“Redenção pelo Amor” – Nana Pauvolih lança, em maio, terceiro livro da série de literatura erótica

Redencao pelo amorCom mais de 53 mil exemplares vendidos, cerca de 7 milhões de páginas lidas pela Amazon e um fã clube com 8 mil mulheres que se auto intitulam “nanetes”, a escritora carioca Nana Pauvolih lança, em maio, o terceiro e último livro da série erótica Redenção, pelo selo Fábrica 321, da Editora Rocco.

Com o título “Redenção pelo Amor”, o livro conta a história de um bem sucedido empresário, muito ambicioso, que vê sua vida mudar completamente depois de se apaixonar por uma jovem estudante de uma beleza pura e encantadora. A série “Redenção” termina com uma história sexy e eletrizante.

A trilogia revela a história de três amigos que desde a infância competiam pelas conquistas amorosas. Com o passar dos anos eles assumiram os negócios de suas famílias e o jogo ficou mais sério. Os dois primeiros livros, “Redenção de um cafajeste” e “Redenção e submissão”, foram um sucesso e venderam mais de 37 mil exemplares, além de cerca de 7 mil e-books.

Graduada em história, Nana abandonou a carreira de 18 anos como professora para se dedicar aos livros e seguir sua verdadeira vocação. A paixão pela leitura começou quando ainda era criança e a curiosidade pelo mundo erótico surgiu depois de ser proibida de ler um livro que achou na estante de casa.

“Sexo sempre foi um assunto que me interessou, nunca entendi porque esse assunto era um tabu e era cercado de tanta curiosidade. Escrever literatura erótica não foi uma escolha, aconteceu”, explica Nana.

Seu primeiro romance foi escrito aos 11 anos e desde então não parou. As dezenas de contos, textos e livros ficaram escondidos do grande público até 2011 quando Nana começou a publicar trechos de suas obras em um site de leitura na internet e passou a divulgar também em redes sociais. Suas personagens muito próximas da cultura brasileira, e que descrevem a realidade da vida das leitoras, logo fizeram sucesso e, em 2012, a autora, lançou seu primeiro título, em versão impressa, por uma editora tradicional. “A coleira” vendeu cerca de 5 mil exemplares físicos mesmo depois de já ter sido publicado na internet.

Depois do sucesso da primeira experiência Nana partiu para uma nova empreitada, agora, como escritora independente resolveu lançar seus livros em formato de e-books, pelo site da Amazon, onde coleciona 19 títulos publicados e foi eleita como autora best-seller em 2015, mesmo ano em que lançou a trilogia “Redenção” pela Editora Rocco.

Se dedicando integralmente a sua opção pela carreira como escritora, Nana Pauvolih não pretende mais abandonar suas leitoras e promete mais histórias para inspirar.

DEIXE UM COMENTÁRIO