Com preços populares, na sede da Cia Paidéia, em Santo Amaro e, grátis, no Sesc Campo
Limpo, no Campo Limpo, Festival apresenta montagens teatrais, além de oficinas e mesas
de reflexão com especialistas da Alemanha, Argentina, Brasil, Cuba, Uruguai e Suíça.

Pelo décimo ano consecutivo, a Cia. Paidéia de Teatro realiza,em São Paulo,o Festival Internacional Paidéia de Teatro para a Infância e Juventude: Uma Janela para a Utopia. De 23 a 27 de setembro, sexta a terça-feira, o público poderá conhecer montagens de companhias da Alemanha, Argentina, Brasil, Dinamarca, Suíça e Turquia. São diferentes peças marcadas pelo fazer teatral de qualidade.Na sede da Cia Paidéia (Rua Darwin, 153 – Jardim Santo Amaro), com preços populares (entradas: R$ 25 inteira / R$ 12 meia) e, com entrada franca, no Sesc Campo Limpo (Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, 120 – Campo Limpo).

O Festival terá encontros grátis em Mesas de Reflexão com profissionais da Alemanha, da Argentina, do Brasil, de Cuba, do Uruguai e da Suíça. Eles debaterão os temas sob os temas:O limiar das idades no teatro; Quais as questões vivenciadas pelas crianças em suas culturas e países e como essas questões são tratadas no teatro; Como é a política para o Teatro na educação no Brasil e nos outros países; e Teatro em zonas de conflito. Também haverá Oficinascom especialistas (inscrições: R$ 10). Programação completa no final do release e sinopses no arquivo anexo.

A Paidéia Associação Cultural é uma instituição fundada em 1998 por Amauri Falseti e Aglaia Pusch, regida pela Cia. Paidéia de Teatroque se dedica aos jovens e às crianças. A sede da Paideiaé um importante polo cultural da região de Santo Amaro frequentado por jovens, crianças, além de professores, educadores e artistas. 

“O Festival Internacionalde Teatroé um sonho que a Paidéia realizatodos os anos, com o apoio de fiéis parceiros que acreditam que o teatro para crianças e jovens é necessário. Destacamos o apoio de entidades como Sesc São Paulo, Instituto Goethe, Subprefeitura de Santo Amaro e muitos outros, entre Institutos Culturais, Consulados,artistas, grupos nacionais e internacionais de teatro, amigos, vizinhos, alunos e pais de alunos da Paidéia.A partir destes apoios, a Cia. Paidéia consegue oferecer essa atração para a cidade.São incontáveis os belos momentos vivenciados no Festival nesses 10 anos. É um riquíssimo panorama da produção teatral mundial de qualidade para crianças e jovens que, com certeza, fará a diferença na formação das futuras gerações”, afirma Amauri Falseti.

Confira os países e temas dos espetáculosda X Festival  Internacional:

Alemanha – Rei Hamed e a Menina Sem Medo, da companhia Junges Nationaltheater Mannheim Schnawwl vai discutir as definições de masculinidade e feminilidade, a partir de uma história que se passa no mundo árabe.

Argentina–Henry do Grupo de Teatro Buenos Aires, sobre o rei da Inglaterra Henrique VIII.

Brasil – De São Paulo, aCia Paidéia de Teatro apresenta seu novo espetáculo O Sal e o Amor, inspirado em uma lenda turca que também deu origem a Rei Lear, de Shakespeare. E do Núcleo de Jovens da Paidéia, o destaque é o musical em homenagem aJoão do Vale – da vida ao verso, do verso à vida.Tenda de Histórias é um encontro com a contadora de histórias Manoela Pamplona,atriz da Cia. Paidéia, que também trabalhou na Suíça e em Moçambique.De Minas Gerais- Uberlândia, a Trupe de Truões, formada por egressos do curso de Artes Cênicas e Teatro da Universidade Federal de Uberlândia, apresentaAlibabá e os 40 ladrões.

Dinamarca- Romeu e Julieta!,do grupo AsterionsHus, é uma performance envolvente, acelerada e bem-humorada, da obra de Shakespeare.

Suíça- A estreia mundial de O Homenzinho Corcunda, da companhia Figurentheater Margrit Gysin. A história é inspirada numa antiga canção popular.

Turquia- O grupo Tiyatro BeReZe, encena Muito Frio, um conto de fadas não verbal, criado por dois atores de Istambul.

Oficinas sobre o fazer teatral, a preços populares (R$ 10,00 – preço único)

As Oficinas com profissionais do teatro são uma oportunidade de adquirir conhecimentoscom artistas de experiências diversas. Inscrições pelo telefone: 11 5522 1283 e ciapaideia@paideiabrasil.com.br

Dinamarca- O grupo Asterions Husapresentará sua experiência recente com a obra de Shakespeare na montagem, acelerada e bem-humorada, de Romeu e Julieta!,atração do Festival.

Brasil- Minas Gerais – Uberlândia- Na oficina A interpretação melodramática, a Trupe de Truões, do espetáculo Alibabá e os 40 ladrões, destacará suas pesquisas no teatro para crianças e jovens. O grupo tem investigado as possibilidades de narração em cena, a ressignificação do corpo do ator.

Brasil – São Paulo- A atriz e dramaturga Sandra Vargas apresentaos princípios básicos do Teatro de Objetos. Na oficina, ela conta sua experiênciano Grupo Sobreventoem dar função poética aos objetos.

 Mesas de Reflexão com especialistas – entrada franca

Todas as mesas de reflexão partirão do tema central: “Qual é o lugar do teatro para crianças hoje?”, para que ele seja desenvolvido continuamente durante todo o festival. As mesas de reflexão terão subtemas, discutidos a partir deste tema central.

Mesa de Reflexão – O limiar das idades no teatro – com Andrea Gronemeyer (Alemanha), Maria InésFalconi (Argentina), representante do Sesc São Paulo e Mediação: Dib Carneiro Neto.

Mesa de Reflexão – Como é a política para o Teatro na educação no Brasil e nos outros países? – com Luvel Garcia Leyva, Sandra Vargas e Paulo Merísio.
Medicação: Valmir Santos.

Mesa de Reflexão – Quais as questões vivenciadas pelas crianças em suas culturas e países e como essas questões são tratadas no teatro?– com Amauri Falseti (Brasil, Paidéia),Andrea Gronemeyer (Alemanha), Gabriel MaccióPastorini (Uruguai).
Mediacão: Marici Salomão.

Mesa de Reflexão – Teatro em zonas de guerra e conflito– com Amauri Falseti (Brasil, Paidéia),MargritGysin (Suíça), Reinaldo Nascimento (Brasil).
Mediação: Bebê de Soares.

Conversa com Luvel Garcia Leyva (Cuba) – Crítica Teatral
Luvel é pedagogo, crítico, pesquisador teatral, bolsista de Mestrado da FAPESP, realizando pesquisa com Malu Pupo.

Conversa Carlos Di Pasquo – Arquiteto, Pós-Graduado em História da Arquitetura e do Urbanismo. Foi Professor de História da Arquitetura Moderna na Faculdade de Arquitetura de Caracas, Venezuela. Desde 1980, dedica-se ao design, ensino de cenário e montagens teatrais. Recebeu diversos prêmios por seus trabalhos, em vários países.

Divulgação

 SERVIÇO:

X Festival Internacional Paidéia de Teatro para a Infância e Juventude: Uma Janela para a Utopia.
Espetáculos na Paideia: R$ 25 inteira / R$ 12 meia
Espetáculos no Sesc Campo Limpo: Grátis
Oficinas: R$ 10,00 (preço único)
Mesas de Reflexão, Conversas e Rodas: Grátis
Informações e programação completa em: www.paideiabrasil.com.br
ciapaideia@paideiabrasil.com.br / Facebook: Cia Paidéia de Teatro
Cia Paidéia de Teatro
Rua Darwin, 153 – Jardim Santo Amaro
Fone: 5522 1283
Aceita reservas pelo telefone; bilheteria abre uma hora antes de cada apresentação, aceita como pagamento somente dinheiro e cheque, não aceita cartões. Tem acessibilidade para cadeirantes, ar condicionado e café. Não tem estacionamento.
Teatro azul: 100 lugares
Teatro vermelho: 100 lugares
Jardim: 120 lugares

Espetáculos no SESC Campo Limpo : Entrada franca
Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, 120 – Campo Limpo
Fone: 5510-2720
sescsp.org.br
São Paulo – SP – CEP: 05763-470
Espetáculos gratuitos, não é necessário reservar/retirar ingressos. Tem acessibilidade para cadeirantes e café. Não tem estacionamento.
Tenda:100 lugares (mínimo)
Container vermelho: 100 lugares (mínimo)

PROGRAMAÇÃO COMPLETA
X Festival Internacional Paidéia de Teatro para a Infância e Juventude: Uma Janela para aUtopia de 23 a 27 de setembro de 2016.

● QUINTA, 22 /09
Na Cia Paidéia de Teatro
Conversa com Luvel Garcia Leyva (Cuba) – Crítica Teatral
Sala: Cinema
22.9, qui, 14h30 às 17h
Luvel é pedagogo, crítico, pesquisador teatral, bolsista de Mestrado da FAPESP, realizando pesquisa com Malu Pupo

● SEXTA, 23 /09
Na Cia Paidéia de Teatro
9h50- Rei Hamed e a menina sem medo (KönigHamedund das furchtloseMädchen) – Junges Nationaltheater MannheimSchnawwl– Alemanha
Sala: Teatro Azul

16h às 18h Mesa de Reflexão – O limiar das idades no teatro – com Andrea Gronemeyer (Alemanha), Maria InésFalconi (Argentina), representante do Sesc São Paulo e mediação de Dib Carneiro Neto
Sala: Cinema

20h30 – Rei Hamed e a Menina sem medo (KönigHamedund das furchtloseMädchen) – Junges Nationaltheater Mannheim Schnawwl – Alemanha
Sala:Teatro Azul
21h30 – Intervenção com a palhaça Paola Musatti – Café

No Sesc Campo Limpo:
19h30 – Romeu e Julieta! (Romeo& Julie!) – AsterionsHus – Dinamarca
Sala: Container Vermelho

● SÁBADO, 24/09
Na Cia Paidéia de Teatro
10h30 às 12h30-Oficina com Asterions Hus–Dinamarca
Sala: Cinema

11h – Rei Hamed e a menina sem medo*(König Hamed und das furchtlose Mädchen) – Junges Nationaltheater Mannheim Schnawwl–Alemanha
Sala:Teatro Azul

14h às 16h45 – Oficina “A interpretação melodramática” com a Trupe de Truões Uberlândia, MG/Brasil
Sala: Cinema

15h – Tenda de Histórias com Manoela Pamplona – São Paulo/ Brasil
Sala: Jardim

17h – O Sal e o Amor*– Cia Paidéia de Teatro – seguido de conversa- São Paulo/ Brasil
Sala:Teatro Azul

20h30 – João do Vale: da vida ao verso, do verso à vida*– Núcleo de Vivência Teatral da Paidéia-São Paulo/ Brasil
Sala: Teatro Azul

No Sesc Campo Limpo:
17h – Muito Frio (Çok Soğuk) – TiyatroBeReZe – Turquia
Sala: Container Vermelho
19h00 –Romeu e Julieta! (Romeo& Julie!) – AsterionsHus – Dinamarca
Sala: Container Vermelho

● DOMINGO, 25/09
Na Cia Paidéia de Teatro
11h – Muito Frio* (Çok Soğuk) – Tiyatro BeReZe–Turquia
Sala:Sala Vermelha
15h – ESTREIA MUNDIALO homenzinho corcunda* (Das bucklige Männlein) –Figurentheater Margrit Gysin – Suíça
Sala:Teatro Azul
17h00 – Henry* – Grupo de Teatro Buenos Aires – Argentina
Sala:Sala Vermelha
19h00 – Romeu e Julieta!* (Romeo & Julie!) – AsterionsHus – seguido de conversa – Dinamarca
Sala: Jardim

No Sesc Campo Limpo:
16h – Muito Frio (ÇokSoğuk) – Tiyatro BeReZe- Turquia
Sala: Container Vermelho
18h30- Alibabá e os 40 Ladrões – Trupe de Truões – Uberlândia, MGBrasil
Sala: Tenda

● SEGUNDA, 26/09
Na Cia Paidéia de Teatro
9h30 – O homenzinho corcunda (Das bucklige Männlein) – Figurentheater Margrit Gysin – Suíça
Sala: Teatro Azul
10h30- Henry – Grupo de Teatro Buenos Aires – Argentina
Sala: Sala Vermelha
11h30 às 13h30 – Mesa de Reflexão – “Como é a política para o Teatro na educação no Brasil e nos outros países?”, com Luvel Garcia Leyva, Sandra Vargas, Paulo Merísio e Valmir Santos – Cinema
15h às 17h – Oficina com Sandra Vargas – Teatro de Objetos Brasil
Sala: Teatro Vermelho
15h às 17h – Conversa com Carlos Di Pasquo- Cenografia – Argentina
Sala: Cinema
18h às 20h – Mesa de Reflexão – “Quais as questões vivenciadas pelas crianças em suas culturas e países e como essas questões são tratadas no Teatro?”, com Andrea Gronemeyer(Alemanha), Amauri Falseti (Brasil, Paidéia), Gabriel MaccióPastorini (Uruguai) e Marici Salomão
Sala: Cinema

● TERÇA- 27/09
Cia Paidéia de Teatro
9h30 –O homenzinho corcunda (Das bucklige Männlein) – Figurentheate Margrit Gysin – Suíça
Sala: Teatro Azul
17h às 19h – Mesa de Reflexão – “Teatro em zonas de guerra e conflito”, com Amauri Falseti (Brasil, Paidéia), MargritGysin (Suíça), Reinaldo Nascimento (Brasil), e Bebê de Soares
Sala: Cinema
20h – Alibabá e os 40 Ladrões* – Trupe de Truões-Uberlândia, MG Brasil
Sala: Teatro Azul

*peças seguidas de conversa

Conheça a Paidéia Associação Cultural

Fundada em 1998 por Amauri Falseti e AglaiaPusch, a Paidéia Associação Cultural é uma instituição regida pela Cia. Paidéia de Teatro que se dedica aos jovens e às crianças. Hoje, sua sede é um importante polo cultural da região de Santo Amaro. Jovens e crianças fazem oficinas semanalmente no local, além de professores, educadores e artistas. 

A Paidéia mantém uma vasta programação cultural e, anualmente, realiza o Festival Internacional Paidéia de Teatro para a Infância e Juventude. Em 2010, a Paidéia recebeu o Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem na Categoria Especial por sua programação intensa e diversificada, e, desde 2009, foi reconhecida como Ponto de Cultura. O grupo teatral conquistou inúmeras indicações e por quatro vezes recebeu o Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem e também o APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte).

A Paidéia vem ganhando cada vez mais reconhecimento e já é considerada uma referência por importantes pensadores do teatro. Após ocupar diferentes lugares da Zona Sul de São Paulo, desde 2006, o grupo passou a ter como sede um antigo pátio de coletores de lixo, em Santo Amaro. O espaço foi cedido pela Prefeitura de São Paulo à Paidéia que, com o apoio de empresas, amigos, alunos e pais de alunos, transformou o galpão, que estava em estado de abandono, em importante polo cultural da região de Santo Amaro.

Ao longo da história da Paidéia, o grupo contou com o apoio de instituições, consulados, artistas, empresas, amigos e dos jovens.

Saiba mais: www.paideiabrasil.com.br