Expo Design & Utopia e as cidades que receberam os Jogos Olímpicos

Mais de 250 peças, entre elas reproduções gráficas de pôsteres, medalhas, selos, fotografias, mascotes, souvenires e pictogramas criados especialmente para os Jogos Olímpicos estarão expostos entre 09 de agosto e 08 de outubro no Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro (CRAB), no Rio de Janeiro.

A exposição Design & Utopia dos Jogos mostrará a forma como Tóquio 64, México 68, Munique 72, Los Angeles 84 e Barcelona 92 receberam a missão de receber as Olimpíadas. 

Com uma coleção de imagens clássicas e únicas, verdadeiras referências afetivas que remetem aos países e cidades sede dos Jogos no século 20, a exposição destaca momentos históricos, desafios e ápices das cinco edições escolhidas.

barcelonaAs peças são reproduções do acervo do designer suíço Markus Osterwalder, um dos maiores colecionadores de objetos olímpicos do mundo, dono de mais 12 mil peças relacionadas aos Jogos.

Em cada sala, instalações convidam o público a brincar, sentir, criar e interagir com objetos que remetem ao processo de criação de cada designer. E, permeado por pranchetas de desenho e diferentes ferramentas gráficas, um ambiente inspirado nos escritórios de design estará aberto ao público, que poderá apreciar projetos e rabiscar a sua própria ideia, numa experiência mais intimista e criativa.

Um dos destaques da exposição é a acessibilidade, atendendo a cadeirantes e deficientes visuais e auditivos. Com o apoio do consulado Americano e em parceria com a Sapoti Projetos, estão sendo criados áudio guias e objetos que se relacionam a curadoria e permitem uma experiência estética para além do texto e imagem, estimulando outros sentidos.

A exposição Design & Utopia dos Jogos é uma realização do estúdio M’Baraká, em parceria com o Sebrae Rio, com o apoio do Consulado Americano e do Celebra programa Cultural Rio 2016. A curadoria ficou a cargo do coletivo formado por Diogo Rezende, Isabel Seixas, Pedro Leobons e Letícia Stallone, do estúdio M’Baraká

mexicoEdições retratadas na exposição Design & Utopia dos Jogos

Tóquio 64

O Japão foi designado para sediar os jogos de 1940, mas foi forçado a desistir da posição de sede por conta do estopim da Segunda Guerra Mundial. Por isso muita antecipação e novidade envolveu a XVIII edição dos Jogos Olímpicos realizados em Tóquio, cujo projeto gráfico mostrou um Japão moderno e revitalizado para o mundo ocidental. Buscando retratar a surpreendente recuperação japonesa menos de 20 anos depois da derrota na Guerra.

Além de receber o evento pela primeira vez em terras orientais, Tóquio foi a primeira cidade sede a ter os jogos televisionados internacionalmente. A identidade visual dos Jogos, criada por Yusaku Kamekura, retratou magistralmente toda a elegância, minimalismo e equilíbrio ligados à cultura japonesa com uma logomarca simples e expressiva.

México 68

Marcado por intensos acontecimentos políticos e sociais, o ano de 1968 influenciou o mundo de forma decisiva e o México não fugiu deste contexto. O logotipo dos Jogos Olímpicos teve grande popularidade entre os mexicanos e o movimento estudantil que fervilhava à época utilizou a marca para desenhar diversos cartazes e símbolos de protesto.

O design do logotipo do México 68 apresenta um país moderno e fora de estereótipos, mas incorporando da cultura ancestral mexicana. Lance Wyman, jovem design vencedor do concurso, misturou uma clara referência da OP Arte aos grafismos dos povos originários da América Central, influenciando a formação do design no País a partir de então.

Munique 72

A principal estratégia da cidade foi mostrar uma Alemanha diferente daquela que sediou os Jogos em Berlim, sob o comando de Hitler, em 1936. Embora o evento tenha sido marcado por um atentado terrorista, a alegria das cores da Bavária e a precisão técnica e minuciosa do projeto desenvolvido pelo designer gráfico alemão Otto Aicher deixaram um importante legado para o design gráfico olímpico.

Autor de projetos mundialmente conhecidos, como o logotipo da companhia aérea Lufthansa, Otto e sua equipe criaram um sistema de pictogramas para os esportes que foi replicado em outras edições e virou referência internacional.

Los Angeles 84

Los Angeles recebeu os Jogos em duas ocasiões: 1932 e 1984. Nesta última, a cidade não teve concorrentes, foi candidata única em uma campanha completamente diferente da primeira edição. Com soluções de baixo custo e alto impacto, a designer Deborah Sussman quebrou regras e apresentou um projeto multicolorido e lúdico, inspirado na diversidade de cores dos países da Costa do Pacífico, fugindo dos estigmas nacionalistas.

Embora não tenha sido a autora da logomarca (criada por Robert M. Runyan), Sussman criou todos os ambientes dos Jogos e imprimiu sua identidade ao projeto. O design dos Jogos de 1984 retrata muito bem a época e a cidade, com sua excentricidade, informalidade e irreverência.

Barcelona 92

Famosa pelas grandes reformas urbanas que culminaram numa verdadeira transformação da cidade, Barcelona acolheu uma das edições mais populares dos Jogos. A hospitalidade mediterrânea deu um calor extra aos jogos, mas estratégias de marketing foram fundamentais para tornar os Jogos de Barcelona memoráveis. O simpático mascote Cobi, criado pelo renomado designer espanhol Javier Mariscal, foi recordista de vendas e a edição foi a primeira a ganhar um jogo oficial de videogame.

O designer Joseph Trias associou a identidade dos Jogos de Barcelona a grandes artistas da Catalunha: Picasso, Miró, Dali e Gaudi, evidenciando uma linguagem mais quente e humana, mais artística, criativa e pessoal. Inspirado num traço criado à mão, a logo de Trias faz clara alusão aos esportes e os movimentos dos atletas saltando, correndo, livres, em movimento.

Serviço
Exposição Design & Utopia dos Jogos – Coleção Markus Osterwalder
Data: 09 de agosto e 08 de outubro de 2016
Local: Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro (CRAB)
Endereço: Praça Tiradentes, Rio de Janeiro
Dias e horário de funcionamento: De terça a sábado, das 10 às 17 horas
Entrada gratuita
Livre para todos os públicos

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO