Exposição de José Oiticica Filho

Encontros acontecem nos dias 8, 15 e 27 de março, em paralelo à exposição

A Índica Arte e Design fará um ciclo de palestras sobre José Oiticica Filho (1906-1964), que está em exposição na galeria. Pai de Hélio Oiticica, J.O.F. foi um dos grandes nomes da fotografia moderna brasileira, criando experimentações com fotografias construtivas e abstratas através de intervenções no processo de revelação. Serão três encontros durante o mês de março, sempre às terças, às 19h. 

08/03 – Andreas Valentin

Fotógrafo, curador e professor, é vencedor do Prêmio Pierre Verger de Fotografia. Doutor em História Social (UFRJ, 2009), foi aluno e colaborador de Hélio Oiticica. Atualmente coordena o curso de pós-graduação em fotografia no Iuperj/Ucam. Publicou, entre outros, três livros sobre o Festival de Parintins, entre eles Saara Rio de Janeiro e A Fotografia Amazônica de George Huebner.

15/03 – Antonio Fatorelli

Crítico de arte e escritor, possui pós-doutorado pela Universidade de Princeton. É professor da ECO/UFRJ e pesquisador do Núcleo N-Imagem e do Laboratório de Fotografia, Imagem e Pensamento. Coordena o projeto Midiateca da ECO/UFRJ, financiado pela Secretaria Estadual de Cultura do Rio de Janeiro. 

22/03 – Carlo Cirenza e Cesar Oiticica Filho

Curadores da mostra em cartaz na galeria Índica, Carlo Cirenza é fotógrafo e impressor, criador e editor da revista Paparazzi. Foi responsável pela digitalização de toda a obra de José Oiticica Filho, que editou recentemente na revista digital Carcará. Cesar Oiticica Filho é fotógrafo, cineasta e curador. Ganhou prêmios pelo trabalho curatorial com a obra de Hélio Oiticica e prêmios no Brasil e no exterior com o filme “Hélio Oiticica”. Atual coordenador do projeto H.O., Cesar é neto de JOF.

EXPOSIÇÃO

Com curadoria de Cesar Oiticica Filho e Carlo Cirenza, a mostra na Galeria Índica celebra os 110 anos José Oiticica Filho, fotógrafo, pintor e entomólogo brasileiro, pai do artista Hélio Oiticica. A exposição uma breve retrospectiva da obra do artista que, a partir das experiências com a microfotografia de insetos, transformou-se numa referência dos movimentos concretista e neoconcretista na fotografia brasileira. Com cerca de 30 fotografias, a mostra fica em cartaz de 16 de janeiro a 12 de março de 2016, em Ipanema.

JOSÉ OITICICA FILHO (Rio de Janeiro, RJ, 1906 – idem 1964)

Fotógrafo, pintor, entomologista e professor. Filho do pensador anarquista e filólogo José Oiticica (1882-1957) e pai dos artistas visuais Hélio Oiticica (1937-1980) e César Oiticica (1939). Formou-se na Escola Nacional de Engenharia, em 1930, no Rio de Janeiro. Lecionou matemática nos colégios Jacobina, Pedro II, na Faculdade Nacional de Medicina e no Colégio Universitário, entre 1928 e 1962. Foi entomólogo especializado no Museu Nacional da Universidade do Brasil, de 1943 a 1964. Um dos mais influentes membros do movimento fotoclubístico no país, integrou o Foto Clube Brasileiro e a Associação Brasileira de Arte Fotográfica, no Rio de Janeiro, e o Foto Cine Clube Bandeirante, em São Paulo. Participou de exposições em diversos países, recebeu premiações e foi incluído na lista dos melhores fotógrafos do mundo, segundo a Fédération Internationale d’Art Photographique. Em sua trajetória como fotógrafo desenvolveu trabalhos utilitários, que são as microfotografias realizadas para documentar seu trabalho de pesquisador; passou pelos fotoclubes, que congregavam fotógrafos em torno de discussão acerca da técnica e da estética da fotografia; realizou fotografias abstratas e aderiu ao construtivismo, aprofundando a crítica ao figurativo e experimentando novas possibilidades no processo em laboratório, onde recriou a imagem fixada pela câmera. Tornou-se uma das principais figuras da moderna fotografia brasileira

SERVIÇO

Exposição: José Oiticica Filho
Curador: Cesar Oiticica Filho e Carlo Cirenza
Local: Galeria Índica
Período: de 17 de janeiro a 12 de março
Palestras: 08/03 – Andreas Valentin, 15/03 – Antonio Fatorelli e 22/03 – Carlo Cirenza e Cesar Oiticica Filho
Horário das palestras: 19h
Horário da galeria: de terça a sábado, das 11h às 19h
Entrada franca
End.: Rua Visconde de Pirajá, 82 – loja 117, subsolo – Ipanema (em frente à Praça General Osório) – Rio de Janeiro
Tel: (21) 2523-6493
www.indicaarte.com

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui