Lançamento de Projeto que homenageia os 50 anos de carreira de Beth Carvalho e uma saborosa Tripa Lombeira são atrações do Renascença Clube

O Renascença Clube nos brinda, neste domingo, 17 de abril, com duas atrações especiais. O lançamento do projeto “É Tudo Preto no Branco” que homenageia os 50 anos de carreira de Beth Carvalho e a inigualável tripa lombeira, herança da cultura africana trazida para o Brasil pelos escravos, capaz de satisfazer paladares bem exigentes. O som de MPB fica por conta do DJ Neném.

Acompanhe o Renascença nas redes sociais e concorra a um balde de cerveja, duas cortesias e uma mesa com quatro lugares na roda de samba de sua escolha. A frase mais curtida nos comentários com a palavra Renascença, até sábado (16/04), às 15 h, será a vencedora. Escolha a roda de samba da sua preferência, a promoção é válida para sábado (16/04), Reinaldo; domingo (17/04), Flavia Seolli e Lu Carvalho; ou segunda (18/04), Samba do Trabalhador.

É Tudo Preto no Branco
Este é o projeto que a dupla Flavia Seolli e Lu Carvalho inaugura, neste domingo, 17/04, no Renascença, com o grupo formado por Paulinho Athayde, no cavaco; Marco Guimarães, no violão; Bebinho Damasceno, no tan tan; Neném, no pandeiro; e Black, no surdo. Segundo Lu Carvalho, o nome “É Tudo Preto no Branco” surgiu primeiro por causa da raça, segundo porque tem verdade. “Acreditamos no bem, na amizade, na solidariedade. Participamos das mesmas opiniões”, afirma Lu Carvalho.  Flavia Seolli já está na estrada há 13 anos fazendo sucesso nas maiores rodas de samba do Rio, o que a tem levado para rodas em outros estados, como: São Paulo, Belo Horizonte e até Roraima. Lu Carvalho começou sua trajetória artística aos 14 anos e interrompeu a carreira para ser mãe em tempo integral. Há sete anos retornou aos palcos com o apoio da tia Beth Carvalho que a incentivou a gravar seu primeiro CD que, por sinal, contou com a participação de “feras” do samba como Arlindo Cruz, Diogo Nogueira e a própria Beth.

Há 5 anos Lu e Flavia se conheceram no terreirão do Samba. Uma passou a “namorar” o trabalho da outra e daí ficaram amigas. Passaram a participar das mesmas rodas de samba e a partir de um trabalho voluntário no Lar de Frei Luiz, que cuida de idosos abandonados pela família, onde cantavam junto com Edinho do Samba ao violão, fortaleceram a amizade e decidiram fazer um projeto juntas. Assim surgiu “É Tudo Preto no Branco” que vai ser lançado no Renascença, dia da tripa lombeira, realizada pelo Departamento Feminino do Clube. O projeto pretende homenagear, anualmente, um artista que tenha deixado a sua marca no samba, mostrando que o samba não tem raça, gênero, nem classe social é “tudo preto no branco”! A primeira homenageada será Beth Carvalho pelos seus 50 anos de carreira. “A escolha não poderia ser outra, pois além da Beth Carvalho ser a madrinha do Projeto também é a responsável por segurar e dar esteio ao samba do jeito que ele é hoje” conclui Lu Carvalho.

Serviço:

Flávia Seolli e Lu Carvalho
Dia: 17/04
Horário: a partir das 17 h
Local: Rua Barão de São Francisco, 54 – Andaraí
Ingresso: R$ 20,00.
Tripa Lombeira: R$ 20,00
Mesas com quatro lugares: R$ 20,00
O Renascença tem uma Praça de Alimentação com mesas gratuitas.

DEIXE UM COMENTÁRIO