Hermeto Pascoal realiza única apresentação gratuita com laboratório neste sábado, no Sesc Tijuca

O multi-instrumentista interage com o público tirando som de bugigangas, brinquedos e faz da criatividade o melhor repertório do encontro que acontece às 17h

Lenda viva da música brasileira e reconhecido internacionalmente pelo dom de retirar sons de qualquer objeto, Hermeto Pascoal é a atração deste sábado (21/11), às 17h, no Sesc Tijuca. A entrada é franca. A apresentação mescla um laboratório musical com o cantor, compositor, arranjador, pianista, sanfoneiro, instrumentista e tocador de bugigangas. Durante o encontro, o músico convida o público a trocar ideias e fazer um som com objetos inusitados, ensinando a plateia a usar a criatividade e transformar objetos simples em instrumentos musicais.

Hermeto Pascoal
Nascido em Olho D´Água, em Pernambuco, e criado em Lagoa da Canoa, em Alagoas, desde pequeno Hermeto Pascoal teve uma relação forte com a música. O talento ficou evidente na infância, quando começou a tocar com o irmão mais velho em forrós e festas de casamento. Os irmãos revezavam-se nos oito baixos e no pandeiro. O começo da carreira profissional foi na Rádio Jornal do Commercio. Nesta época, Hermeto começou a tocar piano a partir de um convite do guitarrista Heraldo do Monte. Em seguida, foi para João Pessoa, onde tocou na Orquestra Tabajara. Em 1961, mudou-se para São Paulo onde formou, com Papudinho no trompete, Edilson na bateria e Azeitona no baixo, o grupo Som Quatro. Foi quando começou a tocar flauta. Com esse grupo gravou um LP. Em seguida, integrou o Sambrasa Trio. Com a criação dos programas musicais de TV, formaram o grupo Quarteto Novo, com Hermeto no piano e flauta. O grupo participou dos principais festivais de música e programas da TV Record. Nessa época, venceu um dos festivais com “Ponteio”, de Edu Lobo. Em 1969 foi para os Estados Unidos e gravou dois LPs, como compositor, arranjador e instrumentista. Já reconhecido pelo talento, qualidade e criatividade, tornou-se atração de diversos eventos importantes, como o I Festival Internacional de Jazz, em 1978, em São Paulo. No ano seguinte, participou do Festival de Montreux, na Suíça e seguiu para Tóquio, onde participou do Live Under the Sky. Desde então, somaram-se diversas turnês em dezenas de países.

Serviço

Hermeto Pascoal no Sesc Tijuca

Apresentação com laboratório musical gratuito
Projeto “Redemoinho artístico”
21/11, sábado, às 17h
Rua Barão de Mesquita, 539.
Tel.: 3238-2139
Local: Casa Rosa.
Preço: Gratuito.
Classificação: 12 anos.

DEIXE UM COMENTÁRIO