Escritora escreve histórias de terror para crianças

Janine Rodrigues lança sua terceira obra, Histórias do Velho Nestor, no próximo dia 29

Em sua terceira obra, a escritora e produtora cultural Janine Rodrigues aposta numa história de terror para divertir a garotada. Em ‘Histórias do Velho Nestor, contando seus contos de horror”, Janine mexe com o imaginário infantil ao retratar um ser medonho que assusta a todos na cidade. A história, que apresenta momentos de arrepios, mas também de emoção, suspense e alegrias, aborda valores como respeito, confiança e amizade. O lançamento acontece no próximo dia 29/05 (domingo), com contação de histórias, tarde de autógrafos e outras atividades gratuitas voltadas para o público infantil.

Terror e suspense é um gênero ainda pouco explorado na literatura infantil brasileira.  A publicação conta a história de Nestor  um velho que assusta a todos na cidade. Anda arrastando uma das pernas e, além disso, tem grandes olheiras e uma estranha caixa de madeira que leva debaixo do braço.

É só o velho aparecer com sua cara amarrada e seu olhar sombrio e todos saem correndo.  Cansado da má fama da cidade o embaixador decide que o tal velho deverá ir embora. Para isso oferece três moedas de ouro e uma carambola mágica para quem conseguir fazer o velho Nestor partir.  Um dia um menino serelepe se muda para a cidade. Decidido a ganhar os prêmios do embaixador ele precisará de um coração amável e muita coragem para resolver tudo.

A obra tem tudo para trazer à tona questões de suma importância para a educação infantil e para propiciar um dialogo sobre a importância de ouvirmos o outro. O livro conta com as incríveis ilustrações de Fernanda Castanho que soube demonstrar de forma extremamente criativa todas as cenas da história.

Leitura para conviver com as diferenças – Para a autora, uma das principais funções da literatura, independente se voltada para crianças, adolescentes ou adultos, é levar o leitor a uma reflexão; é instigá-lo a pensar. Para a escritora, o primeiro passo para resolvermos problemas tais como medos, preconceitos, bullying e discriminação, é preciso, antes de tudo, falar sobre eles. “O diálogo é vital para que se comece a buscar uma solução”,  afirma a autora.

Sobre a autora –  Janine é apaixonada por literatura infantil e escreve desde a infância. Quando era criança e precisava contar ou pedir alguma coisa para sua mãe, escrevia-lhe cartinhas. Quando era adolescente, ganhava do seu cunhado livros e isso despertou seu gosto pela leitura. Seu livro preferido é O menino maluquinho, do Ziraldo. Ziraldo é seu autor preferido e um de suas principais inspirações. Hoje, aos 34 anos, esta carioca divertida e bem-humorada está em sua terceira publicação e a frente da Piraporiando, realiza trabalhos na área da arte literária e na arte de contação de histórias.

Seus trabalhos estão focados na valorização da diversidade cultural. Janine Rodrigues tem se destacado internacionalmente. Sua primeira obra, No Reino da Pirapora (2013), ganhou o Prêmio da Associação Intercultural Latino Americana, na Argentina, e o Prêmio Destaque Artístico Cultural da Sociedade Europeia de Belas Artes, na Áustria.

Suas oficinas acontecem em diversos estados do Brasil e também no exterior como por exemplo na Colômbia, onde recentemente concluiu um projeto.

Serviço:

Lançamento ‘O Velho Nestor e seus Contos de Horror’, da escritora Janine Rodrigues

Quando: 29 de abril (domingo), 16h, na Livraria da Travessa, que fica na Rua Voluntários da Pátria, 97 – Botafogo.

Atividades: encontro com a autora, contação de histórias cantadas e tarde de autógrafos. Grátis

Faixa etária: 04 à 09 anos, mas o programa é para toda a família

DEIXE UM COMENTÁRIO