Friburgo sedia 10º Festival de Truta, maior evento gastronômico da Região Serrana

A truta é um peixe que possui peculiaridades que o tornam um dos mais apreciados no prato do brasileiro. Seu cultivo no Brasil começou em 1949, quando os primeiros ovos foram trazidos da Dinamarca para as serras do país. Hoje, Nova Friburgo se destaca como grande produtor do peixe, por oferecer ambiente saudável, água pura e baixa temperatura, essenciais para o cultivo da truta. Essas premissas elevam o peixe ao patamar de um dos mais seguros para consumo, livre do risco de contaminação.

Há 10 anos Nova Friburgo sedia o Festival de Truta, evento que já recebeu mais de 50 mil visitantes. Neste ano, o festival acontece entre os dias 27 de outubro e 27 de novembro e terá 20 restaurantes participantes. Entre os pratos servidos estão: “Truta Bode Expiatório” – truta ao requeijão e endro com nhoque de batata baroa; “Truta portuguesa” – filé de truta com ervas finas, alecrim, salsa desidratada, batata, tomate cereja, pimentão vermelho e amarelo, cebola, ovo de codorna e azeitona preta; “Truta paixão” – truta ao molho de maracujá com risoto de quatro queijos; “A melhor truta da casa” – filé de truta flambada no licor de amaretto, arroz e salada; e “Truta Afrodisíaca” – truta com camarões ao molho de ostras, gengibre, arroz de jasmim com passas brancas. Os preços variam entre R$30 e R$45.

Para a vice-presidente do Nova Friburgo Convention & Visitors Bureau, Eujani Libotte, o evento deste ano promete ser ainda melhor que em 2015: “Em relação ao ano passado, tivemos um aumento de 30% na adesão de estabelecimentos no Festival de Truta, o que mostra que, mesmo com a crise econômica, as pessoas estão investindo em seus negócios. Para nós é de suma importância que eventos como esse aconteçam para estimular a região e fomentar o turismo”.

Benefícios da truta
A truta também possui grande valor nutritivo, com alto teor de proteína, cálcio, fósforo, sais minerais e vitaminas. Apresenta também ácidos graxos do tipo Ômega-3 e baixo teor de calorias, o que a torna uma boa opção para dietas de emagrecimento e na redução do colesterol ruim (LDL), nocivo ao coração.

DEIXE UM COMENTÁRIO