A onda de Baia vai invadir o Nectar

Vivendo o momento de maior reconhecimento artístico da carreira musical, cantor e compositor faz festa dupla na casa de Vargem Grande no dia 30 de abril: lança o álbum A fúria do mar e comemora seu aniversário

Divulgação
Divulgação

O público do Nectar pode esperar um Baia ainda mais inspirado, no dia do seu aniversário em que vai mostrar aos fãs cariocas as músicas de seu novo disco, A fúria do mar, álbum recém-lançado pela gravadora Som Livre.

Lançado nas plataformas digitais, o álbum A fúria do mar despertou o interesse de toda a mídia com repercussão que extrapolou o universo musical e ecoou nos espaços de cobertura política por conta da polêmica música Suíte Bourbon 1407. Neste blues de toque country, Baia lava a roupa suja da Operação Lava Jato e faz até trocadilho com o nome do juiz federal Sérgio Moro em um dos versos. A música, claro, vai estar no show e promete mexer com o público antenado que costuma frequentar o Nectar.

No show, Baia vai tocar as principais músicas de A fúria do mar com a banda com que gravou o disco – Caesar Barbosa na guitarra, Carlos Sales na bateria, Wlad no baixo e Fabrizio Iorio nos teclados – e vai reviver os principais sucessos de discografia iniciada em 1995, quando ainda integrava a banda Baia e RockBoys. 

Apesar de tocar em temas explosivos como o sistema bancário, assunto da música Ladrão que rouba ladrão (antecipada em EP que antecedeu o álbum), A fúria do mar é um disco marcado, sobretudo, pela felicidade da chegada da primeira filha do artista, Dora, nascida em 2014. “Esse disco é o produto da minha Licença Paternidade. Ele traz músicas que nasceram junto com a minha filha Dora, em seu primeiro ano de vida”, conta o cantor e compositor. “Entre trocas de fraldas, banhos e mamadeiras, eu sempre tocava para ela novas canções em seu nome, músicas que eu estava fazendo no período e outras antigas melodias que haviam marcado a minha vida, pois vinham de parceiros e amigos com quem vivi aqueles anos todos, antes de Dora chegar”, explica Baia, que vai cantar no show Dora, canção terna composta em homenagem à filha e gravada no álbum A fúria do mar.

Das músicas que marcaram a vida de Baia, Caio no suingue é presença certa no roteiro do show. Baia regravou a música de Pedro Luís – lançada pelo coletivo carioca Pedro Luís e a Parede em 1997 – no disco A fúria do mar. A música tem a cara do Rio. Outro destaque do repertório é Tem fila, música de pegada nordestina que versa sobre as filas enfrentadas cotidianamente pelo cidadão brasileiro. Tem fila é parceria de Baia com Gabriel Moura, Jovi Joviano e Carlos Negreiro.

Em show pautado pela diversidade rítmica, Baia vai mostrar a contundência de um repertório autoral que alterna momentos de fúria e calmaria. O Nectar vai balançar em 30 de abril com a onda-tsunami musical de Baia.

Sobre Baia
Baia iniciou a carreira musical em 1992, com a banda Baia e RockBoys, com quem lançou 3 discos, (Na fé, em 1995, Overdose de lucidez, em 1998, eEntrada de emergência, em 2001). Com o falecimento de Tonho Gebara, seu parceiro e guitarrista da banda, o artista seguiu em carreira solo lançando os discos Habeas corpus (2006) 4 Cabeça (2009), Baia no Circo (2010), Com a certeza de quem não sabe nada (2013), Do romantismo à Roma antiga(2014) e, em 2015, o EP Ladrão que rouba ladrão e o álbum A fúria do mar, lançado em todas as plataformas digitais, pela gravadora Som Livre, em dezembro de 2015.

Serviço do show de Baia no Nectar Som

Lançamento do álbum A fúria do mar
Data: 30 de abril de 2016, sábado
Nectar Som: Estrada dos Bandeirantes, 22774 – Vargem Grande, tel. 99765-6799
Show de abertura com Manu Cordeiro (rock e blues)
INGRESSOS: R$ 30 (antecipado)  / R$ 40 (porta)

PONTOS DE VENDA

GALERIA RIVER – COPACABANA
Loja: Ultra 420 (t. 2267-1644)
BARRA SHOPPING
NECTAR SOM