Festa Underground no estilo berlinense embala a exposição Zeitgeist, a arte da Nova Berlim, no CCBB

DJ Gustavo Tatá, coletivo Domina e movimento Finalmente comandam a noite eletrônica no CCBB, que manterá a exposição aberta até três da manhã.

Com a proposta de oferecer ao público uma autêntica noite underground berlinense, Zeitgeist: a Festa completa a exposição Zeitgeist, em cartaz até 04 de abril no CCBB.  O evento, que acontece no dia 19, promete causar: o artista plástico Maurício Ianês e o perfomer Maikon K dão a largada com suas performances, às 22h. Logo após, a música eletrônica irá tomar conta do espaço, com DJs renomados tocando o melhor da música eletrônica.

Durante o evento, na performance “nãoNão”, Maurício Ianês irá induzir o público a participar de um diálogo silencioso com ele, numa troca de ações e vivências. Ianês estará sentado ao lado de uma mesa com uma cadeira à frente para quem se dispuser a participar do “jogo”.

Já Maikon K passará por uma metamorfose em DNA de DAN. Como uma serpente ancestral africana, o performer ficará imóvel enquanto uma substância líquida seca sobre seu corpo. Após cerca de 2 horas, essa substância forma uma segunda pele, que se rasga e serve de alimento para o artista.

À frente do coletivo DOMINA estarão os DJs Marcelo Mudou e Kinkid, responsáveis pela música e pela decoração da festa, com projeções e instalações luminosas. E à meia-noite o carioca Gustavo Tatá, um dos mais renomados e atuantes DJs cariocas, ocupará a mesa. Com 19 anos de carreira, ele flutua pelo House, Deep House, Tech House e tem influências de Disco, RNB, Dub, Reggae e Hip Hop.

Por último, “Finalmente”, o movimento de resistência a favor da música eletrônica – com origem em três países. Formado por Susana Guardado (PT), Michael Jozef (USA), ViniciusAlves, ValentinaHomem e YasminZyngier (BR), o grupo convidará  público a deixar de lado gêneros, dogmas e estereótipos para conhecer o que há de mais novo na cena contemporânea, na música e na dança, tendo a pista como base de ação. 

SOBRE A MOSTRA ZEITGEIST
Com curadoria de Alfons Hug, a exposição “Zeitgeist – Arte da nova Berlim” reúne pela primeira vez, no Brasil, um panorama consistente da produção da respeitada comunidade artística que se concentra na cidade num movimento que começou com o fim da Guerra Fria.

Pintura, fotografia, videoarte, performance, instalações e a cultura dos famosos clubs berlinenses, na visão de 29 artistas dentre os mais destacados da arte contemporânea, compõem o mosaico da exposição Zeitgeist, que aproximará o público brasileiro da realidade artística e cultural de uma Berlim contraditória e fascinante, plural e diversa,  que desconhece limites quando se trata de pensar e viver a arte e se reinventar.

SERVIÇO – Zeitgeist: a Festa 
Data: 19 de março
Horário: das 22h às 3h
CCBB Rio de Janeiro | Rua Primeiro de Março, 66 – Centro – Rio de Janeiro/RJ
Gratuito com distribuição de senha das 20 às 21h na bilheteria.
Sujeito à lotação do espaço
Entrada permitida para maiores de 18 anos
Não é permitida a entrada com armas de fogo, objetos cortantes e/ou pontiagudos, latas, garrafas ou qualquer recipiente de vidro, alimentos e bebidas, objetos que ocultem a face. 

SERVIÇO –  MOSTRA ZEITGEIST
Período: de 27/01 a 04/04/2016
De quarta a segunda de 9 às 21h
Horário de funcionamento no dia 19/03 (sábado) de9 h às 21h, reabrindo às 22h para a festa.

DEIXE UM COMENTÁRIO