.

Em 1997, o Príncipe do Pagode retorna à Continental com LP Traz de Volta Minha Paz. Dois anos depois grava o primeiro CD de uma coleção de cinco, intitulados Pagode Pra Valer. O resultado é um novo disco de ouro. Lança o segundo Pagode Pra Valer, trazendo de volta o samba de raiz, marcado na palma da mão, faturando mais um disco de ouro.”

Seu nono disco, Pagode pra Valer, dispensa equipamentos elétricos. Nada de baixo, teclado e guitarra. Só banjo, cavaco, pandeiro, tantã, surdo, repique e reco-reco, como nas rodas. Também foi resgatando a cultura das rodas, agora praticadas em bares de classe média e não mais relegadas aos quintais da periferia.

O apelido de “Príncipe do Pagode” só apareceu em 1987. “Tinha uma rádio FM que tinha um programa específico de samba naquela época e que o locutor dava título aos artistas e um dia ele anunciou: ‘E agora Reinaldo, o Príncipe do Pagode’. Aí acabou ficando”, diverte-se ele.

Reinaldo lançou recentemente o DVD – Reinaldo e Seus Convidados onde recebeu amigos do mundo do samba como o Grupo Revelação, Leci Brandão, Débora Cruz e Ferrugem”.

Um pouco mais sobre o Grupo Soul+Samba:
Grupo Soul+Samba é formado por: Ari Junior (Banjo e voz), Diogo Cunha (Violão 7 cordas e voz), Juninho Travassos (Cavaquinho), Vinicius Feijão (Pandeiro e voz), Douglas Silva (Ator do programa Esquenta e do seriado, Cidade dos Homens) Percussão Geral e Álvaro (surdo).

O Grupo além de cantar musica de artistas consagrados da MPB, tem o seu próprio repertorio misturando muito swing e gingado. Apresentação do evento fica por conta de Douglas Silva(Programa Esquenta)

Evento: Feijoada Unidos da Tijuca – Nota 10 com Reinaldo & Soul Mais Samba
Data: 20/Mar
Horario: 13h as 22h
Local: Quadra da Unidos da Tijuca – Leopoldina
Classificação: Livre

Link do evento: https://www.facebook.com/events/1595919047400542/

Preços:

Ingressos R$ 20,00 antecipados
Camarotes: R$ 350,00 com 10 ingressos
Mesa Vip com 4 lugares: R$ 150,00 (ingressos inclusos)

Pontos de venda:
Vendas OnLine: www.ingressocerto.com

South: Centro – Rua do Ouvidor 167
South: Shop Tijuca
South: Boulevart – Iguatemi
South: Nova america
Banco de areia: Rio Sul
South: Madureira shop
South: Barra shop
South: Plaza Shop
South: Caxias

Infos: 96925-7600

DEIXE UM COMENTÁRIO