Lenda turca inspira “O Sal e o Amor”, novo espetáculo da Cia. Paideia de Teatro, que estreia sábado, dia 3 de setembro

A Cia. Paidéia de Teatro estreia seu novo espetáculo O Sal e o Amor neste sábado, 3 de setembro, às 17 horas. Com texto e direção de Amauri Falseti, a peça terá apresentações aos sábados e domingos, às 17 horas, com preços populares (ingresso: R$ 20 inteira e R$ 10 meia- entrada). O espetáculo tem também um horário para escolas às sextas-feiras, às 10 horas.  O endereço do teatro da Cia. Paidéia é Rua Darwin, 153 – Santo Amaro- São Paulo (próximo ao Mercado Municipal de Santo Amaro- Tel: 11 5522-1283).

A história de O Sal e o Amor é baseada em uma lenda turca, cujas versões mais conhecidas são o drama Rei Lear, Shakespeare, e o conto de fadas Capote de Junco.  A peça conta as trajetórias de Yildiz, a filha mais nova de um poderoso Sultão, que tem de provar seu amor pelo pai. Ao mesmo tempo, o jovem Mehmet, filho único e superprotegido pela mãe, tem de enfrentar a vida. O espetáculo, indicado para toda família, é pontuado por músicas compostas por Amauri Falseti, Marcos Iki e Paul Gerlach. No elenco, estão: Aglaia Pusch,Camila Amorin, Carolina Chmielewski, Flávio Porto, Rogério Modesto, Suzana Azevedo e Valdênio José.

“Com O Sal e o Amor, a Paidéia resgata a fantasia de uma antiga história para falar de valores eternos para a humanidade, como o amor pela família e a necessidade de enfrentar a vida”, afirma o diretor do espetáculo e da Cia. Paidéia, Amauri Falseti.

O Sal e o Amor faz parte das comemorações de 18 anos da Cia. Paideia de Teatro. O grupo foi criado em 1998 pelo diretor Amauri Falseti e a atriz Aglaia Pusch. Há 10 anos, a cia. está instalada em Santo Amaro. No local, realiza anualmente o Festival Internacional Paidéia de Teatro para Infância e Juventude. A décima edição do evento será em setembro, com apresentações de grupos brasileiros e convidados internacionais.

Quanto vale o amor de uma filha por seu pai e o amor de uma mãe por seu filho
Um sultão movimenta seu reino quando resolve perguntar às suas três filhas quanto amor elas sentem por ele. As mais velhas conseguem agradar ao pai fazendo comparações com ouro e diamantes, mas a filha mais nova, Yildiz, é incapaz de mensurar seu amor. Ela não consegue agradar ao Sultão, que, furioso, transforma a vida dela em um perigoso desafio.

A peça também conta a história do jovem Mehmet, filho único de uma mulher muito pobre que vive para protegê-lo dos perigos. Um dia Mehmet decide sair de casa pela primeira vez, para descobrir o mundo e acaba passando por situações inusitadas.

As trajetórias de Yildiz e Mehmet são pontuadas pela figura do velho Dervixe, que aparece e desaparece misteriosamente, costurando toda a trama em um final surpreendente.

A temporada vai até o dia 15 de outubro. A peça terá uma apresentação especial, seguida de conversa, em 24 de setembro, sábado, durante o X Festival Internacional Paidéia de Teatro para a Infância e Juventude.  A peça não será apresentada na sexta-feira, dia 23 de setembro, e no domingo, dia 25 de setembro.

Ficha Técnica:
Texto e Direção: Amauri Falseti
Conto adaptado por Yildiz Ademoglu Atlan, a partir do conto “O Sal e o Amor”, recolhido por Pertev Naili Boratav
Tradução: Sylvie Giraud
Iluminação: Wagner Freire e Alessandra Marques
Cenário e Figurinos: Clau Carmo
Preparação de atores: Ana Luiza Junqueira e Madalena Bernardes
Direção Musical: Marcos Iki
Músicas: Amauri Falseti, Marcos Iki e Paul Gerlach
Músico: Marcos Iki
Costureira: Mariluce Constantino
Fotos: Thiago Leite
Cartaz: Cíntia Donatelli
Teaser: Heitor Mendes
Elenco: Aglaia Pusch, Camila Amorin, Carolina Chmielewski, Flávio Porto, Rogério Modesto, Suzana Azevedo e Valdênio José.
Duração: 90 minutos
Indicação etária: para a família, a partir de 6 anos

Confira todas as datas desta temporada

  • Horários em setembro
    3/9, sábado, 17h – ESTREIA
    4/9, domingo, 17h
    9/9, sexta, 10h
    10/9, sábado, 17h
    11/9, domingo, 17h
    16/9, sexta, 10h
    17/9, sábado, 17h
    18/9, domingo, 17h
    24/9, sábado, 17h – apresentação seguida de conversa, durante o X Festival Internacional
    30/9, sexta, 10h
  • Horários em outubro
    01/10, sábado, 17h
    07/10, sexta, 10h
    08/10, sábado, 17h
    14/10, sexta, 10h
    15/10, sábado, 17h

Serviço completo:

“O Sal e o Amor”, Cia Paidéia de Teatro

Ingresso: R$ 20 inteira e R$10 meia-entrada

Local: Cia Paidéia de Teatro – Rua Darwin, 153, Jardim Santo Amaro (próx. ao Mercado Municipal de Santo Amaro)

Informações:

Tel: 11 5522 1283ciapaideia@paideiabrasil.com.br / www.paideiabrasil.com.br

Ar condicionado; acesso para mobilidade reduzida; café.

Bilheteria abre uma hora antes de cada apresentação.
Aceita reservas antecipadas pelo telefone.
Pagamento de ingressos em dinheiro ou cheque (não aceita cartões).

Não tem estacionamento.

55 lugares

Conheça o grupo
Fundada em 1998 por Amauri Falseti e Aglaia Pusch, a Paidéia Associação Cultural é uma instituição regida pela Cia. Paidéia de Teatro que se dedica aos jovens e às crianças. Hoje, sua sede é um importante polo cultural da região de Santo Amaro. Jovens e crianças fazem oficinas semanalmente no local, além de professores, educadores e artistas. 

A Paidéia mantém uma vasta programação cultural e, anualmente, realiza o Festival Internacional Paidéia de Teatro para a Infância e Juventude. Em 2010, a Paidéia recebeu o Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem na Categoria Especial por sua programação intensa e diversificada, e, desde 2009, foi reconhecida como Ponto de Cultura. O grupo teatral conquistou inúmeras indicações e por quatro vezes recebeu o Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem e também o APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte).

A Paidéia vem ganhando cada vez mais reconhecimento e já é considerada uma referência por importantes pensadores do teatro. Após ocupar diferentes lugares da Zona Sul de São Paulo, desde 2006, o grupo passou a ter como sede um antigo pátio de coletores de lixo, em Santo Amaro. O espaço foi cedido pela Prefeitura de São Paulo à Paidéia que, com o apoio de empresas, amigos, alunos e pais de alunos, transformou o galpão, que estava em estado de abandono, em importante polo cultural da região de Santo Amaro.

Ao longo da história da Paidéia, o grupo contou com o apoio de instituições, consulados, artistas, empresas, amigos e dos jovens.

Saiba mais: www.paideiabrasil.com.br 

CIA PAIDÉIA DE TEATRO
Rua Darwin, 153 – Santo Amaro (próximo ao Mercado Municipal de Santo Amaro)
São Paulo – SP
Informações: Tel. (11) 5522-1283
www.paideiabrasil.com.br

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui