‘Portela de Asas Abertas’ homenageará Zé Ketti no próximo sábado

Roda de samba acústica com grupo Samba da Princesa vai lembrar clássicos do compositor

O compositor Zé Ketti (1921-1999) será homenageado na quadra da Portela, no próximo sábado (17), a partir das 14h, dentro do projeto ‘Portela de Asas Abertas’. Na ocasião, a convite do departamento cultural da agremiação, o grupo Samba da Princesa, formado por músicos de Juiz de Fora (MG), vai lembrar clássicos do autor de “A Voz do Morro” em uma grande roda acústica.
 
Segundo o diretor cultural da Portela, Rogério Rodrigues, o evento tem como objetivo reverenciar a memória do ilustre portelense. “Zé Ketti faz parte, assim como Candeia, de uma linhagem iniciada por Paulo da Portela. Assim como Paulo promoveu o encontro da cultura dos morros e dos subúrbios com a cidade, Zé Ketti uniu o subúrbio e a Zona Sul. Foi uma liderança também! Eu o considero o primeiro multimídia do samba, porque, além de compositor e cantor, foi empresário, ator e assistente de direção do cineasta Nelson Pereira dos Santos. É importante que ele seja resgatado como um grande compositor, dono de uma obra singular, que transita entre o samba, o partido-alto, a marcha-rancho… Ele precisava ter esse reconhecimento. E o departamento cultural tem a missão de fazer essa homenagem e de trazer Zé Ketti de volta, até porque ele também será enredo da escola de samba Acadêmicos do Engenho da Rainha em 2017”.
 
Honrada com a homenagem, Geisa Ketti, filha do compositor, diz que o projeto “é uma chance para as novas gerações conhecerem a obra de Zé Ketti”. “Estou muito feliz com esta iniciativa do departamento cultural da Portela. O samba está completando 100 anos de história. E meu pai completaria 95 anos agora em setembro, se estivesse vivo. Por isso, é muito gratificante saber que um grupo vindo de Juiz de Fora se interessa por samba e, especialmente, pela obra do meu pai. Isso ajuda na preservação e na difusão da obra para os mais jovens”, analisa Geisa, que acompanhará a homenagem na quadra. Outros familiares também vão marcar presença.
 
Formado por componentes de diversas agremiações carnavalescas, além de integrantes de conjuntos musicais de Juiz de Fora, o Samba da Princesa tocará clássicos e também canções menos conhecidas de Zé Ketti. “Leviana”, “Máscara Negra”, “Acender as Velas”, “Opinião” e “Diz que Fui por Aí” são alguns dos hits que estarão no repertório. Vale lembrar que a roda de samba será nos moldes tradicionais (sem microfones), com músicos e cantores no meio da quadra e cercados pelo público, como sempre acontece no ‘Portela de Asas Abertas’. 
 
A entrada custa R$ 15, e o almoço será macarrão com galinha, vendido a R$ 15. A quadra da Portela fica na Rua Clara Nunes 81, em Madureira. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3256-9411.
 
Serviço:
Portela de Asas Abertas – Homenagem a Zé Ketti com o grupo Samba da Princesa
Data: Sábado, dia 17 de setembro
Horário: A partir das 14h
Local: Quadra da Portela
Endereço: Rua Clara Nunes 81, Madureira
Informações: 3256-9411
Ingresso: R$ 15 (à venda na bilheteria da quadra)
Almoço: macarrão com galinha (prato a R$ 15)
Sócios estatutários e sócios-torcedores não pagam.
Classificação: Livre
 
OBS: Quem tiver o flyer do evento pagará apenas R$ 15 pelo ingresso + almoço